O Verity Group, consultoria especializada em transformação digital, e a Aion Network, organização canadense dedicada à criação de tecnologias em blockchain, anunciaram uma joint venture para o desenvolvimento de aplicações no mercado brasileiro e na América do Sul.

A Aion faz a integração de diferentes protocolos de blockchain utilizando a linguagem Java no desenvolvimento de aplicações, a partir de sua plataforma proprietária, possibilitando que qualquer profissional com conhecimento da linguagem desenvolva soluções em blockchain. A empresa já possui operações próprias no Canadá, Inglaterra, Barbados, China e em conjunto com parceiros na África.

Para Alexandro Barsi, CEO do Verity Group e responsável pela operação da Aion na América do Sul, o investimento em startups latino-americanas não poderia chegar em melhor momento para ambas as empresas. “Apesar da crise atual, o Brasil tem sua relevância no cenário de uso de tecnologia. Essa relevância é resultado do tamanho do pais e da velocidade com que algumas tecnologias são adotadas aqui. Acreditamos que o blockchain é uma tecnologia que vai possibilitar o desenvolvimento e a adoção de novas soluções financeiras, de saúde, mobilidade humana, transparência de métodos e processos de empresas e órgãos governamentais, etc, beneficiando os consumidores brasileiros”, afirma.

O objetivo do acordo entre as empresas é investir e incentivar o desenvolvimento de soluções no Brasil para as mais diversas finalidades, seja para transações em criptomoedas ou troca de arquivos com segurança.

Joint Venture e blockchain

De acordo com Alexandro, algumas aplicações desenvolvidas em blockchain na América Latina e incentivadas pela joint venture podem ter um impacto ainda mais positivo nesta região. “Por exemplo, uma solução que permita maior transparência e diminua a possibilidade de fraude nas compras públicas podem ser extremamente relevantes na nossa região e não ser tão significante em países como Canadá, Noruega, Dinamarca e Finlândia, entre outros”, explica.

Além do desenvolvimento de produtos e a prestação de serviços em blockchain, a joint venture também tem o intuito de incentivar a formação de novos profissionais e acelerar startups no setor. Outra vertente da parceria será o trabalho colaborativo com os demais escritórios da Aion Network em outros países para a criação de novas features e versões da plataforma.

Com o maior interesse em como as diferentes tecnologias transacionais deverão evoluir nos próximos anos, juntamente com a sua expansão no mercado brasileiro e sul-americano, o acordo entre o Verity Group e a Aion Network terá como foco inicial o mercado financeiro, seguradoras e empresas de varejo.

“O grupo Verity tem experiência comprovada em projetos nesses segmentos, conhecendo vários dos desafios desses setores. Entretanto, as áreas de saúde, governo, ensino e manufatura também são mercados promissores e que estaremos atuando, trazendo a experiência de projetos internacionais”, explica Alexandro.

“A joint venture com a Verity é uma oportunidade para explorarmos o desenvolvimento de empresas e startups na América do Sul. Minha expectativa é construir um negócio sustentável de médio porte, ajudando os clientes a entenderem melhor a aplicabilidade da criação de aplicativos abertos em uma blockchain. Por meio desses cases, vamos promover esses conceitos de maneira mais ampla”, assinala Matthew Spoke, fundador e CEO da Aion Network.