A Sanar, startup focada em educação e saúde, concluiu a aquisição do Cetrus, centro de treinamento de habilidades médicas especializadas. O valor da transação foi de R$ 166 milhões e contou com investimento dos fundos Valor, Vox, DNA, Península e Green Rock

Ao integrar o Cetrus ao seu portfólio, a Sanar passa a oferecer uma jornada digital completa desde a graduação até o ensino prático da subespecialidade. “A jornada que estamos construindo dará para o médico uma plataforma com um único login para toda a vida profissional. Queremos ajudá-lo a elevar seu potencial desde o dia em que ele ingressa na faculdade. Agora, com o Cetrus, vamos ofertar o ensino de habilidades super especializadas que ainda possuem lacunas no ensino brasileiros e que ajudam a destravar valor para o sistema de saúde”, explica Ubiraci Mercês, CEO e fundador da Sanar. 

O Cetrus já formou mais de 50 mil médicos em cursos especializados como medicina fetal, ultrassonografia geral, ginecologia e obstetrícia. A empresa de educação também é considerada a maior escola privada de ultrassonografia do mundo. Além disso, oferece mais de 120 mil atendimentos gratuitos por ano para pacientes de comunidades em São Paulo e Recife. Com a aquisição, a Sanar vai ampliar a oferta de ensino ultra especializado em áreas da medicina e irá conectar todos os serviços do Cetrus à plataforma.


* Foto de destaque: Caio Nunes, cofundador da Sanar.