Clique no mês que deseja visualizar

Estamos acompanhando diariamente os investimentos realizados nas startups do País, e esse número cresceu absurdamente, por isso resolvemos continuar gerando um compilado com todas as informações sobre os deals para que você possa acompanhar de forma ágil e simples os principais movimentos do ecossistema.

2020 com certeza foi um ano histórico para o mercado de investimento em startups. E 2021 também já começou movimentado, não é a toa que já temos o primeiro unicórnio da América Latina do ano: a Madeira Madeira. A startup, com sede em Curitiba, que funciona como um e-commerce de móveis e produtos para casa, após receber um aporte de US$190 milhões passou a valer mais de US$ 1 bilhão. O investimento foi liderado pelo SoftBank Latin America Fund e Dynamo.

Outras novidades

A  Sinqia, empresa especializada em tecnologia e inovação para o mercado financeiro, investirá mais de R$50 milhões em inovação e startups por meio de fundos de Corporate Venture Capital (CVC).

A companhia anunciou o lançamento do Torq Ventures, hub de inovação e, agora, de investimentos da empresa. A novidade na estratégia de Open Innovation, é um movimento para acelerar a inovação na companhia, trazendo evolução para o mercado financeiro. Ela já fechou parcerias com a Astella Investimentos e a PARALLAX Ventures e investirá em empresas que tenham sinergia com seu negócio e que possam trazer complemento ao portfólio e agregar tecnologias emergentes.

Nos próximos cinco anos, os investimentos serão voltados para dois conjuntos de iniciativas: investimentos indiretos, por meio gestora especializadas; e diretos por meio da aquisição de participações minoritárias nas startups que apresentarem sinergia relevante com o ecossistema da empresa.

Outra novidade que também chamou muito a atenção no mês de janeiro foi o novo investimento de US$ 400 milhões que o Nubank recebeu de renomados investidores globais, como GIC, Whale Rock e Invesco. Essa captação, chamada de Série G, colocou o banco digital como uma das cinco instituições financeiras mais valiosas da América Latina.

Confira abaixo outras startups que receberam investimento em Janeiro:

Startup Valor Investidor Saiba mais!
Knewin R$ 40 milhões Oria Capital Saiba mais!
Intera R$ 2,5 milhões investidores-anjo Saiba mais!
Omens R$ 1,4 milhão investidores-anjo Saiba mais!
Credere R$ 2,5 milhões DOMO Invest Saiba mais!
Nomad R$ 30 milhões Monashees Saiba mais!
Wuzu R$ 1,7 milhão equity crowdfunding Saiba mais!
MadeiraMadeira US$ 190 milhões SoftBank Latin America Fund e Dynamo Saiba mais!
HerMoney R$ 600 mil Wishe Saiba mais!
Taxbit Não informado PayPal Saiba mais!
Mambu US$134 milhões TCV Saiba mais!
Zoop R$ 200 milhões FIDC Saiba mais!
ContaÁgil Não informado Alvaro Taiar Saiba mais!
iRancho R$ 1,5 milhão BR Angels Smart Network Saiba mais!
Pontomais Não informado VR Benefícios Saiba mais!
Sensix R$ 1 milhão DOMO Invest e Silver Angels Saiba mais!
EasyJur Não informado Black Founders Fund Saiba mais!
Skore R$ 11 milhões Astella Investimentos Saiba mais!
Globalbot R$ 2 milhões EqSeed Saiba mais!
ViBe Saúde R$ 54 milhões Grupo de investidores Saiba mais!
Pix Mídia Não informado Poli Angels e Domo Invest Saiba mais!
Contabilizei Não informado Softbank Saiba mais!
Ecotrace R$ 3 milhões KPTL Saiba mais!
Carflix Não informado Meli Fund Saiba mais!
Unbox R$ 3,5 milhões Maya Capital Saiba mais!
Deliveroo US$ 180 milhões Atuais investidores Saiba mais!
ThoughtWorks US$ 720 milhões GIC, Siemens AG e outros investidores Saiba mais!
Worc Não informado Honey Island Capital Saiba mais!
Rivian US$ 2,65 bilhões T. Rowe Price Saiba mais!
Volta US$ 125 milhões Goldman Sachs Saiba mais!
Favo R$ 35 milhões GFC e Elevar Equity. Saiba mais!
XP Health US$ 5 milhões Valor Capital Group Saiba mais!
Kuke R$ 500 mi EqSeed Saiba mais!
Atlas Governance R$ 5,6 milhões Venture Debt Saiba mais!
OmniChat R$ 20 milhões Kaszek Ventures e Ebanx Saiba mais!
Vidia R$ 4 milhões Canary e Aimorés Investimentos Saiba mais!
Onfly R$ 2 milhões Cedro Capital Saiba mais!
Stark Não informado Bossa Nova Investimentos Saiba mais!
Tarvos R$ 1,6 milhão Seed4Science Saiba mais!
Ali Crédito R$ 1 milhão GR8 Ventures Saiba mais!
Edmond R$ 40 milhões Golden Distribuidora Saiba mais!
bxblue R$ 38 milhões Igah Ventures Saiba mais!
Playvox US$ 25 milhões Five Elms Capital Saiba mais!
Aprova Digital R$4 milhões Astella Investimentos Saiba mais!
Nubank US$ 400 milhões GIC, Whale Rock e Invesco Saiba mais!
Gonddo Não informado Iporanga Ventures Saiba mais!
Houseasy Não informado Lucas Medola, CFO do PayPal Saiba mais!
Booksy US$ 70 milhões Cat Rock Capital Saiba mais!
Play2Sell R$ 2 milhões crowdfunding e associações de investidores Saiba mais!

*Investimentos no Brasil: R$ 508.400.000,00/ Investimentos internacionais: US$4.499.000.000,00 mais € 5.000.000,00 Estes valores são referências de aportes anunciados durante o mês, podendo não representar a totalidade de investimentos, dentro e fora do país, no período.


Mensalmente vamos atualizar a lista com novos investimentos. Quer contribuir com mais informações? Envie para contato@startupi.com.br.

Clique no mês que deseja visualizar

Passamos a marca de R$ 1,3 bilhão em investimentos em startups no mês de fevereiro. Os destaques ficaram por conta da VidMob, plataforma líder em Intelligent Creative, que recebeu um aporte Série C de US$50 milhões – cerca de R$ 270 milhões – de um grupo de fundos, investidores estratégicos e empresas influentes no mercado de tecnologia criativa.

Alice, healthtech que faz a gestão de saúde de seus membros, também se destacou após receber US$ 33,3 milhões. A rodada Series B ocorre pouco mais de um ano após as primeiras captações Series A e Seed, no valor de US$ 14,5 milhões, em 2019.

O round foi liderado pela ThornTree Capital Partners e contou com aportes da Kaszek Ventures, Canary e Maya Capital, investidores de rodadas anteriores, e também com novos fundos, como Endeavor Catalyst. Ao total, já foram investidos US$ 47,8 milhões na empresa.

Novos investimentos

A Secretaria Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade do Ministério da Economia (Sepec/ME) e o Sebrae, anunciaram investimentos de R$ 44 milhões no InovAtiva Brasil para apoiar 15 mil startups brasileiras nos próximos anos. O objetivo é tornar o país um dos três principais ecossistemas de empreendedorismo inovador do mundo. Para isso, serão oferecidos, de maneira gratuita, serviços de aceleração, oportunidades de conexão com o mercado, capacitação para empreendedores e iniciativas de desenvolvimento dos ecossistemas regionais.  Clique aqui para saber mais!

A Poli Angels, associação de investidores-anjo fundada por ex-alunos da Escola Politécnica da USP, também está com inscrições abertas para a 15ª rodada de aportes. No processo de curadoria, de cada 10 startups inscritas, em média 4 são convidadas para entrevistas. Cada uma delas são focadas em conhecer o time fundador, a solução inovadora, o modelo de negócio, o encaixe com o mercado, a escalabilidade e o mercado endereçável.

