A IBM anunciou hoje que chegou a um acordo definitivo para adquirir a WDG Automation, uma empresa brasileira de software especializada em automação robótica de processos (RPA). A aquisição amplia ainda as capacidades da IBM em automação com infusão de Inteligência Artificial, abrangendo desde processos de negócios a operações de TI. Os termos financeiros não foram divulgados.

Na atual era digital, as empresas estão procurando novas maneiras de criar novos modelos de negócios, oferecer novos serviços e reduzir custos. A necessidade de impulsionar essa transformação é ainda maior agora, dadas as incertezas da covid-19. A IDC prevê que até 2025, as empresas baseadas em IA terão um aumento de 100% na produtividade e no conhecimento dos trabalhadores, resultando em tempos de reação mais curtos, maior sucesso na inovação de produtos e satisfação do cliente.

Quando a automação com infusão de IA é aplicada a processos de negócios e operações de TI, pode ajudar a diminuir o tempo entre a identificação de um problema e a resposta. Isso é crítico, pois incidentes e interrupções imprevistas de TI, por exemplo, podem impactar a renda e a reputação das empresas.

Ao incorporar as capacidades de RPA da WDG às soluções existentes de automação com infusão de IA da IBM, que atendem desde os processos de negócio até as operações de TI, os líderes de negócios, incluindo Chief Operating Officers (COOs) e Chief Information Officers (CIOs), terão amplo acesso à automação inteligente por meio de robôs de software. A aquisição também ampliará as capacidades da IBM Services para transformar as operações dos clientes, pois o RPA, a analítica e a IA trazem mais inteligência aos fluxos de trabalho empresariais que alimentam negócios adaptáveis e resilientes, e ajudam a expandir as capacidades da IBM para fornecer automação por toda a organização dos clientes.

Com o anúncio, as empresas poderão reprojetar, otimizar e padronizar operações com eficiência, eliminando processos de negócios e operações de TI que são redundantes ou desnecessários. Disponíveis através de IBM Services, as organizações poderão identificar rapidamente oportunidades mais granulares para automação, incluindo tarefas com várias etapas, além de ajudar a garantir que dados sejam usados de forma consistente e precisa em todas as ferramentas e funções de negócios, incluindo atendimento ao cliente, TI, finanças, RH e cadeia de suprimentos.

“A IBM já ajuda as empresas a automatizar a aplicação de IA aos processos de negócios e operações de TI, para que as empresas possam detectar oportunidades e problemas e recomendar as próximas etapas e soluções”, diz Denis Kennelly, gerente-geral de Cloud Integration, IBM Cloud and Cognitive Software. “Com o anúncio de hoje, a IBM está dando um passo adiante e ajudando os clientes a acelerar a automação em mais partes da organização, não apenas na rotina, mas em tarefas mais complexas para que os funcionários possam se concentrar em trabalhos de maior valor”.

“A automação é crucial na era digital, visto que as empresas precisam executar várias tarefas repetitivas ou rotineiras, para que os funcionários possam se concentrar na inovação. Estou muito orgulhoso do papel que a WDG Automation desempenhou no mercado de RPA com uma plataforma unificada e integrada para ajudar as empresas no Brasil a aumentar sua produtividade”, afirma Robson Felix, fundador e CEO da WDG Automation.

“Unir forças com a IBM irá escalar nossas capacidades para um público mais amplo, ajudando empresas de todo o mundo a acelerar seu crescimento em suas jornadas de transformação de negócios”, conta Kleber Rodrigues Junior, cofundador da WDG Automation.

A tecnologia da WDG Automation se unirá à organização de IBM Cloud Integration e estará disponível através de IBM Cloud Pak for Automation on-premises e em ambientes de nuvem pública ou privada. A transação está sujeita a condições habituais de fechamento. É esperado que o fechamento aconteça no terceiro trimestre de 2020.