Nubank capta novo investimento de US$ 400 milhões

O Nubank, banco digital independente, anunciou hoje ter atraído uma nova rodada de investimentos de US$400 milhões. Essa captação, chamada de Série G, coloca o banco digital como uma das cinco instituições financeiras mais valiosas da América Latina.  

A rodada foi liderada por um grupo renomado de investidores globais, como GIC, Whale Rock e Invesco — fundos que, na última década, realizaram aportes nas maiores empresas de tecnologia do mundo. A captação também contou com a participação de investidores de rodadas anteriores, como Sequoia, Tencent, Dragoneer e Ribbit. 

Desde a Série F, em julho de 2019, o Nubank tem vivido um crescimento exponencial. A empresa triplicou sua base de clientes — passando de 12 para 34 milhões de pessoas. E viu um crescimento em todas as faixas etárias, num sinal claro de aceleração da adoção de serviços digitais. Durante a pandemia, registrou por mês 30 mil novos clientes com mais de 60 anos. 

Além disso, desde o último aporte, o Nubank realizou três aquisições importantes: Easynvest, corretora digital de investimentos com mais de 1,5 milhão de clientes; Cognitect, empresa de tecnologia norte-americana, que é referência internacional no mercado de engenharia de software e criadora de algumas das mais importantes linguagens funcionais de programação; e Plataformatec, consultoria de tecnologia especializada em metodologia ágil.

O Nubank ainda se tornou o aplicativo mais baixado em todo o mundo entre os bancos digitais, em 2019, com mais downloads que todas as fintechs europeias juntas. Recentemente, a empresa também se tornou referência em PIX, sistema de pagamentos instantâneos do Banco Central brasileiro. As chaves registradas no Nubank equivalem a cerca de 25% (um quarto) do total cadastrado em todo o País. 

O banco digital também se consolidou como uma empresa internacional. O Nubank já é um dos seis maiores emissores de novos cartões de crédito do México, onde mais de 1 milhão de pessoas se registraram para ter um “roxinho”. Na Colômbia, em apenas quatro meses após o lançamento, a lista de inscritos do cartão de crédito já tem 200 mil pedidos.

O capital desta nova rodada vai permitir que a empresa continue ampliando a oferta de produtos no Brasil e, sobretudo, que mantenha o ritmo acelerado de sua expansão internacional. Como o fluxo de caixa da operação brasileira é positivo desde 2018, o valor captado irá principalmente apoiar a expansão no México e Colômbia.

“O Nubank nasceu de uma convicção de que as pessoas mereciam serviços financeiros mais transparentes e eficientes. E que pudessem ter o controle, de fato, de seu dinheiro e futuro financeiro. Criamos o Nubank quase oito anos atrás, numa pequena casa em São Paulo, e temos libertado milhões de pessoas da complexidade financeira, por meio de tecnologia e de um serviço centrado no cliente, com atendimento humano”, explica David Vélez, CEO e fundador do Nubank. “Porém, não é apenas no Brasil que as pessoas sofrem com serviços financeiros burocráticos. Essa é uma dor compartilhada por todos os latino-americanos. Com esta nova rodada de investimentos, seremos capazes de acelerar e escalar nossas operações no México e na Colômbia e liberar ainda mais pessoas das complexidades financeiras”, adiciona.    

A nova captação marca a entrada de um dos maiores fundos soberanos do mundo, assim como a de importantes grupos de investidores da área de tecnologia e reforça o relacionamento com antigos investidores.

“É uma honra contar com um grupo tão renomado de investidores, que possuem experiência em apoiar algumas das mais inovadoras e disruptivas empresas das últimas décadas. Somos privilegiados de ter suporte deles e de ter a possibilidade de aprender com eles para continuar crescendo e nos desenvolvendo”, destaca Vélez.

“Estamos sempre em busca de tendências poderosas e disruptivas com promissoras curva-S para, então, identificar e investir nos vencedores dessas categorias emergentes. O Nubank, com sua sólida posição no mercado, uma liderança talentosa e sua cultura, assim como uma projeção de crescimento e inovação, se encaixa perfeitamente neste perfil. A indústria de banco digital e fintech tem tido uma das curvas-S mais longas e atraentes do mercado e o Nubank é uma das empresas que melhor tem atuado no setor em todo o mundo. Estamos animados em apoiá-los nesta expansão como líderes do setor de banco digital”, afirma Alex Sacerdote, fundador e gestor de portfólio na Whale Rock Capital Management. 

“Ao longo dos anos, o Nubank demonstrou ter uma impressionante habilidade para executar planos ambiciosos, com flexibilidade para se adaptar caso necessário e sem perder a sua cultura e seu foco no cliente. Nós fizemos o primeiro investimento no Nubank quando era apenas um fundador com uma ideia e agora estamos entusiasmados em continuar nesta jornada pelos próximos anos”, diz Doug Leone, sócio-gerente global da Sequoia. A empresa de capital participou de todas as rodadas de investimento captadas pelo Nubank, inclusive na rodada de capital-semente em 2013. 

Crescimento e inclusão financeira

Em uma região onde cerca de 50% da população ainda é desbancarizada e poucos bancos tradicionais concentram entre 70% e 80% do mercado, a disrupção que o Nubank tem causado no setor, por meio de seus serviços 100% digitais e atendimento transparente e humano, tem sido uma força motora de inovação e inclusão financeira. 

O cartão de crédito sem taxas, usado hoje por cerca de 20 milhões de pessoas, e a conta digital gratuita, com 30 milhões de clientes, são um marco do fim das tarifas bancárias abusivas no Brasil. Nos últimos sete anos, clientes já economizaram mais de R$ 15 bilhões com taxas; e uma parcela considerável da população pode ter, enfim, acesso ao sistema financeiro. Uma pesquisa realizada com clientes aponta que cerca de um quinto deles nunca havia tido cartão de crédito na vida.  

Foram esses dois produtos que fizeram o Nubank ganhar tração em seus primeiros anos. Hoje,  a empresa está se consolidando como uma plataforma completa de serviços financeiros e oferece também conta para empresas, produtos de empréstimo pessoal, investimentos, seguros e soluções de pagamentos instantâneos. Todos os produtos 100% digitais, super práticos e intuitivos.

“Embora nosso foco seja em serviços financeiros, não vemos limites para as maneiras como o Nubank pode combater a complexidade e ter um impacto transformador na vida das pessoas. Costumo dizer que ainda estamos no ‘dia 1’. As oportunidades pela frente são infinitas”, acrescenta Vélez.


Quer acompanhar de perto todos os investimentos no ecossistema de startups? Siga as redes sociais Startupi e acesse nosso ranking de investimentos do mês.

Mais tradicional portal de mídia brasileiro sobre o mercado de Startups, Inovação, Investimentos, Empreendedorismo e Tecnologia. Desde 2008 vem colaborando para a construção do ecossistema brasileiro de Startups, informando e educando todo o mercado. Quer falar com a gente? Clique aqui e envie uma mensagem para redação, parceria ou comercial. Mantenha-se atualizado sobre as novidades do Startupi pelas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram e Linkedin.

Matérias Relacionadas

No comments yet. You should be kind and add one!

Our apologies, you must be logged in to post a comment.