É verdade que o Lulu, aplicativo controverso que dá notinhas para os rapazes, causou um rebuliço por aí. Mas é verdade também que ele inspirou uma sucessão de iniciativas – uma delas eu mesma contei por aqui.

Agora, outro aplicativo traz uma avaliação a partir de notas de amigos em diversas perspectivas da sua personalidade. A grande diferença do recém-lançado GraspMe é que essas respostas não têm exposição pública, ou seja, apenas o avaliado pode visualizá-las. Tem um quê de selfie? Até tem, mas digamos que seja um selfie do bem. Aliás, para quem não sabe, selfie foi eleita a palavra do ano pelo dicionário Oxford.

“A proposta do GraspMe é ser algo totalmente positivo, permitindo um feedback de como seus amigos realmente te enxergam. Isso pode ajudar as pessoas a saberem em que áreas precisam melhorar e em quais já são muito fortes. Não queremos ser um site de fofoca. Pelo contrário, queremos ajudar as pessoas a melhorarem sua vida pessoal”, explica Thiago Alvarez, 33 anos, criador da plataforma que já tem alguma experiência com empreendedorismo digital.

Detalhe, o próprio avaliado pode selecionar e solicitar avaliação aos amigos. São seis perguntas pessoais – nota geral, proximidade, aparência, empatia, inteligência – e mais uma avaliação baseada em uma pergunta aberta (elaborada também pelo avaliado).

Embora seja brasileiro, o GraspMe quer ter abrangência global e está disponível somente em inglês. A versão em português deve ser liberada no início de 2014.