Ir para o conteudo

Startup paranaense de gestão de manutenção e ativos recebe aporte de R$ 3 milhões

A Manusis 4.0, startup paranaense que desenvolve um sistema de gestão de manutenção e operação dos ativos de uma companhia de forma integrada, recebeu um aporte de R$ 3 milhões. Participaram da rodada a Ehtua Capital, Acrux Capital e investidores ligados ao Gávea Angels.

Com o cenário da pandemia da covid-19, a tecnologia avançou em ritmo muito acelerado, tendo também como aliada as restrições impostas pelo distanciamento social necessário. Diante disso e pensando em como melhorar seu desempenho com seus clientes, a Manusis aprimorou sua tecnologia e lança ainda no primeiro semestre de 2021 um novo sistema: o Manusis Insights. Além do gerenciamento de ativos, o sistema engloba Internet das Coisas, Machine Learning e Inteligência Artificial, capaz de torná-lo mais proativo, inteligente e otimizar em 25% os processos e custos de uma companhia.

“A plataforma permite monitoramento e coleta de dados em tempo real. Com essas informações, por meio de algoritmos inteligentes, criados por uma equipe de cientista de dados especializada, o sistema poderá gerar insights ao cliente, como o melhor período para execução de um plano de manutenção de uma máquina crítica, monitorar a gestão de utilidade na manutenção de instalações prediais e predizer comportamentos de máquinas com base em simulações de parâmetros operacionais, por exemplo”, explica o CEO da Manusis, Rodrigo Rotondo.

Na prática, o sistema se antecipa às falhas ou possíveis erros que a máquina possa apresentar por falta de manutenção, e gera um aviso ao técnico que imediatamente pode executar uma intervenção usando o aplicativo mobile do sistema.

“Imagine o custo para um hospital ou para uma rede de restaurantes, por exemplo, se uma máquina para de funcionar? Nossa previsão é que, com esse novo sistema, diminua em 15% os riscos destes clientes”, comemora. “Estamos buscando ofertar uma solução competitiva em preço e de alto valor agregado para nossos clientes e que, diante da situação cambial do dólar, nos projetará ao mercado internacional, criando mais oportunidades em nosso escritório da Europa e China.”

Atualmente, a empresa possui um valuation de R$ 35 milhões. Ainda em abril, abre para sua quarta rodada de investimentos, com aposta alta do board de investidores já existentes. A empresa busca junto ao Fomento Paraná linhas de crédito que permitam acelerar mais ainda o desenvolvimento desse novo produto, além de possuir uma aliança tecnológica com a PUC/PR – PUCPR – PPGEPS (Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção e Sistemas) e PPGIa (Programa de Pós-Graduação em Informática), por intermédio do CNPQ, que aportará ao projeto profissionais doutores e mestres com experiência em Framework de Inteligência Artificial e Apoio à Tomada de Decisão para Plataforma de Gerenciamento de Ativos e Manutenção.


Quer acompanhar de perto todos os investimentos no ecossistema de startups? Siga as redes sociais Startupi e acesse nosso ranking de investimentos do mês.

Mais tradicional portal de mídia brasileiro sobre o mercado de Startups, Inovação, Investimentos, Empreendedorismo e Tecnologia. Desde 2008 vem colaborando para a construção do ecossistema brasileiro de Startups, informando e educando todo o mercado. Quer falar com a gente? Clique aqui e envie uma mensagem para redação, parceria ou comercial. Mantenha-se atualizado sobre as novidades do Startupi pelas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram e Linkedin.

Matérias Relacionadas

No comments yet. You should be kind and add one!

Our apologies, you must be logged in to post a comment.