BRANDED CONTENT

Sabe-se que a pandemia do coronavírus foi a propulsora de inovações na área da saúde. E se o ano passado movimentou mais de US$ 112 milhões no setor, 2021 cravou um marco no investimento em inovações em saúde. Só nos primeiros sete meses deste ano, as healthtechs, como são chamadas as startups que desenvolvem soluções nessa área, levantaram US$ 216 milhões em 34 rodadas de investimento.

Com a aceleração da inovação e, consequentemente, o aumento da competitividade de mercado, instituições de saúde de todas as frentes (faculdades, hospitais, operadoras de planos de saúde e empresas) estão em busca de novas soluções para aprimorar suas operações e garantir uma melhor experiência às pessoas. Nesse contexto, a colaboração com startups é a palavra de ordem para transformar o futuro dessas organizações.

O termo inovação corporativa nunca esteve tanto em voga, principalmente porque especialistas em negócios vêm afirmando que esse é o único meio para as organizações sobreviverem. E é com o objetivo de conectar empresários, investidores e startups que a maior rede de venture builder da América Latina, a FCJ Venture Builder, promove um dos maiores eventos de inovação corporativa do Brasil, o Corporate Venture Summit, que acontecerá no dia 26 de novembro, das 9h às 18h.

Conversamos com Rafael Kenji, que é médico e CEO da Feluma Ventures, uma corporate venture builder que desenvolve startups de educação e saúde, para entender o que o painel “Tendências de investimento e tecnologias em saúde” apresentará ao mercado. Confira!

Rafael, você é um dos grandes CEOs com menos de 30 anos do Brasil. Quais são as experiências que o tornaram esse líder acima da média?

Bom, eu sou médico, mas nunca me confortei com os caminhos mais tradicionais da medicina. Desde os 19 anos, mesmo ainda sem saber ao certo o que era gestão, liderança e empreendedorismo, me candidatei à Liga Acadêmica de Medicina da Família, que estava prestes a deixar de existir por falta de candidatos. Após um ano de gestão, conseguimos aumentar as vagas de estágio e levantar R$ 15 mil de fundo, que ficaram para a próxima gestão. 

Depois disso, participei de diversos movimentos que contribuíram com a minha formação como gestor e líder. Fundei e fui presidente da Medic Júnior Consultoria em Saúde, fui Diretor de Desenvolvimento da Junior Enterprise USA. Também passei por grandes empresas, como o Jaleko e Conexa, e agora completo mais um passo como CEO da Feluma Ventures.

Na sua opinião, como a sua trajetória contribui com a inovação corporativa, especificamente na área da saúde?

Acredito que para trabalhar com inovação em saúde é importante ter conhecimentos em medicina, para entender as dores desse mercado. E isso é a base de praticamente toda a minha carreira. Eu fui Regional Director LATAM de um dos maiores prêmios de empreendedorismo do mundo, o que me deu muita experiência no desenvolvimento de startups. Além disso, também tive a oportunidade de fundar uma startup, então também entendo o antes da “buildagem”, que é o que fazemos na Feluma Ventures. 

No fim das contas, sempre estive rodeado por inovação e a minha chegada na Feluma Ventures reflete muito a questão da juventude em organizações de muita tradição e como ambos podem se beneficiar por meio da colaboração.

O que empresários, investidores e startups podem esperar do painel de saúde do 2º Corporate Venture Summit?

O mercado de inovação em saúde já captou mais investimentos este ano do que em 2019 e 2020. No painel “Tendências de investimento e tecnologias em saúde”, que contará também com a Molkom Biotech Ventures, Saúde Ventures e GBG Seniortech Ventures, nós vamos dar um panorama sobre o melhor momento da inovação em saúde, que é o agora. Falaremos sobre como podemos atuar no desenvolvimento de startups, como as organizações poderão inovar por meio dessa colaboração, e mostraremos como é estar inserido no melhor ecossistema de desenvolvimento de negócios, que é a rede FCJ.

O 2º Corporate Venture Summit, realizado pela FCJ Venture Builder, acontecerá no dia 26 de novembro de forma híbrida, presencialmente em São Paulo, fechado para convidados, e com transmissão on-line via YouTube. Garanta já a sua vaga para o evento on-line!


* Foto em destaque: Rafael Kenji, médico e CEO da Feluma Ventures.