* Por Gustavo Stork

A pandemia impulsionou a revolução digital de muitas empresas que passaram a digitalizar os serviços por meio de soluções tecnológicas. Essa revolução também atingiu em cheio a área de marketing das companhias, que se tornou cada vez mais importante e estratégica, funcionando como um agente transformador para a evolução de um negócio. 

Na última década, vivenciamos a era do marketing 4.0, que evoluiu com a transformação digital. Período também em que a globalização impactou o mundo e as pessoas se tornaram cada vez mais conectadas, por meio das redes sociais, da computação em nuvem e da Internet das Coisas (IoT). Desta forma, evoluímos, ainda, com a Inteligência Artificial, e por tornar o consumidor cada vez mais consciente e empoderado, abriu-se caminho para o momento atual, o marketing 5.0.

A globalização e o aumento da frequência com que as pessoas passam conectadas exigiu uma nova forma de se pensar o marketing. Hoje as marcas precisam considerar os aspectos sociais, seja em conceitos estabelecidos na sociedade ou na vida de cada um e das comunidades, além de estarem presentes em todas as mídias. Cada vez mais empoderado e antenado por conta da era da informação, o cliente já não aceita uma experiência ruim. Agora, ele deixa de fazer comparações dentro do mesmo ramo de atuação e relaciona marcas e experiências distintas e busca empresas que oferecem produtos e serviços que ele considera como ideais. 

Marketing é uma das mais importantes áreas de uma empresa, seja ela micro, pequena, média ou grande, pois é capaz de conectar todas as frentes de uma operação, desde promover o engajamento das equipes com a empresa, até aproximar a marca junto aos consumidores e demais públicos de interesse aos negócios. Além disso, o marketing é fundamental para que uma companhia possa construir uma boa relação com seus clientes e parceiros. Por isso, é importante fazer uma boa estratégia para usufruir dos benefícios que o marketing pode oferecer.  

Como conector entre todos os ecossistemas da companhia, é necessário que o marketing esteja no centro da estratégia. Com isso, os profissionais na posição de CMO têm um novo papel nesse processo e devem desenvolver estratégias que permitam a área estar à frente do negócio, já que o marketing faz parte de processo que engloba mais lucro e colabora para a reputação da marca. 

Portanto, estar atento e estudar todas as ferramentas e mecanismos para uma boa estratégia de marketing é essencial hoje em dia, porém a vantagem é que, com a evolução tecnológica, há muito mais opções para que sua marca esteja sempre nos holofotes e impacte, de forma positiva, a experiência de seus clientes.


GustavoGustavo Stork é Head of Marketing e Growth do Bling, sistema de gestão do Grupo Locaweb. Fundador do The CMOs Marketers, maior comunidade de marketing do Brasil, empreendedor serial, mentor startup weekend, especialista em marketing, growth e SaaS. Pós graduando em finanças pela PUC-RS.