* Por Exame.com

Peças de uma máquina de lavar foram usadas para criar uma bicicleta elétrica com, ao menos, 20 anos de uso. Apelidada de “The Spin Cycle”, ou, “Bike Centrífuga”, ela foi construída com um motor de máquina de lavar de 1.100 Watts, acoplado ao centro do quadro da bicicleta. A corrente é acoplada em uma das engrenagens do motor, que quando acionada, impulsiona a roda traseira da bike.

Segundo o criador identificado como @Jimminecraftguysua e-bike é capaz de alcançar até 110 km/h. Com o motor que pode receber até 48 V, o veículo poderia alcançar uma velocidade de até 150 km/h, diz. Porém, alcançar esse marco não é o seu foco, mas sim, criar uma bateria robusta que forneça autonomia para a bike centrífuga.

No entanto, há notícias de que essa não seria a primeira vez que uma bicicleta seria criada a partir de peças de uma máquina de lavar roupas. O britânico Graeme Obree, campeão mundial de ciclismo em pista nos anos de 1993 e 1995, teria usado rolamentos e algumas peças de máquina de lavar para personalizar a sua bicicleta, porém, sem transformá-la em elétrica. A criação de Obree está em exposição no Museu Nacional da Escócia, em Edimburgo.

* Por Janaína Ribeiro, para Exame.com