Desde sua fundação há dois anos, foram realizadas 14 rodadas de investimentos e 12 aportes, com participação média de 5% nas investidas. O grupo investe majoritariamente em startups early-stage, que recebem mentoria e networking dos investidores para escalar o seu crescimento.

Confira abaixo outras startups que receberam investimento em Fevereiro:

Startup Valor Investidor Saiba mais!
Tindin R$ 1,012 milhões investidores-anjo Saiba mais!
MindMiners R$ 6 milhões KPTL Saiba mais!
Monkey Exchange US$ 6 milhões ITUB4 e Quona Saiba mais!
Peerdustry R$ 3 milhões Redpoint eventures Saiba mais!
Rocket.Chat, US$ 19 milhões Valor Capital Group Saiba mais!
Aeroscan R$ 850 mil EqSeed Saiba mais!
Boston Metal US$ 6 milhões Vale Saiba mais!
InEvent US$ 2 milhões Storm Ventures Saiba mais!
Plataforma A+ R$ 32 milhões Grupo de empreendedores Saiba mais!
Zenklub R$ 45 milhões SK Tarpon e GK Ventures Saiba mais!
Moova Não informado Movile Saiba mais!
W. Dental R$ 2 milhões Fuse Capital Saiba mais!
Beleaf R$ 1,1 milhão GR8 Ventures Saiba mais!
Alice US$ 33,3 milhões ThornTree Capital Partners Saiba mais!
Bornlogic R$ 8 milhões Astella Saiba mais!
Final Level, R$ 8,5 milhões Atmos Capital, Outfield Capital,1st11 e family offices Saiba mais!
TeamHub Não informado Criabiz Ventures Saiba mais!
Edsun Não informado JKH Capital Saiba mais!
BLU365 Não informado KPTL Saiba mais!
Digital Innovation One R$ 3,5 milhões DOMO Invest Saiba mais!
SpaceX US$ 850 milhões Não informado Saiba mais!
Descomplica R$ 450 milhões Invus Opportunities e SoftBank Saiba mais!
MediPreço R$1,6 milhão Bossa Nova Investimentos e Uruau Participações Saiba mais!
Sotran R$ 100 milhões Arlon Group e FitPart Saiba mais!
Pontue Não informado WE Impact Saiba mais!
Tractian R$ 2 milhões Y Combinator e Norte Ventures Saiba mais!
Facilit Tecnologia R$ 3 milhões KPTL Saiba mais!
Trademaster R$ 100 milhões Banco BV Saiba mais!
VidMob US$ 50 milhões Grupo de fundos Saiba mais!
RecargaPay R$ 385 milhões DC Ventures e Fuel Venture Capita Saiba mais!
Pink Farms R$ 4,8 milhões SMU Investimentos Saiba mais!
Abbiamo R$ 2,5 milhões Randon Ventures Saiba mais!
Next Gen US$ 10 milhões Temasek, K3 Ventures, NX Food, FEBE Ventures e Blue Horizon Saiba mais!
3778 R$ 200 milhões Não informado Saiba mais!
Awari R$ 2 milhões investidores-anjo Saiba mais!
Vigilantes do Sono R$ 1,1 milhão Taqtile Saiba mais!
SuperOpa R$ 2,3 milhões SMU Investimentos Saiba mais!
Rede Celer Não informado 3PTEC Brasil, Saiba mais!
BusUp € 5 milhões Proeza Ventures Saiba mais!

*Investimentos no Brasil: R$ 1.364.250.000,00/ Investimentos internacionais: US$ 976.300.000,00. Estes valores são referências de aportes anunciados durante o mês, podendo não representar a totalidade de investimentos, dentro e fora do país, no período.


Mensalmente vamos atualizar a lista com novos investimentos. Quer contribuir com mais informações? Envie para contato@startupi.com.br.

Clique no mês que deseja visualizar

Março foi mais um mês importante para o mercado de investimentos em startups e inovação no Brasil. As startups receberam mais de R$ 4 bilhões em aportes. Um dos destaques foi a Hotmart Company, empresa de tecnologia líder global que oferece a criadores de conteúdo uma plataforma para criar, gerenciar e crescer negócios digitais. A startup recebeu um aporte de R$ 735 milhões (US$ 130 milhões) numa rodada de investimento série C liderada pela TCV com a participação da Alkeon Capital.

A avaliação da companhia não foi divulgada, mas ela continua crescendo no seu status já previamente alcançado de “unicórnio”. Fundada em Belo Horizonte em 2011, ela possui hoje em torno de 1.300 funcionários em 12 escritórios ao redor do mundo (Holanda, EUA, Brasil, Espanha, México, Colômbia e França).

Novos investimentos 

Este mês conversamos com Francisco Jardim, sócio-fundador da SP Ventures, uma das gestoras de Venture Capital mais tradicionais do País especializada no agronegócio, que acaba de criar um novo fundo de cerca de R$ 300 milhões para investir em startups.

Em entrevista ao STARTUPI, Francisco destacou que planeja investir em até 10 empresas e terminar o fechamento do fundo atual superando os R$ 300 milhões, assim como terminar o ano vendendo algumas empresas do portfólio anterior. Clique aqui e confira a entrevista completa.

Também conversamos com Brian Requarth, fundador do site Viva Real, que criou um fundo para investir em startups pelo Brasil. A novidade é uma extensão do que o americano já fazia como investidor-anjo.

O valor estipulado para este fundo é diferente da quantia de um fundo convencional. Inicialmente, o ticket médio deve variar entre US$ 50 a US$ 250 mil dólares. “Trata-se de um rolling fund, que é estruturado assim: a cada trimestre, um novo fundo é oferecido, mas os termos do novo fundo são basicamente idênticos aos do fundo anterior. Este padrão continua enquanto o fundo operar. Esses fundos permanecem abertos a novos investidores a cada trimestre, à medida que nós vamos negociando com as iniciativas que achamos mais interessantes para o negócio”, destacou Brian.

E a Equity Rio Investimentos, dos irmãosBruno e Leonardo Pauletti, também levantou R$ 5 milhões para investir em startups.

Os aportes serão na média de R$500 mil e o foco é investir em startups B2B e B2B2C, em times de empreendedores que estejam full time no negócio, com experiência comprovada na indústria onde estão empreendendo e o produto ou serviço com uma base tecnológica que faça a curva de receita em algum momento se desprender da curva de custos e despesas. Os modelos de negócios mais visados pelos investidores são de Assinaturas, SaaS, Marketplace e E-commerce.

Conheça abaixo as startups que receberam investimento em Março:

