O sms2blog para quem não conhece é provavelmente o primeiro aplicativo brasileiro que permitiu postagens de mensagens via SMS diretamente no Twitter. Segundo o Luis Leão, hoje a quantidade de mensagens trafegadas pelo sistema é de aproximadamente 1000 por dia. Mas o serviço enfrenta um grande desafio que é sobreviver a um crescimento sem receita.

O sms2blog hoje recebe mensagens dos seus usuários através de um sistema desenvolvido pelo próprio Luis Leão. O volume de mensagens é razoável de forma que seria de interesse das operadoras de celular apoiar de alguma forma o sms2blog aproveitando também que o Twitter está crescendo fortemente no Brasil depois que virou “queridinha” da grande mídia.

Mas conversas com operadoras não evoluem. Elas redirecionam o interesse para as integradoras, empresas que fazem o intermédio entre quem quer usar aplicações com SMS e as operadoras. Mas as integradoras só aceitam parceiros grandes ou algum outro critério obscuro.

O sms2blog tem potencial grande de tornar-se um dos principais meios de se enviar mensagens para o Twitter pois a grande maioria dos brasileiros não dispõe de internet no celular. Seria a forma da massa poder atualizar o Twitter de qualquer lugar.

Se gerenciado da forma correta um acordo entre o sms2blog e as operadoras seria vantajoso para ambas as partes e para os novos usuários do microblog. Só para refrescar a memória, certa vez defendi que um modelo de negócios atrelado ao Twitter deveria passar pelas operadoras de celular.

Não seria a hora das integradoras e operadoras apostarem na cauda longa do SMS e diminuir as barreiras de entrada para pequenas aplicações?