O Gympass, maior plataforma de bem-estar corporativo, anunciou que os fundos Softbank, General Atlantic, Moore Strategic Ventures, Kaszek e Valor Capital Group se juntam à sua missão de tornar o bem-estar universal com uma nova rodada de investimento de US$ 220 milhões.

À medida que as pessoas voltam às academias, o valuation do Gympass mais do que dobrou, para US$ 2,2 bilhões, refletindo a importância cada vez maior que as empresas estão dando para o bem-estar.

Em maio, o Gympass registrou um recorde mensal de 4 milhões de visitas em sua rede de mais de 50 mil parceiros globais. Muitos dos clientes do Gympass têm observado que a utilização da plataforma já está acima dos níveis pré-pandemia, o que revela o tão esperado retorno às atividades físicas presenciais.

Mercados como os Estados Unidos e o Reino Unido lideram, com um crescimento sem precedentes, a demanda por atividade física presencial, com uma tendência semelhante refletida na América Latina e na Europa. Atualmente, o Gympass registra um crescimento mensal de dois dígitos no número de usuários.

Mais de mil novas empresas aderiram ao Gympass durante a pandemia para adaptar seus programas de bem-estar corporativo às soluções holísticas, flexíveis e equitativas e também ao novo modelo de trabalho híbrido. Alguns dos atuais clientes incluem Santander, Accenture, Unilever, KPMG e McDonalds.

Além disso, o Gympass também trouxe para sua rede novos parceiros fitness nos Estados Unidos, como Barry’s, SoulCycle, F45 e Strava, além de incorporar aplicativos globais como Calm, LifeSum e Fabulous para acelerar sua rápida expansão para um portfólio completo e integral de bem-estar.

“Temos visto um aumento no número de visitas a academias e estúdios conforme os países começam a retomar suas atividades, e esperamos um avanço ainda maior à medida que as pessoas comecem a voltar aos escritórios”, disse o cofundador e CEO do Gympass, Cesar Carvalho. “Criamos a plataforma de bem-estar mais completa, cobrindo condicionamento físico, terapia, atenção plena e nutrição. O novo investimento nos ajudará a impulsionar ainda mais o crescimento nos Estados Unidos, a melhorar a experiência do produto e a expandir para novas categorias, dando continuidade à nossa missão de tornar o bem-estar universal.”

A expansão do Gympass para além da atividade física presencial já provou ser um sucesso. Desde março de 2020, o Gympass contabilizou 3,5 milhões de utilizações de suas ofertas digitais. Com o retorno das atividades presenciais, as soluções digitais do Gympass têm mantido níveis estáveis de engajamento, reforçando que o futuro do bem-estar corporativo é híbrido.

“Semelhante ao modelo de trabalho híbrido adotado por muitas empresas devido à pandemia, estamos vendo uma tendência semelhante em relação às atividades fitness e de bem-estar. Agora, as pessoas estão combinando visitas presenciais a academias e estúdios com o digital, usando aplicativos de meditação e nutrição, além de outras soluções de bem-estar oferecidas pelo Gympass. Vimos que esta é uma mudança que permanecerá no futuro e esperamos expandir nosso alcance e serviços para continuar a estimular o bem-estar geral das pessoas”, disse Carvalho.

“É incrível ver o Gympass crescer cada vez mais em um momento em que o ecossistema operacional tem sido tão difícil. O Gympass é a solução de bem-estar para o modelo de trabalho híbrido que estamos vendo agora, oferecendo aos colaboradores opções dentro e fora do escritório”, disse Shu Nyatta, do Softbank. “O crescimento da empresa nos últimos dois anos mostra o potencial que o Gympass tem e estou entusiasmado em continuar trabalhando com o Cesar e toda a equipe para acelerar sua estratégia de bem-estar.”

Foto de destaque: Cesar Carvalho, CEO da Gympass.


Quer acompanhar de perto todos os investimentos no ecossistema de startups? Siga as redes sociais Startupi e acesse nosso ranking de investimentos do mês.