A pandemia que atingiu boa parte do mundo trouxe com ela muitas incertezas para o mercado mundial. Muitos setores, como o turismo, aviação e veículos, foram fortemente afetados e outros precisaram se reinventar para sobreviver. E neste cenário a presença digital tornou-se imperativa. Mas com a velocidade que tudo precisou acontecer, muitos empreendedores, especialmente de pequenas e médias empresas, sentiram-se perdidos sobre como e por onde começar.

Pensando em como ajudar quem, neste momento, precisa potencializar suas vendas no digital, Fábio Oliveira, CEO da SalesFarm, plataforma que terceiriza a força de vendas por meio de um software e tem como objetivo conectar empreendedores a vendedores, listou algumas dicas:

Aposte em soluções rápidas e assertivas

Entrar no mundo digital pode parecer um pouco assustador para quem não é um nativo online. Uma opção é buscar soluções disponíveis que ajudem a iniciar o processo de vendas online de uma forma assertiva e rápida, já que nesse momento tudo que não temos é tempo, para que os resultados apareçam sem muitas brechas para erros. Uma plataforma que te ofereça uma gestão completa das vendas, incluindo vendedores preparados para o e-commerce é uma saída eficiente.

Entenda quem é seu público e como atingi-lo

A internet é um oceano de possibilidades, dependendo da estratégia você pode atingir duas pessoas ou milhões delas. O principal é entender quem você quer impactar e onde eles estão (qual rede social utilizam, quais sites leem, entre outros), e depois atuar com base nesse conhecimento. Aqui também é fundamental que você conte com uma equipe de vendas especializada, que entenda o seu negócio e saiba onde ir para vendê-lo.

Certifique-se de que terá como entregar o que promete

Entrar no mercado digital é ter ainda mais consciência de que o consumidor é seu termômetro, ou seja, ele quem pode alavancar ou derrubar suas vendas. Um comentário pode viralizar tanto positiva como negativamente. Por isso, ao se aventurar pelo e-commerce tenha certeza de que todo o processo funciona 100%. Desde a pré-venda até a logística da entrega. Contar com uma empresa parceira que possa te ajudar a decifrar cada etapa e como deixar tudo pronto para iniciar seu e-commerce é a forma mais correta de garantir que o seu negócio não sofra com a pressão do consumidor.