Startup Valor Investidor Saiba mais!
Loggi R$ 1,15 bilhão CapSur Capital Saiba mais!
Cora Não informado Próprios funcionários Saiba mais!
Agrisolus Não informado KPTL Saiba mais!
Nocnoc Não informado Olist Saiba mais!
Washout Lavanderia R$ 5 milhões Singular Partners Saiba mais!
Arca R$ 18,2 milhões Diferentes investidores Saiba mais!
Quiron R$ 750 mil Anjos do Brasil Saiba mais!
Flourish US$ 1,5 milhão Canary Saiba mais!
Volocopter € 200 milhões Não informado Saiba mais!
Parfin US$ 1,3 milhão Valor Capital Group Saiba mais!
UOL EdTech Não informado SoftBank Saiba mais!
Ulend R$ 4,8 milhões Três ex-sócios da XP Investimentos Saiba mais!
Sled R$ 7 milhões Astella Investimentos Saiba mais!
Pravaler R$ 180 milhões FIDCs Saiba mais!
Atmosphere R$ 500 mil Cotidiano Saiba mais!
Jovens Gênios R$ 432 mil DOMO Invest Saiba mais!
Z1 Não informado Y Combinator Saiba mais!
Cloud humans R$ 6,3 milhões Canary Saiba mais!
SkillHub Não informado Hotmart Saiba mais!
NOMAH R$ 50 milhões Loft Saiba mais!
Dryve R$ 100 milhões FIDCs Saiba mais!
MeuPortfolio R$ 1 milhão EqSeed Saiba mais!
Voe Tranquilo R$ 2,8 milhões Iporanga Ventures Saiba mais!
Assina Saúde R$ 8 milhões Astella Investimentos Saiba mais!
Prepi Não informado Buzzmonitor Saiba mais!
Cognitivo.ai R$ 2,4 milhões Empiricus Saiba mais!
Solution4Fleet R$ 3 milhões Global Fleet Saiba mais!
Sling Hub R$ 1,5 milhão Urca Angels, Ipanema Ventures e outros investidores Saiba mais!
Neomed R$ 6,5 milhões Positive Ventures Saiba mais!
UCorp Não informado Guilder Capital Saiba mais!
Gonddo US$ 125 mil Y Combinator Saiba mais!
Acqio R$ 50 milhões XP Asset Management Saiba mais!
SumUp R$ 1,3 bilhão Goldman Sachs, Temasek e outros fundos Saiba mais!
Deep Branch € 8 milhões Novo Holdings, DSM Venturing e outros investidores Saiba mais!
Focus IT Não informado Fundo CCN Saiba mais!
AoCubo R$ 5 milhões Ipanema Ventures, CAVIG, InfoCasas e NetVentures Saiba mais!
Fin-X R$ 500 mil DOMO Invest Saiba mais!
CondoConta R$ 6,6 milhões Redpoint eventures Saiba mais!
Laura US$128 mil BID Lab Saiba mais!
Delivery Much Não informado Stone Saiba mais!
88i.io R$ 5 milhões DOMO Invest Saiba mais!
Nuvemshop R$ 500 milhões Accel Partners Saiba mais!
GAV R$ 750mil CapTable Saiba mais!
Loft US$ 425 milhões D1 e outros fundos Saiba mais!
Vórtx R$ 190 milhões FTV Capital Saiba mais!
FinMatch R$ 250 mil Investidores-anjo Saiba mais!
Kenzie Academy Brasil R$ 8 milhões E3 Negócios Saiba mais!
Dialog R$ 4 milhões BR Angels e outros fundos Saiba mais!
Bevy US$ 40 milhões Diversos investidores Saiba mais!
NeuralMed R$ 3,2 milhões Diversos fundos de investimentos Saiba mais!
Open Co R$ 150 milhões IFC, Goldman Sachs e outros fundos Saiba mais!
Digital House R$ 280 milhões Mercado Livre e Globant Saiba mais!
Holberton US$ 20 milhões Redpoint eventures Saiba mais!
Ginger US$ 100 milhões Blackstone Growth Saiba mais!
FitBank R$ 10 milhões CSU Saiba mais!
Linktree US$ 45 milhões Index Ventures e Coatue Saiba mais!
DotPe US$ 27,5 milhões PayU, Info Edge Ventures e Google Saiba mais!
ContaÁgil R$1,3 milhão DOMO Invest Saiba mais!
Hotmart R$ 735 milhões TCV e Alkeon Capital Saiba mais!
Livekindly Collective US$ 335 milhões The Rise Fund Saiba mais!
vhsys Não informado Stone Saiba mais!
Flapper US$ 2 milhões Confrapar Saiba mais!
DeliRec R$ 6,5 milhões Astella Investimentos Saiba mais!
Plus US$ 220 milhões FountainVest Partners e ClearVue Partners Saiba mais!

*Investimentos no Brasil: R$ 4.952.282.000,00 / Investimentos internacionais: US$ 1.217.553.000,00  mais € 208.000.000,00. Estes valores são referências de aportes anunciados durante o mês, podendo não representar a totalidade de investimentos, dentro e fora do país, no período.


Mensalmente vamos atualizar a lista com novos investimentos. Quer contribuir com mais informações? Envie para contato@startupi.com.br.

Clique no mês que deseja visualizar

Só em abril as startups receberam mais de R$ 2 bilhões em investimentos. Segundo pesquisa feita em conjunto pela Associação Brasileira de Private Equity e Venture Capital (ABVCAP) e a KPMG, os investimentos na indústria de Private Equity e Venture Capital começaram o ano com novo recorde, a despeito da continuidade da pandemia e das incertezas econômicas. No primeiro trimestre, os investimentos somaram R$ 10,7 bilhões.

Trata-se do maior volume para um período de três meses desde quando começou a série histórica, em 2020, e representa um crescimento de 87% sobre o mesmo período do ano passado.

Os investimentos em Venture Capital superaram o volume registrado em empresas por fundos de Private Equity em mais de quatro vezes. A indústria de VC totalizou R$ 8,8 bilhões em transações, ante R$ 1,9 bilhões do segmento de PE. Movimento semelhante foi registrado em 2020, quando os investimentos anuais em VC ultrapassaram o volume aportado em PE pela primeira vez na história.

Novos fundos 

A Volpe Capital, gestora de venture capital fundada pelo ex-Softbank André Maciel e que tem Milena Oliveira e Gregory Reider como sócios, anunciou a criação de um novo fundo de US$ 100 milhões para investir em startups.

Em entrevista ao Startupi, André Maciel destacou que o ticket médio de investimento deve variar entre US$ 5 milhões a US$ 10 milhões por companhia, em diferentes estágios de maturação.

Milena Oliveira, partner da Volpe Capital, faz parte de um universo onde apenas 8% dos fundos de investimento contam com mulheres na liderança — segundo dados da International Finance Corporation na América Latina — o que chama a atenção para a necessidade de mudanças e mais inclusão deste público no setor. Em conversa com o Startupi, ela destacou que alguns dos principais desafios para a entrada neste segmento foram a falta de referência e liderança feminina durante seu crescimento profissional. Saiba como ela superou os desafios e confira dicas para mulheres que almejam seguir carreira no mercado de investimento clicando aqui.

Incentivo ao empreendedorismo feminino

O fundo WE Ventures, iniciativa da Microsoft que tem como objetivo incentivar startups de tecnologia liderada por mulheres, anunciou a entrada da Magnamed, fabricante de ventiladores pulmonares, com capital de R$ 4,7 milhões. Por meio do investimento no fundo, a empresa busca direcionar os recursos para startups com inovações principalmente voltadas para a área médica.

Para participar da rodada de investimento, as startups precisam ter faturamento mínimo anual de R$ 200 mil, ser liderada por uma equipe feminina com pelo menos 20% de participação e ter pelo menos uma mulher com cargo de liderança.

Zoom Apps Fund e Amazon Smbhav Venture Fund

Quem também anunciou a criação de um fundo de US$ 100 milhões para investir em startups foi a Zoom,  plataforma de videoconferência. Chamado de Zoom Apps Fund, o foco são startups que criam aplicativos a partir da tecnologia usada pela plataforma. As empresas receberão investimentos iniciais entre US$ 250 mil e US$ 2,5 milhões para construir soluções que se tornarão essenciais para a forma como os clientes da Zoom se encontram, se comunicam e colaboram.

Na índia, a Amazon também anunciou a criação de um fundo de US$ 250 milhões para investir em startups e empreendedores com foco na digitalização de pequenas e médias empresas, agricultura e saúde. O foco do Amazon Smbhav Venture Fund é desbloquear as possibilidades de uma Índia digital.

