O ano começou em ritmo acelerado para a startup OSucateiro.com. A cleantech de Caxias do Sul voltada para a indústria recebeu mais de R$ 1 milhão neste início de ano. O aporte foi feito por investidores ligados ao fundo Anjos do Brasil e da Alemanha.

O investimento solidifica o crescimento de 580% registrado no último bimestre de 2019, quando a startup fechou o ano com 8 franquias em 4 estados e presença em mais de 100 países. Com o aporte, a expectativa é faturar mais de R$ 94 milhões nos próximos quatro anos e a abertura de 70 franquias em todos os estados já em 2020. A solução é gratuita para a indústria, tendo como fonte de receita apenas uma porcentagem do sucesso do cliente com a eliminação de estoques e máquinas ociosas, além de resíduos.

“Este investimento vai nos possibilitar potencializar o sucesso de nossos clientes, atuando de forma ainda mais inteligente, veloz e disruptiva. Entendemos que estoque parado é dinheiro fora do caixa, e a partir deste aporte vamos poder oferecer uma  experiência ainda mais satisfatória no gerenciamento dos estoques de nossos usuários”, garante o CEO da startup, Rafael de Davi Valentini.

As principais melhorias devem ser vistas já a partir de fevereiro. Para isso, a startup pretende realizar investimentos em tecnologia e infraestrutura, além da contratação de 20 novos profissionais para áreas-chave como software, user experience (UX) e customer sucess.

“O principal foco será o aperfeiçoamento e a personalização da experiência do usuário com o apoio de inteligência artificial e do uso de blockchain nos processos de logística e segurança. Além disso, teremos uma maior presença mobile, por meio de um aplicativo que será o nosso principal canal de comunicação com o usuário”, adianta Rafael Nonemacher, diretor de marketing do OSucateiro.com, ao reforçar também o principal propósito da startup.

“A partir dessas novas plataformas, nossos clientes vão conseguir mensurar precisamente o seu impacto ambiental ao praticar a economia circular por meio do OSucateiro.com. Eles terão acesso uma dashboard apontando quantas toneladas de matéria-prima deixaram de ser extraídas da natureza ao utilizar a plataforma, por exemplo”, explica Rafael.

Entre os principais propósitos do OSucateiro.com estão o incentivo ao consumo responsável e a práticas que evitem a utilização desnecessária de matéria prima virgem, conforme objetivos de preservação ambiental e redução de emissão de gases estufa, a partir de 2020, descritos no Acordo de Paris, celebrado por 195 países durante a 21ª Conferência das Partes (COP21), na França, em 2015. Além disso, a startup integra, desde 2018, a Rede Brasil do Pacto Global da ONU, ação que reúne empresas e instituições em prol do desenvolvimento sustentável, defesa do meio ambiente, direitos humanos e preservação do planeta.