* Por Fernanda Santos e Viviane Andrade

Mais de 100 empreendedores de diversos lugares do Brasil como: Alagoas, Mato Grosso, Ceará, Paraíba, Minas Gerais e Rio de Janeiro vieram até a capital paulista participar do Startupi Innovation Tour + Plus Day, uma imersão que tem como objetivo levar os participantes para conhecer os bastidores das maiores startups e empresas de tecnologia do Brasil. O evento é realizado pelo Startupi em parceria com a Associação Brasileira de Startups. Confira abaixo algumas das visitas.

In Loco

Sim, nós fomos conhecer a nova sede da In Loco, startup que desenvolveu uma tecnologia inédita no mundo para localização em ambientes fechados. O produto foi premiado pela Microsoft em 2014 como “localização mais precisa do mercado”.

A ideia de desenvolver um software que associa as experiências on-line e off-line dos usuários surgiu na Universidade Federal de Pernambuco, durante um projeto dos alunos de TI. Hoje, a empresa tem sede nacional em Pernambuco e São Paulo e internacional em São Francisco, nos Estados Unidos. Eduardo Rocha, Gerente de crescimento da startup, é quem nos apresentou os bastidores da In Loco e contou sobre o alcance da ferramenta. “Nós temos acesso a mais de 60 milhões de dispositivos através de 25 mil aplicativos parceiros.”

Para Eduardo, o diferencial da startup está na privacidade dos usuários. A métrica de reações e comportamento dos consumidores é realizada sem que tenham acesso aos dados pessoais dos usuários. Ideia reconhecida não só pela Microsoft como também pela Intel.

Outro fator determinante para o crescimento da empresa é a inteligência. “Nós não levamos só dados, levamos inteligência às empresas para que possam se preparar e vender melhor. É isso o que tem nos feito crescer muito. Nós somos uma empresa de inteligência que impacta o usuário, não o contrário. Primeiro conhecemos o usuário, o fluxo de pessoas, e depois entregamos o anúncio para os clientes.”, explica Eduardo.

Eduardo fala sobre a importância do Startupi Innovation Tour + Plus Day.

Udacity

Outra empresa que recebeu o nosso grupo foi a Udacity, uma das companhias mais disruptivas do Vale do Silício, que oferece um modelo diferente de formação profissional. Com cursos desenvolvidos em parceria com grandes companhias, como Google, Facebook, Amazon, IBM, BMW, Nvidia, Bosch, Lyft e HubSpot, a instituição oferece capacitação para o competitivo mercado de tecnologia.

Einstein Innovation Lab – Eretz.bio

Eretz.Bio, incubadora de startups de saúde da Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Albert Einstein, abriu suas portas para o grupo do Startupi Innovation Tour + Plus Day. Com o objetivo de fomentar o ecossistema de inovação em saúde e levar a qualidade e a excelência do Einstein para o setor, a iniciativa vem dando oportunidade para o desenvolvimento e troca entre novos empreendedores. Agora, a incubadora prevê uma importante ampliação para 2019.

Atualmente, a Eretz.bio está localizada na Vila Mariana, Zona Sul de São Paulo, e abriga 22 startups de forma presencial e virtual. Os empreendedores incubados contam com um espaço de coworking, laboratórios e equipamentos do Instituto Israelita de Ensino e Pesquisa (IIEP) e acesso as diversas unidades geridas pelo Einstein.

No último ano, foram realizados mais de 100 eventos, workshops e palestras propondo os mais diversos tópicos de conversa promovidos pela Eretz.bio. Entre eles, duas edições do “Encontro Internacional de Empreendedorismo e Inovação em Saúde”, considerado o maior evento de empreendedorismo e inovação em Saúde no Brasil.

Um dos grandes passos da Eretz.Bio foi a adesão à Plug and Play Cleveland Innovation Platform, programa de aceleração global que conecta startups, parceiros corporativos e investidores de todo o mundo. O Einstein se tornou a primeira organização de saúde brasileira a incorporar o ecossistema Cleveland, com o objetivo de colaborar com a Cleveland Clinic, a JumpStart Inc. e a Plug and Play Cleveland para avaliação de tecnologias de ponta em saúde.

Microsoft

Franklin Luzes, COO da Microsoft Participações e Waldemir Cambiucci, diretor do Microsoft Technology Center, receberam nosso grupo no Microsoft Technology Center (MTC), um ambiente colaborativo que fornece acesso às tecnologias mais recentes e um time especializado para permitir aos representantes de setores públicos e privados idealizar, desenvolver e implementar soluções Microsoft e de seus parceiros.

Franklin explicou ao grupo sobre o Projeto de Fomento ao Ecossistema de Startups no Brasil e sobre o Fundo de Capital Semente BR Startups. O Fundo, idealizado pela Microsoft e gerenciado pelo time da MSW Capital, foi criado aqui no Brasil e exigiu quatro anos intensos de trabalho para fomentar a economia, o crescimento, o impacto e a relevância no País.

Hoje em dia, eles conseguem reunir, como investidores do Fundo, importantes companhias como Microsoft Participações, Banco Votorantim, Monsanto (atualmente Bayer), Grupo Algar, Banco do Brasil Seguros, ES Ventures e AgeRio. O Fundo investe entre R$500 mil e R$3 milhões para ajudar as startups a realizarem a conexão entre a fase de aceleração/investimento anjo e uma rodada de investimento Série-A. Além disso, também incentiva as empresas brasileiras a apoiarem novos empreendedores. Desde sua criação, em 2014, o Fundo já captou R$32 milhões e 15 startups receberam investimentos.

Um exemplo de startup que recebeu investimento do fundo foi a Tbit, uma startup de análise de imagem que atua no agronegócio brasileiro. Ao investir no fundo, a companhia pretende ajudar a acelerar a inovação na agricultura nacional e dentro da própria empresa, interagindo com empreendedores brasileiros inovadores. Franklin também explicou que existem novas áreas de interesse do Fundo, são elas: Varejo, Saúde, Cidades Inteligentes, Educação e Manufatura, Indústria 4.0.

“O que a Microsoft leva em consideração na hora de buscar uma startup é: a solução resolve um problema real? a solução foca no cliente e na sua necessidade? A solução entrega valor para o cliente? A solução deixa o cliente satisfeito e encantado?”, finaliza.

Waldemir Cambiucci, levou o grupo para um tour pelo espaço do Microsoft Technology Center. Ele também nos mostrou diversos exemplos de aplicações de tecnologias como IOT na prática. Um exemplo é o Seeing AI, um app gratuito que narra o mundo ao seu redor com o uso da sua câmera. Através do app ele pode ler textos, documentos e produtos para você. Ele foi desenvolvido com o objetivo de auxiliar pessoas com a visão danificada ou até mesmo cegas.

Quer saber mais detalhes sobre as outras visitas do Startupi Innovation Tour + Plus Day CASE 2018? Confira:

Rappi, Oracle Startup Global Ecossystem, Wirecard, Samsung Ocean e Cubo
Movile, Squid e Guia Bolso;
Linkedin, IBM e VTEx;
Neon, Mercado Livre e Bossa Nova Investimentos + DOMO Invest,
Amaro, Rank My App e Stone.

Não fique de fora das próximas edições. Para detalhes sobre os próximos tours, fique ligado no Startupi!