Conheça abaixo as startups que receberam investimento em Abril:

Startup Valor Investidor Saiba mais!
Glovo US$ 530 milhões Nova York Lugard Road Capital e Luxor Capital Group Saiba mais!
FinanZero R$ 40 milhões VEF, Dunross & Co e Atlant Fonder Saiba mais!
Cora US$ 26,7 milhões Ribbit Capital, Kaszek Ventures, QED e Greenoaks Capital Saiba mais!
Kavak US$ 485 milhões D1 Capital, Ribbit, Bond e Founders Fund Saiba mais!
Wiz US$ 130 milhões Advent International e outros investidores Saiba mais!
Click Cash R$ 5,5 milhões Tolaram Fintech Saiba mais!
Certus Software R$ 1 milhão Bossanova Investimentos, Poli Angels e Esdanio Pereira Saiba mais!
Ramp US$ 115 milhões D1 Capital Partners e Stripe Saiba mais!
Ramper R$ 8 milhões DOMO Invest Saiba mais!
DragApp R$ 2 milhões Investidores-anjo GVAngels Saiba mais!
Allm R$ 287 milhões SOMPO Holdings, Mitsui Bussan, Eisai, Royal Phillips, NID e outros investidores Saiba mais!
Manusis 4.0 R$ 3 milhões Ehtua Capital, Acrux Capital e Gávea Angels Saiba mais!
SambaNova Systems US$ 676 milhões SoftBank Vision Fund 2 Saiba mais!
ConsenSys US$ 65 milhões JP Morgan, Mastercard e UBS Group AG Saiba mais!
Refera R$ 500 mil Grupo Imobiliário Ibagy Saiba mais!
Epic Games US$ 1 bilhão Sony Group Corporation Saiba mais!
Beep Saúde R$ 110 milhões Valor Capital Group Saiba mais!
SpaceX US$ 1,16 bilhão Alphabet e Fidelity Investments Saiba mais!
Fatura Simples R$ 1,4 milhão Holding Elifegroup Saiba mais!
Condofy US$ 100 mil The Venture City Saiba mais!
Olist US$ 23 milhões Goldman Sachs e Redpoint eventures Saiba mais!
Rupee R$ 1,5 milhão Investidores estrangeiros Saiba mais!
Cruise US$ 2,75 bilhões Walmart e investidores institucionais Saiba mais!
Mutuus R$ 1,5 milhão DOMO Invest Saiba mais!
Pontue R$ 500 mil WE Impact, WIM Angels e Eleva Educação Saiba mais!
Clubhouse US$ 4 bilhões Andrew Chen e outros investidores Saiba mais!
Juntos Somos Mais R$ 100 milhões Sócias fundadoras Saiba mais!
Open Co R$ 1,5 bilhão FIDCs Saiba mais!
Rezolta – Creative Solutions R$ 300 mil José Semenzato e Luiza Helena Trajano Saiba mais!
Hash US$ 15 milhões QED, Kaszek e Canary Saiba mais!
Verge Ag Não informado SP Ventures Saiba mais!
BlaBlaCar US$ 115 milhões VNV Global Saiba mais!
Elleve R$ 28 milhões Sócios e fundos de investimento privados Saiba mais!
Investtools Não informado Vórtx Saiba mais!
Adroit Robotics R$2,25 milhões Não informado Saiba mais!
ActiveCampaign US$ 240 milhões Tiger Global, Dragoneer e outros investidores Saiba mais!
Loft US$ 100 milhões Baillie Gifford e outros investidores Saiba mais!
Delfos R$ 5 milhões DOMO Invest, EDP Ventures e outros investidores Saiba mais!
PagCondomínio Não informado Goldstreet Venture Capital e Saiba mais!
Brex US$ 425 milhões Tiger Global Saiba mais!
DRIC US$ 3,5 milhões Grupo internacional, composto por empresários e FJLabs Saiba mais!
Afya Educacional R$ 822 milhões SoftBank Latin America Fund Saiba mais!
Warren R$ 300 milhões GIC Saiba mais!
Merama US$ 160 milhões Monashees, Valor Capital, Balderton e MAYA Capital Saiba mais!
Yes, We Grow R$ 3 milhões Investidores-anjo Saiba mais!
iFriend R$2 milhões CapTable Saiba mais!
Plano R$ 500 mil Bossanova Investimentos Saiba mais!
Wiboo R$ 15 milhões Grupo Shibata Saiba mais!
Membran-i R$ 4 milhões Não informado Saiba mais!

*Investimentos no Brasil: R$ 2.743.950.000,00 / Investimentos internacionais: US$ 12.019.300.000,00. Estes valores são referências de aportes anunciados durante o mês, podendo não representar a totalidade de investimentos, dentro e fora do país, no período.


Mensalmente vamos atualizar a lista com novos investimentos. Quer contribuir com mais informações? Envie para contato@startupi.com.br.

Clique no mês que deseja visualizar

As startups receberam mais de R$ 1 bilhão em investimentos no mês de maio. Um dos destaque foi o QuintoAndar, maior plataforma digital de moradia da América Latina, que fechou sua rodada série E de captação, levantando US$ 300 milhões, o que quadruplica seu valor de mercado (valuation) para US$ 4 bilhões.

Novos fundos

ArcelorMittal, siderúrgica multinacional produtora de aço, anunciou a criação de um fundo de mais de R100 milhões para investir na aceleração de startups e pequenas empresas inovadoras. Os investimentos do novo fundo, chamado Smart Ventures, estão previstos para os próximos quatro anos e serão destinados a empreendimentos no Brasil e em outros países da América Latina que tenham alto potencial de crescimento.

estratégia é identificar startups que tenham solução validada e que desenvolvam novos negócios, produtos e serviços ou incorporem novas tecnologias para aumentar a competitividade e enriquecer a proposta de valor da cadeia da ArcelorMittal. As startups selecionadas estarão relacionadas às áreas de Siderurgia, Mineração, Construção Civil, Indústria, Sustentabilidade, Logística, Comercial, Varejo e Distribuição.

A Indicator Capital, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e a Qualcomm Ventures também lançaram o Fundo Indicator 2 IoT FIP com valor captado de R$ 240 milhões, focado em investimentos early-stage.

O fundo conta com sete grandes investidores. Além dos criadores do edital, foram captados recursos do Banco do Brasil, Multilaser, Motorola, Lenovo, Telefônica Ventures/Vivo, entre outros investidores institucionais e corporativos.

Direcionado para startups que desenvolvem serviços e produtos relacionados a IoT e Conectividade, o fundo impulsiona o Plano Nacional de IoT, acelerando tecnologias de setores estratégicos para o País, como Agricultura, Saúde, Indústria 4.0, Cidades Inteligentes e Mobilidade.

Há seis anos investindo na aquisição de novas empresas para ampliar o portfólio de soluções digitais do Grupo Stefanini, que hoje representa 40% do faturamento de quaseR$ 5 bilhões previstos para 2021, podendo chegar a 60% em até dois anos, Marco Stefanini decidiu que era o momento de investir em um novo modelo de negócios: abrir uma venture capital para alavancar startups, empresas nativas digitais ou ativos que possam ser digitalizados.

Diferentemente da Stefanini Ventures, que reúne empresas em que a multinacional detém a maior parte das ações e busca oferecer soluções de ponta a ponta para diferentes verticais, o novo modelo funcionará como um fundo de investimentos totalmente independente do Grupo Stefanini.

A ideia é atrair sócios – outro fundo de venture capital ou family office – para captar R$ 300 milhões, que serão utilizados, a partir de agosto, não apenas para financiar projetos, mas auxiliar no desenvolvimento de empresas com soluções inovadoras para o mundo digital.

EXIT

No mês de maio o Startupi, em parceria com a Bossanova Investimentos, lançou o Exit in Action!, programa em vídeo e podcast onde é possível conhecer de perto o que está por trás dos cases de empreendedores de sucesso com casos de EXIT para os investidores, seus diferenciais e atitudes que fizeram suas startups elevarem o valuation no mercado a ponto de serem compradas por grandes empresas.

