O Brandsclub anunciou ontem, em comunicado oficial, que desistirá do modelo de e-commerce e passa agora a ser um site de ofertas de moda, decoração e lifestyle. A empresa disse que mudou o caminho por ver que não estava mais alinhada com o Buscapé Company, do qual faz parte.

O Brandsclub foi lançado em março de 2009 e foi co-fundado por Olivier Grinda. O negócio era um clube de compras que queria atender os clientes interessados em produtos de grifes. Atuando por quase cinco anos, o Brandsclub tinha seis milhões de usuários e era uma loja ativa nas redes sociais.

A empresa se comprometeu a entregar todos os pedidos já realizados e, no caso da impossibilidade da entrega, devolver o dinheiro aos clientes. Quem tiver créditos para utilização no site também será reembolsado.

O Buscapé Company disse ainda no anúncio de ontem que continuará trabalhando em novos modelos de e-commerce. O site do Brandsclub continua anunciando produtos com preços, mas ao clicar, você é redirecionado para o site da loja.