A gestora de investimentos em tecnologia e inovação, a KPTL anunciou um aporte na Gestão Agropecuária (GA), empresa referência no agronegócio digital. Especializada em bovinos de corte, a empresa oferece aos clientes uma plataforma de softwares que permite a produtores e empresas de nutrição monitorar o desempenho zootécnico do rebanho por animal e por lote e a performance de toda a operação da originação ao abate.

Fundada em 2007, a GA é uma das líderes em sistemas de gestão para criação de gado no Brasil, operando também em países vizinhos, como Uruguai, Paraguai e Bolívia. Por acreditar que as AgTechs representam o futuro dos investimentos em venture capital e pelo histórico de sucesso da GA, a KPTL decidiu trazer a empresa para seu portfólio, que assim, conta com 46 investidas, com mais de R$ 1,2 bilhão em ativos totais e se consolida com a maior gestora de fundos de venture capital domiciliados no Brasil.

Atualmente cerca de 530 clientes de grande e médio porte utilizam diariamente suas plataformas, que a cada ano são responsáveis pela gestão de 6,5 milhões de cabeças. Destas, 3,5 milhões são de gado confinado – o que representa 66% do mercado de confinamento do Brasil. Tudo isso evidencia uma produção em imensa escala, que resulta em mais de 29,5 milhões de pessoas alimentadas pela carne produzida através da plataforma de gestão da GA.

“Muitos softwares não se preocupam com a evolução da gestão. Geram muitos dados, mas a informação processada é de baixa qualidade. Nossos produtos entram pra melhorar a operação, os processos, implementar rotina de trabalho e assim usamos dados para virarem informação de melhor qualidade”, explica Paulo Marcelo Dias, CEO da Gestão Agropecuária.

De acordo com Renato Ramalho, CEO da KPTL, a startup demonstrou um grande potencial para complementar as soluções já oferecidas pelas outras 7 empresas do setor de agronegócio investidas pela gestora atualmente – ao longo de seus 17 anos, a KPTL já fez investimentos em 15 startups do segmento. “AgTech é uma de nossas principais áreas de expertise e compõe uma sólida parte do nosso portfólio de investimentos. Ao longo de todos estes anos os números robustos da GA revelam o quão sérios e comprometidos são com a transformação digital no agronegócio. Parte relevante da proteína produzida no Brasil passa por soluções tecnológicas investidas pela KPTL”, detalha Ramalho.

A força da Gestão Agropecuária pode ser resumida por suas soluções fundamentadas num tripé de conhecimentos. O zootécnico é a base de tudo, pois a empresa é especialista em produção animal e nos diferentes processos produtivos. Em seguida, a experiência em gestão se traduz na eficiência de gerenciamento de negócios pecuários, do nível operacional ao estratégico. Por fim, a importância do domínio tecnológico, com especialistas em ciência de dados e desenvolvimento de sistemas avançados.

Mais do que uma desenvolvedora de softwares e integradora de hardwares para o agronegócio, a GA promove a eficiência do negócio rural através da inteligência artificial preditiva. Um sistema que capta, armazena, gerencia e analisa grandes volumes de dados de forma excepcional e diferenciada. Assim, são entregues insights reais que orientam as decisões dos clientes do nível comercial ao estratégico. O resultado final é um controle eficaz da operação, cruzando informações internas e de mercado.

Segundo Paulo Marcelo Dias, a principal dor dos criadores de gado são informações desagregadas e sem sentido. “Diminuímos retrabalho, aumentamos qualidade das informações e introduzimos uma melhor qualidade aos processos. É um caminho longo de implantação de uma nova cultura de gestão e educação dessas rotinas. Nosso maior valor é uma parceria sólida com os clientes”, ressalta Dias.

Do outro lado, a KPTL tem convicção que soluções tecnológicas que agreguem inteligência de dados ao agronegócio são uma das chaves para garantir o abastecimento da população mundial. Especialmente em Agro, a KPTL acredita que a consistência na oferta tecnológica e na experiência do capital humano são fundamentais para o sucesso dessas companhias.