A Enjoei anunciou a aquisição da Gringa, plataforma on-line que atua na intermediação da venda de artigos de luxo de segunda mão supervisionada por uma equipe especializada, fundada em 2020 por Fiorella Mattheis. O valor do acordo de compra é de R$ 14,2milhões, além de uma parcela em ações. 

No fato relevante divulgado, a empresa detalha que a estrutura da Operação consiste na aquisição de 95% do total do capital social da Gringa, e que está sujeito a ajustes usuais, a ser pago em duas parcelas anuais, sendo ainda prevista uma parcela adicional, contingente e variável, a ser apurada após o encerramento do exercício social de 2024.

Tiê Lima e Ana Lu McLaren, cofundadores do Enjoei – Foto: Germano Lüders.

A operação também prevê a incorporação, pela companhia, das ações da Gringa remanescentes detidas pelos vendedores, que corresponderão a 5% do capital social da empresa, de modo que, como resultado, a companhia passará a deter 100% do capital social da Gringa.

Em nota, a Enjoei destaca que em curto espaço de tempo, a marca além de engajar clientes, criou uma ampla rede de influenciadores, promoveu dezenas de live-shops e abriu pop-up store física.

A Enjoei acredita ter o potencial para acelerar o crescimento da Gringa por meio do desenvolvimento de produto e tecnologia, incremento da base de usuários e inteligência de dados – proporcionando sinergias operacionais para consolidar a empresa como canal referência na intermediação de itens de luxo no Brasil. 

Com a aquisição da Gringa, a Companhia reforça sua estratégia de crescimento ao ampliar  o seu sortimento e se posiciona no crescente e rentável mercado de luxo, continuando a  incentivar a extensão da vida útil dos produtos e a promoção da economia circular.

A operação permite, ainda, a exploração do mercado a partir de uma nova marca, com os atributos necessários para esse público, ampliando o espectro de ticket médio das transações do  Enjoei. 

A fundadora da Gringa, Fiorella, seguirá à frente da Gringa, como executiva e embaixadora, comprometida em atingir os objetivos do negócio, além de gerar valor para todo o ecossistema Enjoei.


* Foto de destaque: Fiorella Mattheis, fundadora e CEO da Gringa. (Divulgação/Instagram).