A empresa de mobilidade Cabify lançou nesta semana a nova categoria “Entrega”, que possibilita aos condutores de sua base realizar entregas de objetos e encomendas entre usuários e/ou pequenos comerciantes. A partir desta nova função, os passageiros da Cabify poderão contar com motoristas parceiros e taxistas para enviar algo a outra pessoa, sem a necessidade de sair de casa.

Além disso, a plataforma tem trabalhado para estabelecer parcerias com aplicativos de delivery, supermercados, farmácias, restaurantes e outros lojistas para ajudar a escoar a alta demanda diante da quarentena em proteção ao coronavírus.

O primeiro parceiro da empresa de mobilidade é a fintech EBANX, que lançou recentemente, em parceria com a Visa, o EBANX Beep, uma plataforma que permite a venda de vouchers de produtos e serviços de pequenos comerciantes e profissionais autônomos. O objetivo principal é ajudar os negócios que estão com seu fluxo de caixa afetado neste período de distanciamento social.

Agora, consumidores que comprarem produtos físicos no site do EBANX Beep poderão combinar com o vendedor o dia da entrega, que será realizada pela Cabify. O serviço vai estar disponível nas próximas semanas, em formato piloto para os vendedores que aderirem à parceria, em oito cidades brasileiras: São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Porto Alegre, Curitiba, Brasília, Campinas e Santos. A empresa afirma que segue em negociação com outras empresas para expandir seu negócio e atender cada vez mais pessoas e sua base de condutores. Além disso, a base de motoristas parceiros e taxistas, por enquanto, será selecionada para validar o modelo neste início de operação.

“Com a Cabify como parceiro logístico, nós ampliamos ainda mais o alcance desses pequenos empreendedores – na internet, com a plataforma do EBANX Beep, e no mundo físico, com os entregadores da Cabify. Mesmo quem não tem estrutura de delivery conseguirá vender e entregar seus produtos, mantendo o fluxo de caixa durante este momento delicado”, afirma André Boaventura, CMO e sócio do EBANX.

“Estamos muito contentes em poder ajudar os pequenos comerciantes e os condutores da Cabify. A parceria com o EBANX faz todo sentido para o momento que estamos vivendo. Temos que agregar cada vez mais as empresas para que elas forneçam a maior comodidade e segurança para todos”, comenta Luis Saicali, diretor geral da Cabify Brasil.

Ao unir forças diante de um momento atípico e difícil, a Cabify visa garantir que a população tenha mais segurança e tranquilidade durante o período de resguardo, bem como oferecer oportunidade aos motoristas parceiros e taxistas a manterem seus ganhos com segurança. Além disso, as duas empresas almejam que os pequenos comerciantes cadastrados no sistema de vendas EBANX Beep possam contar com os serviços dos motoristas para enviar seus produtos com tranquilidade e terem um fluxo de caixa durante a quarentena. É importante ressaltar que mesmo os comerciantes que não estão cadastrados no sistema de vendas, poderão utilizar a categoria “Entrega” para enviar as encomendas aos seus clientes diretamente no app da Cabify.

A princípio, a nova categoria terá dois serviços. Um deles será a entrega de produtos/mercadorias entre usuários. Para isso, basta solicitar o serviço por meio da categoria “Entrega”, deixar o item no veículo, sem contato físico, e o condutor realizará a entrega para o destino final. A outra função é o delivery de refeições, produtos de farmácia, mercado, dentre outras coisas, na qual o consumidor realizará a compra em seu estabelecimento e/ou aplicativo de sua escolha, mas quem realizará a remessa será um motorista parceiro da Cabify.

Ou seja, quem solicitará um carro será o estabelecimento para que um condutor da Cabify possa buscar as mercadorias e dirigir-se até o comprador, sem ter contato com ninguém. Para esta segunda funcionalidade, a plataforma de mobilidade está em negociação com mais de 20 empresas no momento e segue aberta a quem queira se unir.

“A Cabify já estava estudando o mercado para lançar esta categoria nos próximos meses, porém, dada a situação, corremos contra o tempo para oferecer esta opção para todos que precisam, sejam eles os usuários e motoristas. Vale ressaltar que a Cabify segue aberta a todas as lojas de necessidades básicas e aplicativos de delivery que queiram se juntar a nós. Unidos, passaremos por esta fase de forma mais tranquila e segura”, afirma Saicali.

A Cabify ressalta que segue orientando os seus condutores e usuários, de forma proativa e constante, sobre as medidas da OMS e Ministério da Saúde de higiene e de proteção contra o coronavírus e que possui um comitê de trabalho específico para monitorar o desdobramento do coronavírus em todos os países que atua. Para mais informações, acesse o site.