A Diferen/TI e a AMM Tecnologia anuncia a união das duas marcas para a criação de uma nova empresa, agora, a ser chamada de AMM/DiferenTI e atuará em todo o País, além de abrir um escritório nos Estados Unidos, que atenderá a América Latina. As empresas são responsáveis por coordenar as áreas de tecnologia de seus clientes e proporcionar todo o apoio necessário.

Atualmente, as empresas atendem os setores público e privado, onde dispõem de casos de sucesso em clientes privados como: Unimed Belém, BrasilPrev, J. Macedo, Hospital São Lucas e Fundação Assis Gurgacz, entre outras. Já no setor público, possuem contratos com tribunais de justiça, tribunais de contas e eleitorais, além de diversos órgãos estaduais e municipais.

Segundo Bruno Almeida, CEO da Diferen/TI, a sinergia entre as empresas foi o principal fator para que a fusão acontecesse. “A Diferen/TI era uma empresa robusta que oferecia implantação de soluções em grandes clientes privados. Atuávamos em alguns estados do Norte e Nordeste. No entanto, a AMM Tecnologia possui uma gama de ferramentas que complementa o nosso portfólio, além de ter clientes na área governamental e atendimento estratégico em praticamente todos os estados do Brasil”, explica o executivo.

A união entre as empresas já é responsável por R$ 400 milhões de faturamento. Juntas elas passarão a oferecer soluções de virtualização e colaboração, além de Governança, Risco e Compliance; Cloud Managed Service, Cybersegurança, Performance de Aplicação, Transformação de Infraestrutura e Serviços de Gerenciamento e Monitoramento, entre outros.

Na avaliação de Maurício Affonso, CEO da AMM Tecnologia, a fusão, além da complementaridade de portfólio, possibilitará os planos de expansão da novacompanhia que nasce. “Queremos continuar com o crescimento acelerado, aumentando o nosso escopo de soluções e alcançando toda a América Latina por meio de nosso expertise e do desenvolvimento de projetos de inovação tecnológica, nos diferenciando como um integrador de sistemas que converte desafios em soluções”, finaliza.