Geraldo Santos, CEO do Startupi e João Kepler, CEO da Bossanova Investimentos, comandam as entrevistas com os convidados especiais. Clique abaixo e confira os episódios completos:

Conheça abaixo as startups que receberam investimento em maio:

Startup Valor Investidor Saiba mais!
a55 US$ 35 milhões Accial Capital, E3 Negócios e Mouro Capital Saiba mais!
GamerSafer R$ 1,5 milhão GVAngels e Harvard Angels Saiba mais!
Alt.bank US$ 5,5 milhões Union Square Ventures Saiba mais!
180° Seguros R$ 44 milhões Canary, Dragoneer e Rainfall Saiba mais!
Novidá R$ 875 mil EqSeed Saiba mais!
Bitso US$ 250 milhões Tiger Global e outros investidores Saiba mais!
Dreamstage Não informado Deezer Saiba mais!
EuNerd Não informado Positivo Tecnologia Saiba mais!
Baduk R$ 800 mil Anjos do Brasil Saiba mais!
Tera Não informado Arco Educação Saiba mais!
Sky.One R$ 45 milhões Inovabra Ventures Saiba mais!
CustomerX R$ 1,5 milhão Grupos de investidores Saiba mais!
eCondos Não informado Iporanga Ventures Saiba mais!
SoluBio R$ 13,5 milhões Venture Debt Saiba mais!
Manda pro Financeiro R$ 400 mil Anjos do Brasil Saiba mais!
Sensedia R$ 120 milhões Riverwood Capital Saiba mais!
Hashdex R$ 135 milhões Valor Capital Group e outros investidores Saiba mais!
Quicko R$ 100 milhões Grupo CCR e J2L Partners Saiba mais!
Divibank US$ 3,6 milhões Better Tomorrow Ventures Saiba mais!
B4A R$ 10 milhões AcNext Capital e outros investidores Saiba mais!
Mimo Live Sales Não informado Sabrina Sato Saiba mais!
Connectabil R$ 750mil Anjos do Brasil e 1289 Capital Saiba mais!
Shopper R$ 120 milhões Minerva e Quartz Saiba mais!
TruggHub R$ 1,4 milhão Randon Ventures Saiba mais!
SumUp R$ 300 milhões FIDC Saiba mais!
LAURA R$ 10 milhões GAA Investment Saiba mais!
CargOn R$ 2,5 milhões VIASOFT Saiba mais!
Brota Company R$ 1 milhão APEX Partner Saiba mais!
People Club R$ 2,1 milhões Grupo ROIT Saiba mais!
Goomer R$ 15 milhões Bridge One e outros fundos Saiba mais!
Beejobs R$ 48 milhões Capital Indigo Saiba mais!
Daring Foods US$ 40 milhões Drake e outros investidores Saiba mais!
Voltz R$ 100 milhões Creditas e UVC Investimentos Saiba mais!
Yalo US$ 50 milhões B Capital Group Saiba mais!
Onze R$ 53 milhões Ribbit Saiba mais!
ADDI US$ 65 milhões Union Square Ventures e outros investidores Saiba mais!
Carefy R$ 1,7 milhão Bossanova Investimentos e Elife Participações Saiba mais!
Justos R$ 15 milhões Kaszek, Big Bets e outros investidores Saiba mais!
Aegro R$ 12 milhões SP Ventures, ABSeed e outros investidores Saiba mais!
Witseed R$ 920 mil Criabiz Ventures e Anjos do Brasil Saiba mais!
Clara US$ 30 milhões DST Global Partners e outros fundos Saiba mais!
QuintoAndar US$ 300 milhões Ribbit e outros fundos Saiba mais!
Azos R$ 350 mil Kaszek Ventures, Maya Capital, Propel e investidores-anjo Saiba mais!

*Investimentos no Brasil: R$ 1.163.620.000,00 / Investimentos internacionais: US$ 779.100.000,00. Estes valores são referências de aportes anunciados durante o mês, podendo não representar a totalidade de investimentos, dentro e fora do país, no período.

Clique no mês que deseja visualizar

Em junho as startups receberam mais de R$ 2 bilhões em investimentos. Um dos destaques foi o Nubank que recebeu US$ 750 milhões. US$ 500 milhões da Berkshire Hathaway, do Warren Buffet, uma das maiores empresas abertas em todo o mundo. E US$ 250 milhões da Sands Capital com participação de alguns dos mais conhecidos investidores brasileiros: Absoluto Partners, gestora de recursos cofundada por José Zitelmann e Gustavo Hungria, e Verde Asset Management, gestora liderada por Luis Stuhlberger.

Ao todo, o Nubank levantou cerca de US$ 2 bilhões ao longo de sua história, o que coloca a empresa como umas das instituições financeiras mais valiosas da América Latina.

Outro destaque foi o EBANX, uma das maiores empresas de pagamento do mundo para clientes globais, recebeu uma nova rodada de investimento de US$ 430 milhões da Advent International.

Com o acordo, a Advent investe agora US$ 400 milhões e compromete outros US$ 30 milhões para apoiar o futuro IPO da companhia brasileira, a ser realizado nos Estados Unidos.

Gympass, maior plataforma de bem-estar corporativo, também anunciou que os fundos Softbank, General Atlantic, Moore Strategic Ventures, Kaszek e Valor Capital Group se juntam à sua missão de tornar o bem-estar universal com uma nova rodada de investimento de US$ 220 milhões.

À medida que as pessoas voltam às academias, o valuation do Gympass mais do que dobrou, para US$ 2,2 bilhões, refletindo a importância cada vez maior que as empresas estão dando para o bem-estar.

Novos investimentos

G3 Ventures, FIP de R$ 100 milhões, fruto da união entre a G2 Capital e a Garin Investimentos, está em busca das primeiras startups para investir. De acordo com Saulo Mendes, um dos diretores do G3, o fundo procura empresas que usem tecnologias como Inteligência Artificial, Blockchain e Big Data.

Os segmentos mais promissores são os de saúde, com as Healthtechs , o de educação (Edtechs), finanças (Fintechs, o de agronegócio (Agtechs),), logística (Logtechs), e negócios de impacto positivo (que incluam boas práticas de ESG).

As movimentações financeiras também estão aquecidas no setor de tecnologia catarinense. A onda de investimentos, processos de fusões e aquisições e estreia de empresas na bolsa de valores, que teve início no fim de 2020, segue a todo vapor com novos anúncios. A Associação Catarinense de Tecnologia (ACATE) estima que nos últimos cinco  meses foram injetados mais de R$ 5 bilhões em empresas do estado por meio destes aportes e, até o fim de de 2021, a expectativa é alcançar pelo menos mais R$ 1 bilhão em investimentos em negócios na economia catarinense por meio do setor de tecnologia.

Conheça abaixo as startups que receberam investimento em junho:

Startup Valor Investidor Saiba mais!
Belvo US$ 43 milhões Future Positive e outros investidores Saiba mais!
idwall R$ 210 milhões Endurance e outros investidores Saiba mais!
NotCo Não informado Enlightened Hospitality Investments Saiba mais!
Fracttal R$ 30 milhões Seaya Ventures e GoHub Ventures Saiba mais!
Síntese B2B R$ 9 milhões KPTL e Interplayers Saiba mais!
Semexe R$ 5 milhões DOMO Invest e outros investidores Saiba mais!
One More Não informado Grupo Bauducco Saiba mais!
Brisa Robótica R$ 1,2 milhão DOMO Invest Saiba mais!
Nubank US$ 500 milhões Berkshire Hathaway Saiba mais!
Company Hero R$ 3,2 milhões Allievo Capital e outros investidores Saiba mais!
Mark 2 Market R$ 10,8 milhões KPTL e Mantiqueira Participações Saiba mais!
Buser R$ 700 milhões LGT Lightrock e outros investidores Saiba mais!
Karvi US$ 10 milhões Pelham Capital e outros investidores Saiba mais!
Meutudo. R$ 300 milhões Goldman Sachs Saiba mais!
Camerite R$ 15 milhões Zaphira Saiba mais!
EBANX US$ 430 milhões Advent International Saiba mais!
RadarFit R$ 3 milhões DOMO Invest e outros investidores Saiba mais!
Duda R$ 250 milhões Claridge e outros investidores Saiba mais!
Evollo R$ 15 milhões Z3 Participações Saiba mais!
Memed R$ 300 milhões DNA Capital Saiba mais!
Veriza R$ 1,5 milhão CapTable Saiba mais!
Franq Openbank R$20 milhões Valor Capital Group Saiba mais!
Uello R$ 17 milhões Btomorrow Ventures e outros investidores Saiba mais!
Betterfly US$ 60 milhões DST Global e outros investidores Saiba mais!
Accountfy US$ 4,5 milhões Redpoint eventures e HD Saiba mais!
Liv Up R$ 180 milhões Lofoten Capital e outros investidores Saiba mais!
Yield Guild Games US$ 4 milhões BITKRAFT Ventures e outros investidores Saiba mais!
goFlux R$ 6 milhões ADM Venture Capital Saiba mais!
Yuca US$ 10 milhões Monashees Saiba mais!
DNC R$ 1,1 milhão Marcelo Abbrita, CEO da Buser Saiba mais!
Leadster R$ 1 milhão Prana Capital e outros investidores Saiba mais!
Frubana US$ 65 milhões Hans Tung e outros investidores Saiba mais!
Konfío US$ 125 milhões Lightrock e outros investidores Saiba mais!
Autoforce R$ 2,3 milhões GV Angels e BR Angels Saiba mais!
Essent Agro R$ 700 mil CapTable Saiba mais!
Solfácil R$ 160 milhões QED Investors e Capital Group Saiba mais!
Chatbot Maker R$ 1,5 milhão KPTL Saiba mais!
Cora R$ 9 milhões Ribbit Capital e outros investidores Saiba mais!
Skeel R$ 1,5 milhão Metadados Saiba mais!
Grana Capital R$ 5 milhões SMU Saiba mais!
Monuv R$ 4 milhões Indicator Capital Saiba mais!
Sellbie R$ 1,5 milhão KPTL Saiba mais!
Flash US$ 22 milhões Tiger Global e outros investidores Saiba mais!
Anthor R$ 7 milhões Involves e outros investidores Saiba mais!
GoApp R$ 1,7 milhão GVAngels e outros investidores Saiba mais!
StarHire 365 R$ 3 milhões Grupo Educacional SEDA Saiba mais!
CMR Surgical US$ 600 milhões SoftBank e Ally Bridge Group Saiba mais!
Gympass US$ 220 milhões Softbank e outros investidores Saiba mais!
P027 R$ 3 milhões DOMO Invest Saiba mais!
LandApp R$ 1,7 milhão BR Angels e GVAngels Saiba mais!
Goomer R$ 15 milhões Bridge One e outros investidores Saiba mais!
Loopi US$ 5 milhões Monashees e outros investidores Saiba mais!

