* Por Marcos Trinca

Não é novidade que a realidade aumentada (AR) já faz parte do nosso dia a dia em diversas situações, seja por meio dos filtros nas redes sociais, dos games e até mesmo nas ações de marketing que as empresas promovem para impactar de forma inovadora seus clientes e otimizar a experiência de compra.

De olho no cenário atual, com a mudança de comportamento no consumo devido ao isolamento social provocado pelo covid-19, as compras online tiveram um crescimento considerável nos últimos meses. De acordo com os dados divulgados pela Ebit/Nielsen, empresa que estuda o comportamento de compra dos consumidores no e-commerce, em parceria com a Elo, entre abril e junho, o número de pedidos cresceu 70% em comparação ao mesmo período do ano passado.

Esses dados fizeram muitas marcas mudarem suas estratégias para melhorarem as vendas no digital e proporcionarem mais interatividade entre os envolvidos. E o investimento em soluções imersivas foi essencial para garantir não só a efetividade na conversão, mas também no relacionamento e engajamento com seu público-alvo.

Por meio dessas soluções, por exemplo, é possível visualizar os produtos de forma super realista, com uma aproximação e presença quase que física, e essa experiência é extremamente importante para que os consumidores tenham muito mais certeza do produto a ser adquirido. No final das contas, as marcas que se preocupam com quem está do outro lado da tela são aquelas que têm mais chances de garantir sucesso nas vendas, independente do ramo de atuação.

Uma coisa é certa, em poucos meses tivemos uma revolução no varejo e as marcas tiveram que amadurecer rapidamente para não perder clientes e lucratividade. Com a retomada da economia, acredito que o investimento nessas tecnologias irá continuar a todo vapor, pois as empresas já entenderam o potencial que elas têm e o quão eficazes são, se forem usadas da maneira correta.

Se você quer ganhar mais competitividade e notoriedade no setor em que atua, procure olhar para a realidade aumentada como uma solução estratégica que funciona em todos os estágios do funil, inclusive na venda. Neste novo momento do consumo digital, a “materialização” de um produto em frente das pessoas gera a sensação de proximidade que antes só existia visitando o ponto de vendas, e é exatamente esta presença que poderá fazer toda a diferença na decisão de compra. Vale a pena tentar!

* Marcos Trinca é Head de XR da More Than Real, startup brasileira referência global no desenvolvimento de experiências de realidade aumentada e visão computacional.