A companhia aérea Azul anunciou nesta quinta-feira que sua unidade de transporte de cargas Azul Cargo Express assinou acordo comercial com a empresa de comércio eletrônico Mercado Livre.

“Como resultado, a Azul Cargo Express será a empresa responsável pelas entregas aéreas das compras feitas pelo site do Mercado Livre”, afirmou a companhia aérea em comunicado.

“Por meio dessa parceria, temos expectativa de atingir números altíssimos de entregas em tempo cada vez menor”, afirmou Leandro Bassoi, vice-presidente de Mercado Envios para a América Latina, no documento.

Atualmente, o Mercado Livre representa 10% da receita da unidade de cargas da Azul.

O anúncio acontece meses após a Azul ter desistido de uma parceria planejada com os Correios, alegando preferir ter mais flexibilidade da unidade de transporte de cargas.

No começo do mês, em entrevista à Reuters, o vice-presidente executivo do Mercado Livre para a América Latina, Stelleo Tolda, disse que a empresa está investindo boa parte dos 3 bilhões de reais previstos para o Brasil em 2019 em logística como parte do plano de fazer ao menos metade de suas entregas em até 48 horas.

Fonte: Agência Reuters