Fintech que viabiliza brasileiros a usufruírem do Open Banking recebe aporte de R$ 20 milhões

A Franq Openbank, plataforma que usa tecnologia para conectar consumidores e bancários, permitindo que eles atuem de forma autônoma, recebeu um novo aporte de R$20 milhões, em rodada liderada pelo Valor Capital Group.

Em franca expansão e diante de um mercado tão competitivo como o brasileiro, a empresa vai utilizar o aporte para triplicar a velocidade de crescimento de Personal Bankers – bancários que utilizam a plataforma – a fim de potencializar a capacidade destes bancários crescerem em igual ou maior proporção a suas carteiras de clientes finais.

A startup, que já conta com mais de 1,8 mil Personal Bankers em todo o País, acredita que a distribuição de produtos e serviços financeiros ainda é um grande desafio para as Fintechs. E mais: a combinação da tecnologia disruptiva e o fator humano é muito importante para o consumidor brasileiro na hora de escolher produtos e serviços financeiros.

Por estas razões, uma estrutura com bancários autônomos experientes e parcerias sólidas com players consolidados é a base do posicionamento da Franq, que pauta seu crescimento exponencial em tecnologia e pessoas – desde colaboradores, parceiros, Personal Bankers e seus clientes finais.

“Acreditamos muito no valor de construir uma rede compartilhada de profissionais autônomos como motor de transformação deste mercado. Por isso, vamos investir este aporte para triplicar a velocidade de crescimento de Personal Bankers, potencializando a capacidade destes bancários crescerem em igual ou maior proporção a suas carteiras de clientes finais. Nosso plano é trazer 7 mil novos profissionais autônomos nos próximos 12 meses e, assim, fechar o ano de 2021 com 12 mil Personal Bankers. Para alcançarmos este objetivo, a maior parte deste investimento será em tecnologia e em pessoas, que nos auxiliará a dar uma maior robustez à parte operacional, permitindo escalar a solução com qualidade, transparência e franqueza”, adianta Paulo Silva, CEO da Franq Openbank.

“O mercado de serviços financeiros vem passando por uma profunda transformação, especialmente no último ano. A chegada do Open Banking ao Brasil promete revolucionar ainda mais o setor. Por isso a importância de investir em empresas que estão alinhadas com o novo momento e preocupadas em entregar com transparência e segurança um produto de qualidade não só para profissionais, mas também para o consumidor final”, afirma Mario Mello do Valor Capital Group.

Mario Mello do Valor Capital Group.

Um pouco sobre a Franq Openbank

Com um sistema bancário em transformação e seu processo de digitalização ainda em curso, alguns profissionais do mercado passaram a buscar novas oportunidades de carreira, seja por optarem por uma rotina de trabalho mais flexível ou porque ficaram sem emprego diante do fechamento de agências em todo o País.

Aliado a este movimento no mercado profissional dos bancários, outro grande motor da transformação do cenário financeiro nacional é a implementação do Open Banking ou Open Finance – arquitetura aberta que fomenta a integração de produtos e serviços financeiros entre bancos e fintech.

Dentro deste contexto nasce a Franq Openbank. O grupo que criou a fintech atua pautado pelo seu contínuo crescimento, mas sem que ela perca seu real sentido. Tudo isso com franqueza, palavra cujo prefixo deu origem ao nome da fintech e a base que deu sentido à sua missão.

A Franq une o virtual, por meio das ofertas de produtos e serviços, com o real, por conta do atendimento humano personalizado feito pelos Personal Bankers- bancários que utilizam a ferramenta de forma independente, sem vínculos diretos com as instituições parceiras da Franq. Atualmente, 35 parceiros disponibilizam seus produtos e serviços.

“Nós acreditamos no lema de que não existe ex-bancário; existe ex-funcionário de banco. Por que ele deixaria de ser bancário depois que deixa de trabalhar no banco? Não se desaprende a função, a experiência adquirida ao longo dos anos permanece com o profissional. A Franq entra no mercado para aproveitar toda essa expertise de uma forma diferente, mais independente e flexível”, afirma Paulo Silva, CEO da Franq.

Foto de destaque: Fundadores da Franq Openbank: Paulo Silva (CEO), Daniel Ferretti (CMO & VP Growth), Gustavo Hartmann (CTO), Felipe Giroleti (VP Produtos e Parcerias) e João Boos (Head Comercial). Crédito: Guilherme Goes.


Quer acompanhar de perto todos os investimentos no ecossistema de startups? Siga as redes sociais Startupi e acesse nosso ranking de investimentos do mês.

Mais tradicional portal de mídia brasileiro sobre o mercado de Startups, Inovação, Investimentos, Empreendedorismo e Tecnologia. Desde 2008 vem colaborando para a construção do ecossistema brasileiro de Startups, informando e educando todo o mercado. Quer falar com a gente? Clique aqui e envie uma mensagem para redação, parceria ou comercial. Mantenha-se atualizado sobre as novidades do Startupi pelas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram e Linkedin.

Matérias Relacionadas

No comments yet. You should be kind and add one!

Our apologies, you must be logged in to post a comment.