*Investimentos no Brasil: R$ 2.300.400.000,00/ Investimentos internacionais: US$ 2.078.500.000,00. Estes valores são referências de aportes anunciados durante o mês, podendo não representar a totalidade de investimentos, dentro e fora do país, no período.

Clique no mês que deseja visualizar

As startups receberam mais de R$ 1 bilhão em investimento em julho. Um dos destaques foi o Mercado Bitcoin, uma das maiores plataformas de ativos digitais da América Latina, que concluiu um acordo para receber um aporte de R$ 1 bilhão (US$ 200 milhões) do Softbank Latin American Fund. Essa foi a maior rodada Série B da América Latina e, ao mesmo tempo, o maior investimento em uma empresa cripto já realizado pelo SoftBank na região. A rodada também garantiu a startup um valuation de US$ 2,1 bilhões e com isso, o título de unicórnio.

E temos mais um unicórnio na América Latina, a NotCo, startup Chilena de alimentos a base de plantas. Em julho ela garantiu um investimento de US$ 235 milhões em uma rodada de financiamento Série D, liderada pela Tiger Global, e sua avaliação de valor de mercado aumentou para US$ 1,5 bilhão.

A Rappi, startup colombiana de delivery, também recebeu um aporte de US$ 500 milhões. A rodada foi liderada pela T. Rowe Price acompanhada pelos novos investidores Baillie Gifford, Third Point e Octahedron, bem como pelo GIC e Softbank, que já fazem parte do grupo de investidores, que inclui ainda a DST Global, Y Combinator, Andreessen Horowitz e Sequoia Capital.

Outro destaque do mês de julho foi o IPO da VTEX, que foi encerrado no dia 23/07. A VTEX pretende utilizar os lucros líquidos desta oferta para fins corporativos gerais, que podem incluir investimentos para o desenvolvimento de software, produtos ou tecnologias, investimentos na expansão internacional das suas operações, financiamento de futuras fusões e aquisições oportunas, ou investimentos em negócios complementares, e manutenção da liquidez.

Novos investimentos

A Poli Angels, associação de investidores-anjo fundada por ex-alunos da Escola Politécnica da USP apaixonados por inovação e tecnologia, está com inscrições abertas para a 18ª rodada de aportes.

Em 2020, o grupo investiu R$ 2,2 milhões em oito startups, dobrando o valor investido em 2019. Desde sua fundação, a Poli Angels realizou 13 aportes, com participação média de 5% nas investidas, majoritariamente em startups early-stage, que recebem mentoria e networking dos investidores para escalar o seu crescimento.

Conheça abaixo as startups que receberam investimento em julho:

Startup Valor Investidor Saiba mais!
Livance R$ 30 milhões Grupo de investidores Saiba mais!
Minha Quitandinha R$ 550 mil Não informado Saiba mais!
Lastlink US$ 1,4 milhão Canary e outros investidores Saiba mais!
Aarin R$ 2 milhões RB3 Participações e Cubos Venture Studio Saiba mais!
Investo R$ 15 milhões Investidores-anjo Saiba mais!
BiUP Seja Mais R$ 2 milhões Victor Rocha Saiba mais!
Topway R$ 3 milhões Investidores-anjo Saiba mais!
Divid R$ 500 mil Rede de Investidores Anjo (RIA-SC) Saiba mais!
Yooga R$ 1,5 milhão Apex Partners Saiba mais!
Aleph Farms US$ 2,5 milhões BRF Saiba mais!
Guru R$ 12 milhões Turim MFO Saiba mais!
Nexodata R$ 35 milhões MELI Fund e outros fundos Saiba mais!
goLiza R$ 300 mil Virgo Ventures Saiba mais!
Rocketmat R$ 8 milhões Smart Money Ventures Saiba mais!
will bank R$ 250 milhões Private Equity da XP e Atmos Capital Saiba mais!
Beejobs US$ 3,2 milhões ECAP Saiba mais!
VU Security R$ 60 milhões Globant, BID LAB e outros fundos Saiba mais!
Croct R$ 7 milhões Astella Investimentos Saiba mais!
Mobees R$ 5,5 milhões We Ventures, Flex e Multilaser Saiba mais!
Usadosbr R$ 5 milhões DOMO Invest Saiba mais!
Paytrack R$ 8,5 milhões Parceiro Ventures Saiba mais!
Senior Concierge R$ 500 mil Gustavo Roxo, Mariano García Valiño e outros investidores Saiba mais!
Dinie US$ 3,8 milhões Accion Venture Lab, K50 Ventures e outros investidores Saiba mais!
TiNDLE US$ 20 milhões GGV Capital Saiba mais!
Musii R$ 500 mil BR Angels Smart Network Saiba mais!
Freto R$ 22,5 milhões Diversos Investidores Saiba mais!
Famosos.com US$ 4,5 milhões Flybridge Capital Saiba mais!
Celcoin R$ 55 milhões Torq Ventures, Vox Capital e boostLab Saiba mais!
Nuvidio R$ 1 milhão Fundo Anjo da DOMO Invest, Urca Angels e outros investidores Saiba mais!
Curseria R$ 25 milhões Igah Ventures e Fitpart Saiba mais!
Blu R$ 300 milhões Warburg Pincus Saiba mais!
Horus R$ 7 milhões Neogrid Saiba mais!
Daki US$ 170 milhões Tiger Global, GGV Capital e outros investidores Saiba mais!
Cobli R$ 175 milhões SoftBank Saiba mais!
Valoreo US$ 30 milhões Presight Capital, Kingsway Capital e outros investidores Saiba mais!
Darwin R$ 11milhões Invisto Capital e Duxx Saiba mais!
Rappi US$ 500 milhões T. Rowe Price e outros investidores Saiba mais!
CUBi Energia R$ 1,5 milhão Bossanova Investimentos e outros fundos Saiba mais!
Clara US$ 5 milhões Fundadores de unicórnios e investidores-anjo Saiba mais!
EmCasa R$ 110 milhões Globo Ventures e outros fundos Saiba mais!
GamerSafer R$ 3,2 milhões Indicator Capital e outros fundos Saiba mais!
GoBots R$ 2,2 milhões Invest Tech e Aimorés Investimentos Saiba mais!
Plamev Pet Não informado FIR Capital, Health Invest e Duxx Saiba mais!
NotCo US$ 235 milhões Tiger Global Saiba mais!
Resilia Não informado XP Inc. Saiba mais!
GoCache R$ 3,2 milhões KTPL, ABSeed e outros investidores Saiba mais!
WE Impact R$ 1 milhão KPMG Saiba mais!
Taxcel R$1 milhão EqSeed Saiba mais!
Uiclap R$ 664 mil Poli Angels Saiba mais!
Agenzia MKT R$ 800mil Anjos do Brasil Saiba mais!
Nomad R$ 100 milhões Monashees, Spark Capital e outros fundos Saiba mais!
Valora US$ 20 milhões Andreessen Horowitz, Polychain Capital e outros investidores Saiba mais!
Pipo Saúde R$ 100 milhões Thrive Capital e outros investidores Saiba mais!
ABC da Construção R$ 103 milhões Duratex Saiba mais!
Mercado Bitcoin US$ 200 milhões Softbank Latin American Fund Saiba mais!
Plific Não informado Investtools Saiba mais!
Uniclap R$ 664 mil Poli Angels Saiba mais!
Axenya US$ 3 milhões big_bets, Igah, Ventures e outros fundos Saiba mais!
Flex Interativa R$ 1 milhão Investidores-anjo Saiba mais!
Gupshup US$ 240 milhões Fidelity Management and Research Company LLC e outros investidores Saiba mais!

