O BiotechTown, hub de inovação em Biotecnologia e Ciências da Vida, abriu inscrições para a 3ª edição do Programa de Desenvolvimento de Negócios. Nele, startups de todo país podem se inscrever para participar do programa de aceleração, que tem como objetivo profissionalizar bionegócios e expandir o mercado, fazendo com que soluções em saúde cheguem à sociedade.

Cada startup aprovada receberá uma série de incentivos, como o aporte financeiro de R$150 mil para o desenvolvimento do negócio, investimento indireto de outros R$150 mil em consultorias e mentorias, além de R$100 mil convertidos em horas de uso da infraestrutura laboratorial e de produção, através do Open Lab e do CMO do BiotechTown. Benefícios que são acompanhados pelo uso livre do Coworking e de um amplo apoio na criação de conexões e networkings.

Programa

Com metodologia própria e validada, o Programa de Desenvolvimento de Negócios dura 12 meses e tem equipe composta por especialistas em biotecnologia, empreendedorismo e inovação que trabalham de maneira hands on com as empresas, apoiando nas principais decisões estratégicas e possibilitando conexões com investidores, parceiros e clientes para criar oportunidades reais de negócio.

Para participar:

As startups devem possuir, preferencialmente, um produto ou tecnologia com prova de conceito laboratorial, comprovação científica ou MVP (mínimo produto viável), podendo ou não estar sendo comercializado. Essas soluções devem ser aplicadas à biotecnologia (genômica, produtos farmacêuticos, biomarcadores, insumos para diagnóstico, tecnologia celular), dispositivos (equipamentos médicos, tecnologias assistivas, testes e equipamentos para diagnósticos, sensores) ou digital health (telemedicina, tecnologias com uso de Analytics, Big Data, Cloud, Rastreabilidade, Interoperabilidade de sistemas).

As inscrições vão até o dia 30 de agosto e devem ser feitas na página do Programa.