Fintech que oferece negociação e gestão de criptoativos recebe aporte de R$ 34 milhões

A Parfin, fintech que oferece soluções seguras de custódia, negociação e gestão de criptoativos, realizou uma nova rodada de investimento e levantou R$ 34 milhões. O montante será utilizado na expansão do time, principalmente em contratações para a área de tecnologia.

Liderado pelo fundo global de venture capital Valor Capital Group, e com participação do fundo brasileiro Alexia Ventures, o aporte é uma extensão do round realizado em março de 2021, quando a empresa recebeu R$ 8 milhões para alavancar sua operação.

Parfin

Alex Buelau, CTO; Marcos Viriato, CEO; e Cristian Bohn, CPO da Parfin

Em novembro, a Parfin anunciou uma parceria com a dinamarquesa Sepior, passando a ser oferecer custódia de ativos digitais com tecnologia MPC, considerada a mais moderna, segura e flexível do mercado. Com esta tecnologia, a Parfin pode atuar como custodiante de ativos digitais, bem como instalar a solução tecnológica completa no cliente para que este ofereça serviços de custódia aos clientes finais – tendência que cresce no mercado internacional, especialmente junto a instituições financeiras.

Além da custódia, o Parfin Terminal, solução focada em gestores de fundos e mesas de negociação, oferece um sistema de consolidação e gerenciamento de portfólio digital, e câmbio automático através de parceiros bancários. Por último, a solução “Crypto Plug & Play” permite que instituições financeiras, bancos digitais, plataformas de investimento, processadoras de pagamento e serviços digitais como marketplaces e carteiras digitais, ofereçam compra e venda de criptomoedas aos seus clientes de forma simples, rápida e segura.

“Continuamos observando uma grande demanda por nossos produtos e serviços tanto no mercado brasileiro quanto no exterior, principalmente nos EUA e na Europa”, comenta Marcos Viriato, CEO da Parfin. “No Brasil, já temos as maiores mesas de OTC utilizando nossa solução Crypto Plug & Play e diversas plataformas de investimentos e bancos digitais em fase de implantação com lançamento no primeiro trimestre de 2022”, diz.

“Estamos contentes com a confiança depositada pelo Valor Capital e pela Alexia Ventures no nosso negócio, ao darem continuidade ao aporte realizado no início deste ano. Os valores captados são essenciais para a expansão da empresa, bem como para desenvolvimento de novos produtos e soluções para o mercado de ativos digitais, o que inclui soluções para expansão dos serviços ligados a finanças descentralizadas (DeFi), o suporte a novos protocolos blockchain com staking, e nos próximos meses soluções para facilitar a troca instantânea entre ativos digitais, em especial moedas digitais de bancos centrais (CBDCs) e também stablecoins”, completa Viriato.

* Foto de destaque: Alex Buelau, CTO; Marcos Viriato, CEO; e Cristian Bohn, CPO da Parfin.


Quer acompanhar de perto todos os investimentos no ecossistema de startups? Siga as redes sociais Startupi e acesse nosso ranking de investimentos do mês.

Mais tradicional portal de mídia brasileiro sobre o mercado de Startups, Inovação, Investimentos, Empreendedorismo e Tecnologia. Desde 2008 vem colaborando para a construção do ecossistema brasileiro de Startups, informando e educando todo o mercado. Quer falar com a gente? Clique aqui e envie uma mensagem para redação, parceria ou comercial. Mantenha-se atualizado sobre as novidades do Startupi pelas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram e Linkedin.

Matérias Relacionadas

No comments yet. You should be kind and add one!

Our apologies, you must be logged in to post a comment.