A Agrofy, marketplace de produtos agrícolas fundado na Argentina, recebeu um aporte de US30 milhões. Trata-se da primeira rodada Série C de uma startup do agronegócio na América Latina, posicionando a empresa na liderança da corrida pelo título de primeiro unicórnio do setor na região. A Yara Growth Ventures foi o investidor líder.

O aporte se soma a outros US$ 36 milhões captados desde a fundação da Agrofy e será direcionado para o crescimento e consolidação de suas diferentes unidades de negócio: a plataforma de e-commerce de produtos para o agro, a carteira eletrônica Agrofy Pay e o próximo lançamento será a Agrofy Créditos.

“No contexto da pandemia, o agro aumentou o ritmo de seu processo de digitalização. Temos trabalhado nessa direção desde muito antes e capitalizamos esse fenômeno. Fechar esta nova rodada de investimento nos permite consolidar o produto transacional e a oferta de payments, o que nos dá a possibilidade para proporcionar uma melhor experiência de compra on-line ao cliente. Em um momento em que os investimentos não são abundantes, estamos muito satisfeitos em seguir avançando e, ao mesmo tempo, consolidar-nos cada vez mais no Brasil”, aponta Maximiliano Landrein, CEO e fundador da Agrofy.

“Isso nos dá a oportunidade de melhorar os produtos e começar a desenvolver novos em 2022, momento que focaremos no desenvolvimento de negócios para consolidar nossa proposta de valor como agfintech, por meio do crescimento dos serviços da Agrofy Pay e da incorporação da Agrofy Créditos, um serviço para qualificar os produtores e conceder créditos através da plataforma”, acrescenta Landrein.

“Uma das coisas que mais gostamos na Agrofy é o potencial que tem para a expansão futura”, afirma Erkki Aaltonen, diretor-presidente da Yara Growth Ventures. “Maximiliano e Alejandro têm trabalhado consistentemente em prol de uma estratégia para a empresa expandir geograficamente na América Latina e crescer com novas ofertas para atender seus clientes. A Yara Growth Ventures espera acelerar seu crescimento e fazer parte da jornada”.

“A Agrofy já liderava a transformação digital do agronegócio. Com o surgimento da pandemia, todo esse processo foi catalisado e a empresa se consolidou como líder absoluta no processo de digitalização da cadeia. Esta nova rodada de investimentos, que ultrapassou os R$ 30 milhões, contribuiu com os atuais sócios e liderada por um novo investidor como a Yara Growth Ventures, consolida a Agrofy como um dos maiores marketplaces do agro mundial”, explica Francisco Jardim, sócio geral da SP Ventures.

* Foto destaque: Maximiliano Landrein, CEO e fundador da Agrofy.


Quer acompanhar de perto todos os investimentos no ecossistema de startups? Siga as redes sociais Startupi e acesse nosso ranking de investimentos do mês.