*Investimentos no Brasil: R$ 1.368.078.000,00/ Investimentos internacionais: US$ 1.439.900.000,00. Estes valores são referências de aportes anunciados durante o mês, podendo não representar a totalidade de investimentos, dentro e fora do país, no período.

Clique no mês que deseja visualizar

O mês de agosto ultrapassou todos os recordes de investimentos já realizados em um único mês. Foram mais de R$ 6 bilhões em aportes em startups só dentro do Brasil.

Parte desse valor foi arrecado em uma única rodada pela Nuvemshop, plataforma de e-commerce líder na América Latina com mais de 90 mil lojas on-line, que garantiu um investimento de US$ 500 milhões (cerca de R$ 2,6 bilhões). Com o novo aporte, a empresa passou a valer US$ 3,1 bilhões garantindo o título de unicórnio.

A captação Series E foi coliderada pelos fundos Insight Partners, que já investiu no Twitter e no Grupo Alibaba, e Tiger Global Management, que já investiu no Spotify e Uber, com importante participação dos fundos Alkeon e Owl Rock.

E falando em Series E, no mês de agosto o Quinto Andar, uma das maiores plataformas de moradia da América Latina, captou US$ 120 milhões em uma extensão à sua Série E de investimento. O aporte foi coliderado pela Greenoaks e pela Tencent, elevando o valuation da companhia brasileira para US$ 5,1 bilhões.

Outro grande destaque foi a Movile, empresa que investe e desenvolve negócios de tecnologia como iFood, MovilePay, PlayKids, Afterverse, Sympla e Zoop. A empresa recebeu um novo aporte de R$ 1 bilhão (US$ 200 milhões) – o maior investimento primário em uma única rodada desde a fundação da empresa, em 1998. O investimento foi feito pela Prosus, grupo global de internet e um dos maiores investidores em empresas de tecnologia do mundo, e o principal investidor da Movile desde 2008. Para os próximos meses, a Movile planeja continuar investindo em suas empresas atuais, além de expandir seu portfólio, focando nas verticais de logística, fintechs e games.

Quem também garantiu um investimento foi a Cora, startup de serviços financeiros simples e acessíveis para as PMEs. A fintech levantou US$ 116 milhões ( mais de R$ 600 milhões) – como rodada Series B. O investimento foi liderado pelo fundo americano Greenoaks Capital, que decidiu antecipar a rodada, prevista para 2022. Participam também Ribbit Capital, Kaszek Ventures, QED Investors, Tiger e Tencent, esses dois últimos como novos investidores.

Confira abaixo todas startups que receberam investimento em agosto:

Startup Valor Investidor Saiba mais!
Movile R$ 1 bilhão Prosus Saiba mais!
Marlim.Co R$ 1 milhão EqSeed Saiba mais!
Avenue Securities R$ 150 milhões SoftBank Saiba mais!
Omie R$ 580 milhões SoftBank e outros fundos Saiba mais!
Unico R$ 625 milhões General Atlantic e SoftBank Saiba mais!
UCorp R$ 440 mil Fundador do Webmotors Saiba mais!
InstaCarro R$115 milhões J Ventures e outros fundos Saiba mais!
Moises US$ 1,6 milhão Kickstart Fund e outros investidores Saiba mais!
Caju R$ 45 milhões Valor Capital Group e outros fundos Saiba mais!
Pluggy R$ 3 milhões Gávea Angels, Plug and Play e Urca Angels Saiba mais!
Jupiter US$ 44 milhões Nubank, Sequoia Capital e Matrix Partners Saiba mais!
Salux R$ 50 milhões SBPar Saiba mais!
Crehana US$ 70 milhões General Atlantic Saiba mais!
LogComex US$ 10,3 milhões Alexia Ventures e outros fundos Saiba mais!
Insider R$ 12 milhões BoostLAB Saiba mais!
inGaia R$ 95,2 milhões Jive Investments Saiba mais!
Manusis US$ 1 milhão Não informado Saiba mais!
Marvin Não informado Canary Saiba mais!
Cyon R$ 300 mil José Carlos Semenzato Saiba mais!
Conecta Médico Não informado Interplayers Saiba mais!
Digibee R$ 13,5 milhões Venture Debt Saiba mais!
Questions Of R$ 500 mil Não informado Saiba mais!
Assina Saúde R$ 8 milhões Astella Investimentos Saiba mais!
Sirius R$ 5 milhões Diversos investidores Saiba mais!
F360º R$ 50 milhões HIX Capital Saiba mais!
Equilibrium R$ 1,5 milhão HiPartners Capital & Work e a Invisto Saiba mais!
Education Journey R$ 1,2 milhão Latitud Fund e outros fundos Saiba mais!
Mareo R$ 5 milhões KPTL e Cedro Capital Saiba mais!
Mutual R$ 22 milhões Não informado Saiba mais!
NeuralMed R$ 10 milhões Grupo NotreDame Intermédica Saiba mais!
HeroSpark R$ 17 milhões Alexia Ventures Saiba mais!
Nuvemshop R$ 2,6 bilhões Insight Partners e Tiger Global Management Saiba mais!
Merqueo US$ 50 milhões IDC Ventures e outros fundos Saiba mais!
Beedoo Edtech R$ 20 milhões Marco Serralheiro e Marcus Buaiz Saiba mais!
Holistix R$ 8 milhões Anjos do Brasil Saiba mais!
Kovi US$ 100 milhões Valor Capital Group e outros fundos Saiba mais!
Frizata R$ 25 milhões SP Ventures Saiba mais!
QuintoAndar US$ 120 milhões Greenoaks e Tencent Saiba mais!
Immunize System R$ 2 milhões Leavening Saiba mais!
Yield Guild Games (YGG) US$ 4,6 milhões Andreessen Horowitz (a16z) Saiba mais!
M.Victor R$ 300 mil investidores-anjo Saiba mais!
Vida Veg R$ 18 milhões X8 Investimentos Saiba mais!
Faster R$ 1,2 milhão Fundo Anjo Saiba mais!
Cora US$ 116 milhões Greenoaks Capital e outros fundos Saiba mais!
Destra R$ 600 mil Bossanova Investimentos Saiba mais!
Take and Go Não informado 7Stars Ventures Saiba mais!
Dioxd Não informado AgroVen e GR8 Ventures Saiba mais!
Dr.Cash R$ 1,5 milhão Bossanova e Incubate Fund Saiba mais!
Marco Investimentos R$ 6,5 milhões XP Investimentos Saiba mais!
Amachains R$ 400 mil Anjos do Brasil Saiba mais!
Driven R$ 16 milhões Iporanga Ventures Saiba mais!
TrackerUp R$ 1 milhão EqSeed Saiba mais!
RoutEasy R$ 5,8 milhões UVC Saiba mais!
Tuna US$ 3 milhões Canary e Atlantico Saiba mais!
Box Delivery Não informado Aliansce Sonae Saiba mais!
Abstra R$ 3,6 milhões Iporanga Ventures Saiba mais!
Suflex R$ 2 milhões GVAngels Saiba mais!
Petlove&Co R$ 750 milhões Riverwood Capital e outros fundos Saiba mais!
Houseasy R$ 640 mil Thiago Nigro e Bossanova Investimentos Saiba mais!
Galícia Educação R$ 5 milhões investidores-anjo Saiba mais!
Flix R$ 5 milhões Domo Invest Saiba mais!
BiUP Educação R$ 2 milhões Victor Rocha Saiba mais!
DataLand R$ 5 milhões GHT4 Saiba mais!
ZigPay R$ 40 milhões Empresários de Varejo Saiba mais!

