Ir para o conteudo

Astella investe R$ 8 milhões em startup que oferece solução omnitech 

De olho na tendência de descentralizar o marketing, a gestora de fundos de venture capital Astella acaba de investir R$ 8 milhões na omnitech bornlogic, desenvolvedora da plataforma gerentesdigitais, solução omnitech para integrar equipes do ponto físico ao meio digital. 

“Na bornlogic, identificamos o conector do mundo físico com o digital. A solução que ela criou provoca uma verdadeira transformação na força de vendas, que passa a contribuir para o processo como um todo, independentemente de onde a venda ocorra”, afirma Marcelo Sato, sócio da Astella. “Essa é a verdadeira entrega do omnichannel.” 

Para ele, a bornlogic veio para fazer todo o bolo crescer. “No mercado, já não será um canal ou outro. Mas um e outro, juntos”, diz Sato. 

Marcelo Sato – Sócio da Astella

Com o investimento recebido da Astella, a bornlogic agora direciona seus esforços para contratações nas áreas de tecnologia, produto e vendas. “Vamos trazer ainda mais densidade computacional para ela, a fim de inovar e dar suporte para o novo modelo de negócio que estamos proporcionando ao mercado”, conta o CEO da bornlogic, André Fonseca. Nos próximos 18 meses, a startup deve triplicar a receita e também sua equipe

gerentesdigitais 

A ferramenta capacita gerentes a gerar conteúdo regional relevante para o consumidor e assisti-lo ao longo de toda a jornada de compra, seja no e-commerce, WhatsApp, aplicativo ou loja física. “É o que chamamos de marketing descentralizado”, explica.

André Fonseca – CEO da Bornlogic

Entre os clientes da bornlogic, estão os principais varejistas do Brasil como Magazine Luiza, Via Varejo, Lojas Americanas, Carrefour, Óticas Carol, TIM, Kroton, Havan e Porto Seguro. Em comum, elas viram a oportunidade de empoderar lojas próprias, franquias, revendedores, consultores e até influenciadores para criar canais de venda e peças de comunicação dirigidas ao público do entorno geográfico e, ainda, interagir com ele nas redes sociais. 

Na plataforma gerentesdigitais, as equipes de vendas aliam o conhecimento dos produtos à demanda dos consumidores regionais, criando vídeos e postagens diárias em páginas locais  de cada loja no Facebook e InstagramSegundo Fonseca, a integração do mundo físico com o virtual – em que vendedores e consumidores transitam sem barreiras – era o passo que faltava para o omnichannel tornar-se realidade. “Com a pandemia e a necessidade do distanciamento social por longos meses, isso ficou ainda mais evidente. Marcas que dependessem apenas de lojas físicas estariam fadadas ao encerramento das operações.” 


Quer acompanhar de perto todos os investimentos no ecossistema de startups? Siga as redes sociais Startupi e acesse nosso ranking de investimentos do mês.

Mais tradicional portal de mídia brasileiro sobre o mercado de Startups, Inovação, Investimentos, Empreendedorismo e Tecnologia. Desde 2008 vem colaborando para a construção do ecossistema brasileiro de Startups, informando e educando todo o mercado. Quer falar com a gente? Clique aqui e envie uma mensagem para redação, parceria ou comercial. Mantenha-se atualizado sobre as novidades do Startupi pelas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram e Linkedin.

Matérias Relacionadas

No comments yet. You should be kind and add one!

Our apologies, you must be logged in to post a comment.