Mais da metade das vagas na área de tecnologia que serão abertas em Santa Catarina até 2023 devem ser para desenvolvedores de softwares, segundo levantamento da Associação Catarinense de Tecnologia (ACATE). Para dar conta dessa demanda crescente e atrair novos talentos, a ACATE e o SENAI abriram as inscrições para três novas turmas do DEVinHouse. O programa on-line tem foco na formação de desenvolvedores Full Stack em um período de nove meses. 

Nesta primeira edição de 2022, são 120 vagas disponíveis, com 15 bolsas de estudo integral para quem comprovar carência financeira. Além disso, o aluno pode sair da formação já com carteira assinada. As empresas patrocinadoras se comprometem a abrir 15 vagas de desenvolvedor júnior em cada turma, exclusivas para os participantes. 

“Começar 2022 no DEVinHouse é uma excelente oportunidade para jovens talentos, em busca de oportunidades, e para quem quer pivotar a carreira para o mundo da tecnologia da informação. Quem se dedicar e tiver um bom desempenho terá emprego garantido nas empresas madrinhas ainda durante o curso. Além disso, o setor de tecnologia está em plena expansão em Santa Catarina e no país, com milhares de vagas abertas, e a grande demanda é por desenvolvedores de softwares”, destaca o vice-presidente de Talentos da ACATE, Moacir Marafon.

Sobre o DEVinHouse

O DEVinHouse tem duração de nove meses, sendo três meses por módulo. A dedicação é de, aproximadamente, 25 horas por semana entre aulas, atividades e vivências.

“O curso é 100% on-line e focado na prática com resolução de problemas reais e ainda permite ao estudante receber a mentoria de um DEV sênior e vivenciar a cultura da empresa parceira”, afirma o  gerente do Centro de Educação Digital do SENAI-SC, Fabiano Bachmann

O programa já formou 225 novos desenvolvedores desde novembro de 2020. Na primeira edição, patrocinada pela Softplan, foram 800 inscritos e, dos 40 alunos, 12 foram contratados pela companhia. Em 2021, foram abertas mais cinco turmas, com patrocínio da Conta Zap, Teltec Solutions, BRy Tecnologia, Involves, PariPassu, Way2 Tecnologia, Pixeon, Paradigma e Softplan. 

Podem se inscrever pessoas com ensino médio completo de qualquer lugar do País. Além disso, é necessário ser aprovado no processo seletivo.

Bolsas integrais

Aos alunos que passarem no processo seletivo e comprovarem carência financeira estão previstas 15 bolsas de estudo integrais, sendo cinco do SENAI e 10 proporcionadas pelo lucro da venda do livro “Ponte para a Inovação: como construir um ecossistema empreendedor”. O livro é um guia completo com uma visão prática para o desenvolvimento de ambientes que favoreçam e fomentem a inovação no Brasil, principalmente fora dos grandes centros econômicos. A construção da obra foi viabilizada a partir dos patrocínios da CTG Brasil, Engie, Únilos Cooperativa de Crédito, ArcelorMittal e Invisto, com o apoio da ACATE e do Sebrae Santa Catarina. Todo o lucro obtido com o livro, incluindo a venda de exemplares, será destinado a projetos de formação de talentos na área da tecnologia na Grande Florianópolis, principalmente para pessoas em situação de vulnerabilidade social. 

Além disso, nesta edição de 2022, a Conecta Nuvem está oferecendo duas bolsas exclusivas para mulheres. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas até 29 de janeiro. Nesta edição, as empresas parceiras são NDD, Audaces e Conecta Nuvem.  Para participar do processo seletivo, inscreva-se até o dia 29 de janeiro no site.