O desafio de retornar embalagens pós-consumo para a cadeia produtiva não deve partir somente dos consumidores, mas também das indústrias e outras empresas envolvidas no processo de produção e comercialização. Pensando nisso, a rede Pão de Açúcar lançou neste mês a campanha “Tem vidro usado para ser reciclado? Resolve no Minuto”, um projeto da empresa em parceria com a Green Mining e a Ambev.

A Green Mining foi uma das startups selecionadas pelo programa global 100+Accelerator, da Ambev, para resolver questões urgentes sobre sustentabilidade. Uma delas consiste em fechar o ciclo da economia circular em embalagens, visando inserir a logística reversa de vidro em lojas da bandeira localizadas na cidade de São Paulo.

A campanha já existe com a coleta em bares e restaurantes em São Paulo, Brasília e Rio de Janeiro, que são grandes geradores de resíduos. A coleta também foi realizada em eventos como o Festival de Pinheiros. Esta é a primeira vez que é realizada uma parceria com o Pão de Açúcar, estendendo as ações para toda a comunidade.

Os estabelecimentos participantes da campanha terão pontos coletores exclusivos para o descarte de vidro, devidamente identificados. Podem ser garrafas, potes, copos e outros objetos. As embalagens não precisam estar totalmente lavadas, mas não podem ter excesso de alimentos. Garrafas, potes, copos ou pratos quebrados devem ser embrulhados em jornal ou papel para evitar acidentes.

Pão de Açúcar

Quando os coletores estiverem cheios, os resíduos serão recolhidos pelos coletores da Green Mining por meio de triciclos para evitar a emissão de CO2. Os materiais serão levados até um ponto de concentração (Hub) e ao atingir um certo volume, o vidro é levado direto à fábrica da Cervejaria Ambev, localizada no Rio de Janeiro, devolvendo o material à cadeia produtiva da empresa.

Todas as informações sobre a coleta são registradas como, por exemplo, qual hub o material é levado e, posteriormente, do transportador, que leva a carga para usina de reciclagem, validando a quantidade recolhida. Da mesma forma, a usina valida o recebimento no sistema para fechar o ciclo.

Os dados são coletados e armazenados em softwares desenvolvidos pela Green Mining que usa tecnologia Blockchain, garantindo a segurança dos dados e principalmente a veracidade das cargas entregues às usinas de reciclagem. “O vidro pode ser reciclado inúmeras vezes e deve-se evitar que vá para lixões, aterros e contamine o meio ambiente. Para nós, a parceria com o Minuto Pão de Açúcar e a Ambev trará resultados positivos e utilizaremos novos softwares e hardwares para garantir a eficiência de nossa logística”, afirma Rodrigo Oliveira, CEO da Green Mining, “O que mais nos motiva é que esta parceria não tem prazo de validade, demonstrando o compromisso verdadeiro com sustentabilidade do planeta”.

Frederic Garcia, Diretor do Minuto Pão de Açúcar, contou que a sustentabilidade é um pilar estratégico da marca Pão de Açúcar, pioneira no varejo alimentar ao criar um programa de reciclagem em 2001, e que isso se reflete em sua rede vizinhança. “Nossos clientes já nos reconhecem como uma marca engajada e em busca de soluções inovadoras para incentivar práticas sustentáveis. Esse serviço, por meio dessa parceria, reafirma o nosso compromisso com o desenvolvimento de ações que promovem não só o consumo consciente, mas também o descarte consciente”, destacou ele.

De acordo com levantamento realizado pela Abividro (Associação Brasileira das Indústrias de Vidro), a reciclagem do material no Brasil movimenta aproximadamente R$ 120 milhões por ano. Em média, o mercado produz mais de 8,6 bilhões de embalagens por ano, o que equivale a 1,3 milhão de toneladas de vidro.

Inicialmente, apenas seis lojas do Minuto Pão de Açúcar contam com lixeiras exclusivas para o descarte de vidro e os números dos materiais recolhidos serão divulgados em breve.

Confira os endereços das lojas Minuto Pão de Açúcar que já contam com lixeiras exclusivas para o descarte de vidro:

– Avenida Paulista, 407 – Bela Vista;

– Rua Padre Antonio José dos Santos, 554 – Brooklin;

– Rua João Moura, 509 – Pinheiros;

– Av. Dr. Cardoso de Melo, 482 – Vila Olímpia;

– Rua Fidencio Ramos, 81 – Vila Olímpia;

– Rua Cardoso de Almeida, 1292 – Perdizes.