Companhia de soluções digitais focada no e-commerce conclui IPO na B3

A Infracommerce, focada na adoção do conceito de Customer Experience as a Service (CXaaS) no Brasil e que privilegia a experiência do consumidor, concluiu sua oferta pública inicial (IPO) na B3. Transmitido ao vivo, atendendo às medidas de medidas de segurança exigidas pela pandemia, o evento contou com a participação do presidente da B3, Gilson Finkelsztain e do CEO e fundador da Infracommerce, Kai Schoppen, além dos demais executivos e conselheiros da companhia.

“Desenvolvimento da governança corporativa, confiança e credibilidade no mercado, ganhos de reputação, enfim, há várias ‘belezas’ associadas ao IPO. Uma dessas belezas é a visibilidade. Toda companhia que abre seu capital se torna automaticamente conhecida pelo público, pelos investidores. Se você fez uma compra online – hábito que foi de certa forma impulsionado pela pandemia – certamente você já foi impactado positivamente pelo trabalho da Infracommerce. Com a estreia da Infracommerce na B3, abre-se agora a oportunidade de ampliar essa interação via mercado de capitais”, comentou Gilson Finkelsztain, presidente da B3.

“O IPO é definitivamente um marco na história da Infracommerce, mas não a linha de chegada. Assim como os alpinistas a caminho do monte Everest comemoram sua chegada ao primeiro base camp e usam este momento para se fortalecer e ir mais alto, a Infracommerce considera a abertura de capital na Bolsa de Valores do Brasil uma importante conquista e, ao mesmo tempo, uma oportunidade para investirmos em inovações, tecnologias e aquisições estratégicas para irmos ainda mais longe” comemorou Kai Schoppen, CEO da Infracommerce.

A oferta pública da Infracommerce foi feita nos termos da ICVM 476 sob a coordenação do Itaú BBA (Coordenador Líder), do BTG Pactual, do Goldman Sachs e do Morgan Stanley (Coordenadores da Oferta). Mattos Filho e Cleary assessoraram a Infracommerce, enquanto que Lefosse e Davis Polk os Coordenadores da Oferta.

Kai Schoppen, CEO da Infracommerce.

Os recursos captados pela oferta da Infracommerce serão utilizados pela companhia para potenciais aquisições estratégias para expandir sua oferta tecnológica e logística, além de investimentos em Capex, pesquisa e desenvolvimento, despesas comerciais e pagamento de dívidas. Com a realização de seu IPO, a Infracommerce passa a ser a 192ª empresa listada no Novo Mercado, segmento com os mais elevados padrões de governança corporativa.


Quer acompanhar de perto todos os investimentos no ecossistema de startups? Siga as redes sociais Startupi e acesse nosso ranking de investimentos do mês.

Mais tradicional portal de mídia brasileiro sobre o mercado de Startups, Inovação, Investimentos, Empreendedorismo e Tecnologia. Desde 2008 vem colaborando para a construção do ecossistema brasileiro de Startups, informando e educando todo o mercado. Quer falar com a gente? Clique aqui e envie uma mensagem para redação, parceria ou comercial. Mantenha-se atualizado sobre as novidades do Startupi pelas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram e Linkedin.

Matérias Relacionadas

No comments yet. You should be kind and add one!

Our apologies, you must be logged in to post a comment.