*Investimentos no Brasil: R$ 6.330.180.000,00/ Investimentos internacionais: US$ 520.500.000,00. Estes valores são referências de aportes anunciados durante o mês, podendo não representar a totalidade de investimentos, dentro e fora do país, no período.

Clique no mês que deseja visualizar

As startups receberam mais de R$ 2 bilhões de investimentos em setembro. O mês também foi repleto de grandes novidades e lançamentos. Começando pelo SoftBank Group Corp., que anunciou o lançamento do SoftBank Latin America Fund II (“Fund II”), seu segundo fundo de investimento privado. Com ele, será investido inicialmente US$ 3 bilhões em empresas de tecnologia no mercado latino-americano. Segundo a companhia, o Fund II ainda está explorando opções para levantar capital adicional.

Em seguida vem uma plataforma de comércio digital de carros usados. A Kavak, que recentemente chegou ao Brasil, arrecadou US$ 700 milhões na rodada de Série E e passou a ser avaliada em US$ 8,7 bilhões. A empresa, liderada por Carlos García Ottati, CEO e cofundador, tornou-se a segunda startup privada mais valiosa da América Latina, antes mesmo de comemorar o seu 5º aniversário.

Já nos aportes de Série C, a Borzo, antiga Click Entregas, plataforma on-line de entregas expressas que conecta os clientes a um entregador disponível na região, recebeu o investimento de US$ 35 milhões. Seus investidores incluem Mubadala (dos Emirados Árabes Unidos), VNV Global (da Suécia), RDIF (da Rússia), entre outros. Com o aporte, a empresa planeja reforçar sua presença pelo mundo agora com o novo nome e desenvolver novos produtos. 

Quem também garantiu investimento foi a Merama, empresa de aceleração de marcas próprias em plataformas digitais da América Latina, no valor de US$ 225 milhões. A rodada de equity foi liderada pelo Softbank Latin America e Advent International. A empresa prevê profissionalizar, incubar e crescer exponencialmente algumas das maiores marcas de comércio eletrônico da América Latina, ao mesmo tempo em que cria a tecnologia e as ferramentas para apoiá-las.

Outro grande destaque do mês foi o investimento da Multilaser de até R$ 20 milhões no Fundo da KPTL. A empresa é um dos maiores players do segmento de eletrônicos e de suprimentos de informática nacional e anunciou nova frente de atuação: serviços de interesse público. A companhia é a primeira investidora estratégica do Fundo Govtech, criado pela KPTL e a Cedro Capital, duas das principais gestoras de Venture Capital do país.

Conheça abaixo as startups que receberam investimento em setembro:

Startup Valor Investidor Saiba mais!
Click Entregas US$ 35 milhões Dostavista Saiba mais!
TruePay R$ 45 milhões Kaszek, Monashees e outros fundos Saiba mais!
Hent R$ 500 mil Virgo Ventures Saiba mais!
Pier R$ 108 milhões Raiz Investimentos Saiba mais!
Everlog R$ 1,5 milhão Cedro Capital e outros fundos Saiba mais!
Carbee R$ 1,5 milhão investidores-anjo Saiba mais!
Manfing R$ 1 milhão Meta Ventures Saiba mais!
SVA Tech R$ 6 milhões Cedro Capital e FC Partners Saiba mais!
Favo Tecnologia R$ 1,2 milhão Anjos do Brasil e Curitiba Angels Saiba mais!
CondoConta R$ 6 milhões Redpoint eventures Saiba mais!
ADDI R$390 milhões Greycroft e outros investidores Saiba mais!
Urbem R$ 103 milhões DX Ventures e AMATA Saiba mais!
Hubsell Não informado Aliansce Sonae Saiba mais!
EBAC Online US$ 11 milhões Baring Vostok Capital Partners Saiba mais!
ZoomAgri US$ 3,3 milhões SP Ventures, Artesian, GrainInnovate e Glocal Saiba mais!
Paketá R$ 27 milhões Kinea Ventures e Shift Capital Saiba mais!
Virgo Não informado XP Inc. Saiba mais!
XPerience Não informado investidores-anjo Saiba mais!
GetCourse US$ 50 milhões Goldman Sachs e outros investidores Saiba mais!
Infleet R$ 1,2 milhão Fundo Anjo e Anjos do Brasil Saiba mais!
Seedtag US$ 40 milhões Oakley Capital e outros fundos Saiba mais!
Umatch R$ 900 mil Poli Angels e outros investidores Saiba mais!
Gourmetzinho R$ 1,4 milhão CapTable Saiba mais!
Débito Direto R$ 300 mil Darwin Startups Saiba mais!
Liuv R$ 9 milhões Cielo Saiba mais!
Juros Baixos R$ 3 milhões CapTable Saiba mais!
Motorista PX R$ 2 milhões ACE Startups, BR Angels, e outros fundos Saiba mais!
Contraktor R$ 2 milhões KPTL Saiba mais!
Tecnofit R$ 13 milhões Honey Island Capital e outros fundos Saiba mais!
Pulses R$ 3 milhões Invisto Saiba mais!
LeverPro Não informado GR8 Ventures Saiba mais!
Gank R$ 8 milhões Canary e Global Founders Capital Saiba mais!
Easy B2B R$ 1,4 milhão CapTable Saiba mais!
Liv Up R$ 50 milhões Globo Ventures Saiba mais!
E-ctare R$ 600 milhões Alfa Collab Saiba mais!
Kavak US$ 700 milhões General Catalyst e outros fundos Saiba mais!
LET’S Delivery Max R$ 2,1 milhões Flávio Dias, Marcos Ferreira e outros investidores Saiba mais!
Arthur Mining US$ 2 milhões Green Rock e Fuse Capital Saiba mais!
Mirakl US$ 555 milhões Silver Lake e outros fundos Saiba mais!
DIVI•hub US$ 2,4 milhões Comstar International LTD Saiba mais!
SuperSim R$ 136 milhões FIDC Saiba mais!
BomConsórcio R$ 30 milhões Crescera Capital Saiba mais!
MDHealth R$ 20 milhões Grupo de empreendedores Saiba mais!
GreenV R$22 milhões Fundo americano Saiba mais!
ChefsClub R$ 4,3 milhões SMU Saiba mais!
Lexos Não informado Aimorés Saiba mais!
Imóveis-SC Não informado 2NEWTECH e Anderson de Andrade Saiba mais!
Merama R$ 1,15 bilhão Softbank Latin America e Advent International Saiba mais!
Andela US$ 200 milhões Softbank Vision Fund 2 e outros fundos Saiba mais!
Momenta US$ 300 milhões General Motor (GM) Saiba mais!
Tembici US$ 80 milhões Crescera Capital Saiba mais!
Wise Hands R$ 1,25 milhão Feluma Ventures Saiba mais!
Hi Platform R$ 35 milhões XMS Partners Soluções Financeiras e Investimentos Saiba mais!
GoPublic Não informado Via Saiba mais!
Poupa Certo Não informado Via Saiba mais!
byebnk Não informado Via Saiba mais!

*Investimentos no Brasil: R$ 2.806.550.000,00/ Investimentos internacionais: US$ 1.978.700.000,00. Estes valores são referências de aportes anunciados durante o mês, podendo não representar a totalidade de investimentos, dentro e fora do país, no período.