A Bossa Nova Investimentos, micro venture capital que investe em startups em estágio pré-seed com atuação em todo território nacional, anunciou mais um movimento inovador no ecossistema de startups nacional: o Pool Fintech. A criação do grupo específico para investimento em fintechs indica a crença da empresa em um dos segmentos que mais cresce no Brasil.

O novo grupo de investidores tem R$ 5 milhões disponíveis para encontrar negócios e é formado por respeitados profissionais do mercado. Liderado por João Bezerra, ex-CTO do Banco Itaú, membro do conselho, investidor e mentor de startups, o grupo conta com a colaboração de um comitê de investimento composto por Priscila Debres, diretora na Lebes Financeira; Jackson Gomes, ex-diretor do Banco Original, mentor e investidor anjo; Eduardo Mazon, diretor executivo no Banco BMG; Carlos Augusto de Oliveira, executivo do mercado financeiro, consultor de transformação digital, conselheiro e investidor-anjo; Rodolfo Froes, investidor-anjo e membro do conselho do Banco Fator; Rodolfo Fücher, presidente da Associação Brasileira de Software (ABES), empreendedor e conselheiro, e Marco Antunes, vice-presidente de sustentabilidade de negócios no Banco BMG.

O ecossistema de fintechs é um dos segmentos que segue crescendo, mesmo durante a crise. Um estudo da Finnovation mostrou que de 2018 para 2019 o número de fintechs no Brasil teve um alta de 34%.

De acordo com João Kepler, diretor da Bossa Nova Investimentos, esse modelo de trabalho tem se mostrado muito vantajoso e uma ótima oportunidade para descobrir ideias que irão impactar positividade não somente no nicho que atuam, mas também na sociedade.

“Este não é o primeiro grupo de investidores que trabalhamos, outros setores como lawtech e edutech também têm sido alvo desse nosso projeto, por isso enxergamos uma oportunidade única em trabalhar desta forma. Reunir nomes de grande relevância, que tenham experiência em investimento em startups e conheçam como ninguém o segmento, é a forma mais assertiva de encontrar empresas que tenham potencial para ganhar escalabilidade tanto no cenário nacional quanto internacional. O Pool Fintech chega com a certeza de que muitos negócios promissores surgirão nesse processo”, afirma.

As startups interessadas podem se inscrever pelo link.