*Por Anderson Morais

Não é mais novidade que a tecnologia vem trazendo inovações em diversos setores, movimentando economias, e na educação não poderia ser diferente. Novas tecnologias presentes em softwares e ferramentas permitem acesso diferenciado à informações e criam cada vez mais interatividade dentro e fora da sala de aula. As escolas precisam acompanhar essa revolução digital, com o desafio de adequar seus métodos de ensino e rotinas à essa nova realidade.

Pensando nesse novo cenário educacional, comento algumas ferramentas que acredito ajudar nos processos escolares, melhorando não só a dinâmica em sala de aula, mas também o engajamento de alunos e responsáveis na jornada educacional.

Aplicativos interativos 

Outro ponto que me chama bastante atenção no processo de aprendizagem do aluno são os jogos. A grande maioria dos estudantes gostam de jogos, então porque não trazê-los para a escola? É aí que a gamificação entra como aliada na educação. Usar essas opções no processo de aprendizagem ajudam no desenvolvimento da criatividade, interesse e autonomia, permitindo que o aluno consiga solucionar o problema em parceria com outros colegas de classe.

Conteúdos segmentados

Hoje em dia existem infinitos caminhos no ambiente online para aprofundarmos um assunto, desde estudos específicos, como nas áreas de exatas e línguas estrangeiras, até temas de interesses gerais. Com a supervisão dos professores é possível explorar diversas plataformas para encontrar conteúdos que sejam relevantes para uma matéria ou assunto determinado. Conteúdos em texto, vídeo, áudio, animação, realidade aumentada, e outros podem enriquecer ainda mais a aprendizagem.

Lousa Digital

Com a integração tecnologia, a lousa passou a ser usada além da escrita básica. Durante a aula é possível mostrar o conteúdo e complementar com sites de pesquisas, vídeos, fotos e até músicas. E o melhor: por meio de ativações tecnológicas, o professor consegue salvar e compartilhar toda a aula com seus alunos.

Ferramentas de comunicação gestão escolar

Com a correria diária dos pais, é cada vez mais comum as escolas usarem aplicativos para facilitar a comunicação entre responsáveis, escola e alunos. Com apenas alguns cliques, é possível saber da rotina do aluno, desde alimentação, atividades, provas, próximos eventos e muito mais. Além disso, essas plataformas – como é o caso da Agenda Edu –  também facilitam o processo de pagamento de taxas e serviços, possibilitando aos pais realizar essas transações via cartão de crédito, de qualquer hora ou lugar.

Claro que esses são apenas alguns exemplos de como as ferramentas tecnológicas podem ser aliadas na sala de aula. Por isso, destaco que esses locais devem sempre ser lembrados como espaços de conhecimento, interação e troca de aprendizado. Cada escola é única e deve achar o seu melhor caminho para enriquecer, a cada dia, a sua jornada educacional.

*Anderson Morais, co-fundador e atual CEO do Agenda Edu, startup líder no segmento de gestão de comunicação e engajamento em ambientes educacionais, presente em mais de 1500 escolas no Brasil e utilizada por mais de um milhão de usuários