A Stone, empresa de tecnologia de pagamentos financeiros e de soluções para PMEs, lançou a Stone Investment Competition, um desafio para universitários interessados em finanças e investimentos com prêmio de até R$30 mil em educação. Na competição, os times de estudantes representam investidores, com objetivo de avaliar e escolher uma startup real, pré-selecionada pela Stone, em uma experiência completa e interativa de um venture capital.

A iniciativa, que terá todas as etapas de forma online devido à pandemia, premiará os melhores futuros investidores do Brasil com bolsas de estudo. O time em primeiro lugar receberá uma bolsa de R$ 30 mil, já o segundo e terceiro lugares receberão, respectivamente, bolsas de R$15 mil e R$5 mil. Os valores poderão ser utilizados em qualquer instituição de ensino. Já para a startup escolhida pelo time vencedor, a Stone oferecerá um programa de mentoria.

“Acreditamos que a educação é a melhor forma de mudar o futuro e, por isso, a Stone investe em diversas iniciativas que contribuem para a propagação do conhecimento financeiro e para o desenvolvimento de novos talentos. Enxergamos oportunidades em todo o Brasil e, como o desafio será 100% digital este ano, esperamos ampliar o alcance do projeto. Sabemos que, neste cenário, iniciativas voltadas à educação têm ainda maior relevância, com potencial de trazer novas perspectivas de carreira e desenvolver novas habilidades de jovens em formação”, explica Fernanda Teich, responsável pela área de educação da Stone.

Antes do início da competição, a Stone selecionará três startups reais que tenham sinergia com a fintech. Na primeira fase do desafio, os grupos enviarão um paper explicando as metodologias e premissas de avaliação de investimento em startups. Os seis melhores times serão convidados para a segunda fase: o evento de Decisão de Investimento, no dia 27 de setembro de 2020.

Anteriormente ao evento, os estudantes receberão um material com informações das startups, para imersão total nos negócios. No dia 27 de setembro, os times assistirão às apresentações online das três startups selecionadas pela Stone para o desafio e poderão fazer perguntas para os representantes. Depois, cada time terá de 2 a 3 horas para decidir em qual startup investir. Ao final do dia do desafio, realizarão uma apresentação justificando sua escolha para um comitê de investimento. Os ganhadores serão anunciados no dia do evento, após a avaliação dos jurados.

Os universitários interessados devem se reunir em times de 3 a 5 estudantes para realizarem a inscrição e a primeira etapa do desafio até 11 de setembro pelo link.