A Clicksign, empresa brasileira focada em assinaturas eletrônicas e digitais, acaba de  lançar o “Aceite via WhatsApp”, solução fundamentada no mecanismo de assinatura e automação para fluxo de registro de informação no WhatsApp. Com essa ferramenta, o cliente vai poder formalizar todo o fluxo de forma rápida e segura. 

Com 10 tipos de autenticações como Token via e-mail e PIX, a empresa quer ser reconhecida como referência em soluções completas para a otimização de todo o negócio a partir da formalização de transações de maneira ágil e otimizada e não somente como uma provedora de tecnologia para assinaturas digitais e eletrônicas. 

Inicialmente em versão beta, a solução funciona da seguinte maneira: o destinatário recebe o contrato ou acordo via WhatsApp, formalizando o aceite em poucos passos, de forma segura,  devido ao processo de autenticação, para confirmar sua identidade. Toda a transação ocorre exclusivamente via a plataforma de mensagens, gerando um registro de validade do acordo para os envolvidos. Ou seja, após o aceite, ambas as partes envolvidas ficam resguardadas com a infraestrutura de agente certificador da Clicksign.

“Um exemplo para ilustrar a efetividade da ferramenta seria uma escola que precisa da autorização dos pais ou responsáveis para um passeio e necessita enviar o documento para formalização, ou uma agência de publicidade que quer acordar um novo fee mensal. Em ambos os casos, os acordos que antes demandavam uma assinatura de documento físico ou uma troca de e-mails, agora serão rapidamente concluídos pelo WhatsApp”, afirma Michael Bernstein, CTO e cofundador da Clicksign.  

A nova funcionalidade é o primeiro passo no plano de expansão do negócio da empresa no país, agora focado no mercado de Entreprises, e promete desburocratizar a rotina de processos de empresas e clientes de setores que precisam de maior agilidade para formalização de acordos e termos. Com a novidade, a empresa espera crescer em receita e aumentar sua base de clientes, como nos segmentos de varejo, saúde e educação até o fim de 2022.