De acordo com informações publicadas pelo Valor Econômico na última sexta-feira, a Gympass, startup de assinatura para acesso a academias e estúdios, recebeu um aporte liderado pelo japonês Softbank, em um acordo que poderá injetar na startup US$500 milhões.

Com este investimento, o valuation da Gympass chega a US$1,1 bilhão, afirmaram fontes à publicação. Procurados pelo STARTUPI, ambas as empresas não retornaram contatos sobre o assunto.

Criada em 2012, a startup mineira hoje atua em 15 países e tem, em sua rede, mais de 25 mil academias credenciadas pelo mundo. Pela plataforma da startup, o usuário escolhe o pacote desejado e tem acesso a academias para musculação, ioga, natação e uma série de outras modalidades.

Em 2018, o Brasil viu surgirem seus primeiros unicórnios. Entre eles, estão Nubank, 99, Movile, iFood, PagSeguro e Stone.