Fiquei impressionada com o primeiro Startup Rio Meetup, em 19 de julho. O evento organizado por Tiago Asevedo no lounge superior do Cafe del Mar, em Copacabana, estava lotado de empreendedores e investidores.

Um videografista e um fotógrafo profissionais deram uma geral no local, entrevistando os participantes, e um DJ fez um fundo musical. Mas, apesar dos confortáveis assentos no bar, ninguém estava descansando e aproveitando os drinks e lanches: todo mundo estava circulando, conhecendo pessoas, conversando.

A associação de investidores anjos Gávea Angels foi um dos patrocinadores, mas havia outros investidores no evento, incluindo alguns estrangeiros, como Mike Peltola, um empreendedor serial da Finlndia, e Yann de Vries, um investidor francês que chegou no Rio e representa a BV Capital.

Peltola disse que ficou impressionado com a energia do evento, e mesmo se a cena de startups no Brasil estiver “pouco substancial”, ele achou ótimo ver tanta atividade, energia e potencial sendo demonstrados.

O investor Michael Nicklas, da IdeiasNet, mostrou-se surpreso pela intensidade dos pitches. Ele disse que que ainda não havia estado em um evento onde tantos empreendedores estivessem fazendo pitch com tanto entusiasmo. Uma após a outra, as pessoas aproximavam-se, davam seus cartões de contato e faziam seu “elevator pitch”, dos quais vários foram de boa qualidade. Algumas das ideias foram ótimas para vários negócios de serviços, mas não necessariamente para o tipo de negócio de rápido crescimento que os investidores procuram. Outras tiveram potencial para um maior crescimento ou para integração com outros negócios existentes.

Se os próximos Startup Rio Meetup seguirem este padrão, parece que Tiago iniciou algo que vai beneficiar o ecossistema no Rio. Veja fotos do evento e acompanhe Startup Rio Meetup no Twitter.