* Por Isabel Costa

Como estar habilitado para um mercado em constante transformação? Segundo pesquisa do Fórum Econômico Mundial divulgada em 2016, 35% das habilidades essenciais são alteradas a cada cinco anos.

Mas, dentro dessa intensa mudança, existe um pilar que acompanha a exigência para o profissional do presente e do futuro: a capacidade de usar diferentes conhecimentos de forma conjunta, potencializada pelo avanço tecnológico para aplicar, na prática, conceitos que vão além da teoria e podem ser estimulados por meio de metodologias que combinem os chamados soft skills: competências socioemocionais com diversas habilidades técnicas.

Desenvolver comunicação, pensamento crítico, colaboração e criatividade é essencial para que a geração de futuros profissionais alcance seus objetivos. É preciso estar conectado a novas tendências. O momento é de seguir ao lado das pessoas, oferecendo maneiras para que elas se capacitem ao mercado de trabalho. Para isso, é fundamental que se amplie o acesso à internet e às plataformas de educação à distância.

O ano de 2020 certamente deixará como legado a exigência por habilidades capazes de melhorar a sociedade. Entre elas, estará o foco maior em um processo de alfabetização que transmita a capacidade de se ler, escrever e interpretar de forma mais ampla; o desenvolvimento de um pensamento sistemático, que avalie sempre os temas como um conjunto em suas funções, partes e relacionamentos; uma visão mais apurada de antecipação, detectando no presente sinais do que se consolidará no futuro; e uma previsão estratégica, já que as intensas mudanças farão com que escolhas e decisões influenciem diretamente e de forma mais rápida na evolução do mundo.

Essas exigências já existiam no mercado de trabalho e passarão a ser mais necessárias. A capacidade de raciocínio mais amplo, interligando conhecimentos de variadas áreas na busca por soluções práticas, pode ser complementada por meio de linguagens computacionais e devem fazer parte do repertório.

Uma das estratégias para adquirir novas habilidade é trabalhar temáticas por projetos, estimulando naturalmente a interdisciplinaridade. No ambiente escolar, o professor precisa se manter capacitado de acordo com as novas tendências e motivar o aluno a buscar mais do que apenas o conteúdo, indicando como essa teoria pode ser aplicada. O caminho é incentivá-lo a compreender o problema, desenvolver a solução em atividades escolares e colaborativas e colocar a ideia em prática com recursos tecnológicos.

A chave é encontrar plataformas que disponibilizem conteúdos para diversos públicos interessados em tecnologia, principalmente em áreas como programação e “Internet das coisas”, composta por dispositivos inteligentes e interconectados, coletando informações do ambiente e interagindo com o mundo. Essas plataformas ajudam no processo de formação de alunos, auxiliando no desenvolvimento de trabalho científico ou de projetos de empreendedorismo. E também capacitam ainda mais os professores, que passam a ser estimulados a desenvolver seus planos de aula.

Existem cursos on-line gratuitos para que as pessoas procurem desdobramentos de outras iniciativas a partir de temas de seu interesse e dentro do processo de aprendizagem. Adquirir e disseminar o conhecimento é importante na preparação do profissional, assim como uma inclusão digital cada vez mais ampla.

É necessário trazer mais dinamismo na capacitação, utilizando novas experiências. A plataforma e o conteúdo de programação são instrumentos importantes para o professor apoiar o estudante nesta ampliação de repertórios. O conteúdo não precisa ser tão denso, mas deve estimular criatividade, pensamento lógico e resolução de problemas aplicados em diversas áreas, integrando as chamadas hard e soft skills.

As estratégias para o desenvolvimento de competências precisam ser flexíveis e adaptadas às diversas realidades, para que a jornada da transformação digital possa fazer sentido na capacitação de profissionais que irão atuar em um mercado em constante evolução.

* Isabel Costa é gerente de Cidadania Corporativa da Samsung Brasil.