Após o lançamento beta, versão nova do site chega com três opções para contratar serviços, além de uma página exclusiva para o prestador, que poderá gerar conteúdo, ofertas com pacote de serviços e ainda tirar dúvidas dos usuários.

Segundo dados da Confederação Nacional de Serviços (CNS), o setor de serviços representa atualmente 69% do PIB e participa com 70% da mão de obra empregada no país. Além disso, ainda existe a expectativa que a representação desse mercado venha a crescer entre 5% e 10% a mais na parcela do PIB, nos próximos anos.

E, nascido com a missão de facilitar a contratação de serviços na web, o bougue, traz uma plataforma completa de e-service, onde o consumidor pode encontrar ofertas prontas, buscar por serviços específicos, ou ainda criar projetos para se organizar, como festas e casamentos ou reformas.

Após pouco mais de cinco meses do lançamento da versão beta do portal, o bougue evoluiu e traz novas funcionalidades em uma ferramenta completa de serviços na internet. A partir de agora, os usuários poderão encontrar quatro novidades no bougue, além do já conhecido pedido de propostas, no qual é possível buscar serviços específicos. As novidades se dividem em “bougue Oferta”; “bougue meu Projeto”; “Perfil Completo do Prestador de Serviços”; e a “central de avaliações”.

A bougue Oferta funciona de forma simples, no qual os usuários contam com ofertas específicas sobre determinados tipos de serviços, como festas e reformas, além de encontrar uma série de prestadores disponíveis para efetuar os serviços ofertados. Caso se interesse, basta o cliente clicar em contratar para finalizar o negócio pela própria plataforma.

Já o bougue Meu Projeto chega para facilitar a vida daqueles usuários que precisam programar grandes eventos, como casamentos, festas e até reformas, por exemplo, tornando o bougue uma ferramenta que facilite ações do cotidiano das pessoas. Com essa nova opção, os clientes poderão montar uma lista de tudo o que precisam e o bougue traz os mais qualificados prestadores de serviços para cada um dos assuntos dentro da lista e ofertas disponíveis. Além disso, o bougue Projeto ainda atua como um gerenciador total de serviços, onde o usuário pode definir qual o orçamento (recurso financeiro) disponível para o projeto e a partir disso, o sistema irá trazer ofertas e prestadores que se encaixam nesse montante, fazendo o controle de quanto será gasto ou de quanto ainda está disponível para o projeto. A ideia é organizar o projeto e gerenciar os serviços que já estão sendo contratados, ajudando o usuário a gerir melhor os recursos para o projeto.

E o Perfil Completo do Prestador de Serviços, além de trazer informações sobre o prestador e todas as ofertas disponibilizadas por ele, também contará com um chat, no qual o usuário poderá sanar quaisquer tipos de dúvidas quanto a prestação dos serviços.

Por último, a “central de avaliações” traz todo o conteúdo gerado pelos usuários quanto à qualidade e outras informações sobre o serviço contratado. Ou seja, após a contratação e realização do serviço, o usuário poderá avaliar o prestador, transformando o espaço em um grande quadro de recomendações e avaliações de experiência.

Para Fernando Canuto, fundador e CEO do bougue, a evolução da plataforma de e-service está muito madura. “Eu acredito que nessa nova versão, o bougue atinge mais maturidade e o modelo fica mais adequado ao mercado, já que possui características e atributos adicionais que atendem melhor as necessidades tanto do usuário que busca por um serviço, quanto do próprio prestador de serviço que ainda não aproveita todo o potencial da internet. E, é aí que o bougue vai fazer a diferença”, afirma.

Novidades também para as empresas e prestadores de serviços

 A versão completa do bougue não traz vantagens somente para os clientes. O prestador de serviços também conta com uma série de novidades que prometem elevar ainda mais o relacionamento com os clientes.

 A primeira mudança foi a criação do Perfil do Completo do Prestador de Serviços, um espaço onde o prestador ou a empresa pode apresentar fotos e vídeos de trabalhos já feitos, além de gerar conteúdo com dicas e ideias. Além disso, a página contará com todas as ofertas disponibilizadas pelo prestador, reviews, no qual os clientes avaliam os serviços prestados, e um espaço para chat, que poderá sanar as dúvidas do consumidor e garantir a contratação do serviço.

As formas em que se pode ofertar os serviços também faz parte de mais uma novidade. A primeira é a partir do “bougue Oferta” e a outra a oportunidade de responder às solicitações de propostas. Além disso, há a opção de assinatura mensal, onde o prestador pode receber 20 oportunidades mensais, além das ofertas convencionais que ele pode disponibilizar – essas livres de comissão – e da possibilidade de criar anúncios dentro do próprio site.

A última novidade programada por hora é a Gold Offer. O sistema permite que o prestador ofereça descontos especiais para os consumidores que fecharem negócio em até 48 horas após ter recebido uma proposta de serviço. Os descontos são determinados pelo próprio prestador, porém têm o mínimo de 5%.

“Estamos trazendo muitas vantagens para as empresas e prestadores de serviços. Os prestadores de serviços têm a opção de escolher o público alvo que eles querem alcançar e definir uma estratégia de atuação. Também estamos trazendo um novo módulo de negociação, onde os clientes e prestadores poderão conversar e tirar dúvidas antes do fechamento do negócio”, explica Canuto.

A nova versão do bougue deverá ser lançada no final do mês de Março. Para conhecer o bougue e ter mais facilidades na hora de buscar serviços pela internet, acesse: www.bougue.com.br

Sobre o Bougue

Lançado em agosto de 2011, o Bougue nasceu com a proposta de ser uma ponte entre o prestador de serviços e o consumidor. E, dessa forma, o Bougue é uma plataforma de busca e contratação de serviços, como automotivos, buffets, construção, pets, entre muitos outros. Criado pelo empreendedor Fernando Canuto, o site reuniu apenas no primeiro mês de operação mais de 300 empresas parceiras somente em São Paulo. Para 2012, a expectativa é alcançar as cidades de Rio de Janeiro, Brasília, Belo Horizonte, Porto Alegre e Fortaleza. Para mais informações acesse:www.bougue.com.br