A Linx anunciou a aquisição de 40% de participação na Neostore Desenvolvimento de Programas de Computadores (Neomode), por meio de sua subsidiária Linx Sistemas e Consultoria. A empresa pagará o total de R$ 7 milhões após a análise e aprovação da operação pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

Fundada em 2016, a Neomode oferece o desenvolvimento e fornecimento de soluções que integram canais online e lojas físicas no conceito omnichannel com a utilização de seu aplicativo e integrador. O modelo de negócio da plataforma é baseado em receita recorrente (SaaS), composta por mensalidade e volume transacionado. Atualmente a empresa possui mais de 3.330 lojas físicas no sistema “clique e retire, delivery e drive thru”.

“Este é mais um passo da Linx para fortalecer as soluções de ‘omnichannel’ focadas em pequenos e médios varejistas de diferentes verticais, uma grande oportunidade de crescimento para a companhia”, diz a Linx, em comunicado enviado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

Até que o aval ocorra, Linx e Neomode continuarão operando de forma independente. O faturamento da Neomode estimado para 2021 é de R$ 7,5 milhões.