Lançar um negócio de sucesso é um caminho longo e complicado no mundo inteiro e ainda mais no Brasil. O Founder Institute é uma aceleradora criada para resolver este problema – líder global de aceleração de startups em estágio pré-semente, concluiu nesta terça-feira dia 04 mais um edição de seu programa de aceleração para empreendedores na cidade de São Paulo.

Durante quatro meses, os aspirantes empreendedores e fundadores de startups early stage participam de uma série de encontros, onde recebem mentoria e tarefas práticas de validação de vários aspectos relevantes do negócio. Além disso, os participantes são preparados para fazer pitch e buscar capital de risco. Ao final dos três meses e meio do programa, as empresas estão com um network global para apoiar o crescimento da startup. A rede do Founder Institute está presente mais de 65 países e seis continentes – conta com mais de onze mil mentores, a grande maioria deles CEOs ou fundadores de startups de sucesso.

“O programa é puxado e quem deseja realmente fundar uma startup precisa ter foco na execução, pois no final do dia ter uma boa ideia em si não é garantia de sucesso, os empreendedores formados no programa estão entre os melhores do mercado”, conta Marco de Biasi, diretor do Founder Institute na capital paulista. “O instituto foi fundado em 2009 no Vale do Silício, local onde o empreendedorismo de alto impacto é responsável por uma boa parte das inovações no século XXI, nossa meta é globalizar a cultura e o mindset do Vale do Silício para outros mercados promissores, como São Paulo”, explica. No Brasil, a aceleradora pré-semente de startups atua desde 2015.

O Founder Institute foi idealizado e criado por Adeo Ressi e Jonathan Greechan. Nestes quase 10 anos de existência o Founder Institute já ajudou a lançar mais de 3 mil startups, 72% das quais continuam em operação depois de dois anos após sua fundação – uma porcentagem um pouco maior que a média. Ao todo, o portfólio de empresas nascidas nos programas de mentoria supera um valor de US$ 20 bilhões.

Aqui no Brasil o Founder Institute já têm operado mais de 20 semestres (safras) de aceleração em 9 cidades onde passaram mais de 30 mil pessoas nos seus eventos, graduando cerca de 150 empreendedores com startups com fundamentos inicialmente validadas. “O Founder Institute é um programa ‘Nível Hard’ como tendem a descrever alguns dos nossos mentores e graduados” destaca Nima Kazerooni, diretor executivo do Founder Institute aqui no Brasil, “isso porque lançar um negócio de sucesso fica ainda mais desafiador. Então no Founder Institute simulamos um nível de dificuldade que chega a ser algo mais próximo a realidade do mercado e assim as startups dos founders graduados no programa tendem a encarar os desafios do mercado com relativamente maior facilidade – ou seja eles estão com uma noção melhor do que leva pra lançar um negócio de sucesso.”

Tudo isso o Founder Institute faz no Brasil graças ao envolvimento e apoio de um grupo grande das pessoas colaborando na sua rede como seus mais de 30 membros de diretorias (associates, facilitators, managers), mais de 500 mentores, mais de 150 fundadores graduados e parceiros chave que ajudam na jornada empreendedora brasileira.

Startups promissoras

Um dos cases mais de sucesso recente é a Play2Sell, solução de treinamento gamificado para corretores de imóveis de incorporadoras e imobiliárias. Os idealizadores Felipe Santos e Lilian Natal participaram da segunda turma de 2017 e já levantaram uma rodada de anjos com o apoio da Latin America Angel Society e JUPTER que gestiona os veículos de investimento do Founder Institute no Brasil. Outro destaque é Warpexchange uma solução de meios de pagamento para criptomoedas que já está integrada em plataformas de e-commerce, resolvendo o problema de liquidez de criptomoedas. “No Brasil temos mais de 2 milhões de portadores de criptomoedas que não conseguem gastar suas bitcoins, para ajudar estas pessoas criamos a warp pagamentos”, conta Lucas Schoch, sócio e cofundador da empresa ao lado de Mateus Texeira.

O programa do Founder Institute em São Paulo tem apoio da AdvisorBPO e Negromonte & Prado Advogados associados. A inscrição para o próximo semestre já podem ser realizadas, mediante o pagamento de uma taxa de US$ 699. A inscrição e o teste podem ser feitos de maneira gratuita (dentro do prazo de “Early admissions deadline”) pelo site fi.co.