Neste sábado, conversei com um empreendedor diferente enquanto estava em um hotel em Foz do Iguaçu. Em um espaço designado na Convenção Anual do Sebrae PR, lá estava o estande da startup paulistana EcoGreens, cheio de bicicletas em que as pessoas pedalavam para alimentar a bateria de seus celulares.

Conversei com o Marcelo Araújo, que costumava trabalhar com eletrônica e depois resolveu estudar biologia. Foi aí que teve a ideia de aproveitar a energia mecânica dos movimentos humanos, tratá-la como energia elétrica, armazená-la e revertê-la para aparelhos de uso cotidiano.

Veja o vídeo em que Marcelo pedala para carregar seu celular – e nos conta sobre seus produtos, que no momento são as bicicletas que eles adaptaram, mas também incluem pisos de dança que eles importaram e também podem virar outros mecanismos – que podem ser aproveitados não apenas em eventos, mas também em academias, prédios comerciais e até residências.