Ir para o conteudo

Marketing pessoal: aplique no empreendedorismo digital

* Por Diego Carmona

O marketing pessoal é muito lembrado na hora de construir a sua imagem dentro de uma empresa, seja no momento de procurar um emprego ou mesmo crescer no local onde está trabalhando atualmente. Mas como produtor digital ou como afiliado, o marketing pessoal também é essencial.

Algumas técnicas utilizadas para a construção de uma imagem pessoal como, por exemplo, gerar valor para as pessoas ao seu redor, auxiliando-as por meio de assuntos que você domina, também podem ser aplicadas para que pessoas de fora do seu ambiente rotineiro confiem e comprem o que você propõe.

Para começar é importante entender que o marketing pessoal é um recurso usado para gerar valor. O que transparece para as pessoas ao seu redor é o que vai determinar o tipo de imagem que você será lembrado.

Se você se esforça para ajudar e busca por resultados, provavelmente será a primeira pessoa a ser lembrada quando alguém precisar de ajuda, mas se agir com arrogância e quiser mostrar além de seus reais conhecimentos, sem estar disposto a aprender novos recursos, as chances de ser reconhecido como um “puxa-saco” serão grandes, então, tome cuidado com as suas ações.

O Marketing Pessoal no Empreendedorismo

Você já deve ter reparado, mas empresas reconhecidas mundialmente como, por exemplo, o Facebook e a Apple, possuem um rosto que as representam, que as pessoas facilmente conectam a marca à personalidade em questão.

 Neste caso, estou falando de Mark Zuckerberg e Steve Jobs, respectivamente. Essa estratégia ajuda no relacionamento com os clientes, pois eles sentem que estão falando com uma pessoa real e não com algo que não transmite emoções, como um robô, e se você trabalha como infoprodutor ou afiliado, recomendo que também comece a dar mais atenção à sua marca pessoal, pois ela poderá ajudar a trazer resultados.

Uma das maneiras de alavancar a sua imagem pessoal é por meio de conteúdo. Ao produzir artigos, vídeos, podcast e outras maneiras de passar conhecimento, você demonstra que é uma autoridade no seu nicho e o público que pretende atingir ficará mais propenso a comprar o que está oferecendo.

Quando for repassar a sua expertise para outras pessoas, restrinja-se apenas ao que sabe. Se tentar mostrar mais do que realmente entende, corre o risco de queimar a sua imagem diante de atuais e potenciais clientes, prejudicando tanto a sua imagem quanto a do seu negócio.

Marketing Pessoal e as redes sociais

As redes sociais são uma espécie de vitrine para a vida das pessoas, seja pessoal ou profissional, sendo uma ótima tática para divulgar o seu marketing pessoal. Portanto, crie uma fanpage e um blog separados do seu negócio, para que as pessoas saibam que possui uma empresa em atividade no mercado. 

Ter canais próprios te dá a liberdade de abordar outros assuntos, mas tenha cuidado com o que for expressar nesses meios, pois, assim como as redes sociais são ótimos recursos, elas também são meios de reclamações dos usuários e, como no mundo virtual nada fica escondido por muito tempo, a sua imagem pode ficar manchada facilmente.


Diego Carmona é fundador e CVO da leadlovers, plataforma de automação de marketing digital e vendas, é um cientista da computação, empresário da tecnologia há 20 anos, entusiasta do mundo startup e inovação no marketing.

Espaço Exclusivo para Empreendedores transmitirem conhecimento, desafios e experiências sobre aceleração, captação de investimentos, planejamento de marketing, escalabilidade, feiras e missões comerciais, internacionalização; know how sobre modelagem de negócios, mentoria, MVP, pivotagem, relação com investidores, com sócios, com clientes…e muito mais!

Matérias Relacionadas

No comments yet. You should be kind and add one!

Our apologies, you must be logged in to post a comment.