O aplicativo ClickCash levantou o montante de 1,2 milhões de euros (R$ 5,5 milhões) em aporte liderado pela austríaca Telor e a estoniana Morcote Holdings, para apostar no lançamento, ao mercado brasileiro, de empréstimos totalmente automatizados, ágeis e desburocratizados, em março.

“Acreditamos que com o crescimento econômico acelerado, o aumento da confiança do consumidor e as novas regulamentações brasileiras para bancos digitais e fintechs, a ClickCash vem oferecer uma alternativa conveniente, com taxas competitivas, em comparação com os empréstimos bancários tradicionais, que são caros por dia de pagamento”, afirma Rene Hirv, fundador e CEO da Morcote Holding.

Para Douglas Murdoch, Country Manager da ClickCash no Brasil, a operação “aposta em um score de crédito próprio que combina inteligência artificial, dados móveis e serviços de informações de crédito tradicionais. E é esse score próprio, em várias camadas, que garante a assertividade da análise e a velocidade da concessão do crédito”, revela.

ClickCash – Como funciona? 

O empréstimo é solicitado pelo app da ClickCash e, assim que aprovado, disponibilizado para depósito na conta do cliente.

A aprovação rápida é resultado da inteligência artificial aplicada no sistema, que não depende somente de informações de pagamentos anteriores ou bases de dados antigas para avaliação da capacidade de crédito do consumidor – um diferencial com relação aos demais players do mercado.

O ClickCash cruza até 10 mil pontos de dados por dispositivo e conta com variadas fontes para avaliação do consumidor, que possibilitam a execução de empréstimos altamente assertivos. A plataforma também é uma das primeiras a utilizar dados do Cadastro Positivo, fornecidos pelo SPC/Serasa, para a concessão de crédito.

Para Sasha Hauptmann, CEO da Telor, a confiança na ClickCash foi um fator relevante. “Temos certeza de que, com sua abordagem rigorosa às interfaces móveis, processo de back-end, pontuação e análise de crédito de big data muito minuciosa, a ClickCash está muito bem posicionada para se beneficiar do crescimento de empréstimos online”, explica.

A startup oferece crédito entre R$ 500 e R$ 2 mil para pagamento em até 6 vezes – via boleto ou transferência bancária. Em breve, a fintech ofertará empréstimos de até R$ 10 mil para pagamentos em até 24 meses e com capacidade de pagamento em débito automático. Utilizando vasta experiência em pontuação de crédito e pontuação de dados móveis, a ClickCash oferece taxas competitivas em relação aos outros players.

Com o sistema bancário cada vez mais digital, o Credit as a Service (Crédito como Serviço) funcionará como um benefício não só para o público B2C mas também B2B, onde o “CaaS” atuará como uma nova solução financeira onde empresas que não utilizam os empréstimos como solução financeira poderão oferecer crédito a seus clientes através da plataforma ClickCash.