A curitibana Send4 foi comprada pela ClearSale, empresa especializada em soluções antifraude nos mais variados segmentos. Com a aquisição, as empresas passam a oferecer uma aliança estratégia em todo o processo de compra online.

“A venda da Send4 para a ClearSale é estratégica pois nos permite acessar novos mercados, principalmente o internacional, que é nosso foco para 2020”, explica Cristian Trentin, cofundador da Send4.

Hoje, a ClearSale é responsável por 85% das análises de informações antifraude do varejo online e já evitou mais de R$ 1,4 bilhões em prejuízos para o varejo eletrônico em 2018. Já a Send4 oferece o produto Troque Fácil, plataforma que facilita o processo de trocas, conseguindo garantir a conversão das devoluções em até 75%, quando a média de mercado é de 30%. Desde o início das operações do Troque Fácil, foram mais de R$ 60 milhões em valor de produtos trocados ou devolvidos, atendendo mais de 260 mil consumidores e 200 e-commerces.

“Nossa ideia é não só expandir o negócio, mas também trazer mais confiabilidade nos processos de trocas para os clientes do Troque Fácil, além de possibilitar nossa expansão para operar junto a grandes players”, explica Trentin. Desta forma, as compras onlines passarão a ter melhores processos durante toda a jornada de compra, garantindo segurança e agilidade na venda e no pós-venda.

“Com a aquisição da Send4 ampliamos nosso escopo de atuação na prevenção de fraudes no varejo e iremos atuar para deixar o processo de trocas mais rápido e seguro. Atualmente, são dois os gargalos da logística reversa: um está associado aos riscos de fraudes do processo, com perdas tanto para o cliente como para o varejista, e o outro na experiência do cliente nos processos de troca. A aquisição da Send4 faz a ClearSale manter o protagonismo no auxílio ao crescimento do varejo”, explica Bernardo Lustosa, CEO da ClearSale.

Foco no cliente

A aquisição garante benefícios não só para as empresas envolvidas, mas também para o e-commerce brasileiro e para os clientes, que ainda sofrem com dores do varejo online. Uma pesquisa realizada pela Ebit, plataforma que mede a reputação das lojas online com seus clientes, mostra o quanto o processo de pós-venda é importante na hora de reter clientes: 92% dos clientes que fazem uma compra e precisam passar pelo processo de troca ou devolução voltariam a comprar na mesma loja se tiverem uma boa experiência de pós-venda.

Voltariam, e o verbo no pretérito imperfeito indica que, infelizmente, essa não é a realidade, sobretudo quando o setor é moda, vestuário e acessórios. Isso porque uma outra pesquisa realizada pela Send4 mostra que 90% dos clientes de e-commerce não compra novamente em uma loja que não ofereça um processo de trocas e devoluções fácil e simplificado.

No cenário pós-fusão, na prática, os clientes terão maior oportunidade de utilizar a plataforma Troque Fácil, que será utilizada em grandes players do mercado que hoje já utilizam a ferramenta antifraude da ClearSale. No Troque Fácil, a solicitação para troca ou devolução de um item comprado pode ser feito online, sem a necessidade de ligar para uma central telefônica.

Após a solicitação, o cliente recebe um código de postagem para devolver o produto e recebe informações sobre o status da devolução por email, de maneira mais fácil e rápida. O varejista pode ainda oferecer nesse processo um bônus de desconto para que o cliente use na próxima compra.