* Por Eduardo Tardelli

Com os últimos acontecimentos no Brasil, a palavra “investigação” ganhou grande notoriedade. Uma pesquisa realizada pela PwC, uma das maiores prestadoras de serviços profissionais na área de auditoria, mostra que 49% das empresas entrevistadas foram vítimas de fraudes ou crimes econômicos nos últimos dois anos, o maior resultado já registrado pela consultoria. O levantamento aponta ainda que 52% das companhias brasileiras disseram ter aumentado o comprometimento financeiro no combate aos delitos.

Tantos escândalos de corrupção em grandes companhias serviram de alerta para os empreendedores que buscam incluir novos processos para garantir a segurança de suas operações, incluindo ferramentas de compliance. O termo, que vem do inglês “to comply”, significa agir de acordo com uma regra, uma instrução interna, um comando ou um pedido.

As soluções de compliance têm como objetivo garantir com que as empresas e seus colaboradores ajam de acordo com as leis, cumprindo à risca as normas legais, as políticas e as diretrizes relacionadas ao negócio, incluindo todas as áreas, desde a trabalhista até a contábil. Com um mundo cada vez mais digital, a utilização dessas novas tecnologias contribui para o ajuste com boas práticas de governança corporativa.

Apesar de parecer algo negativo, em um primeiro momento, realizar esse tipo de investigação é importante para garantir que tudo está em conformidade com a lei.  Isso porque, caso algo saia do controle, a imagem de uma empresa pode ser afetada de forma irreversível, além de causar perdas financeiras.

A implementação de uma área de compliance e gerenciamento de riscos oferece meios para que situações irregulares sejam encontradas rapidamente, evitando dores de cabeça no futuro. Dessa forma, é possível também agilizar o trabalho de auditoria, além de desenvolver melhorias para controlar de maneira eficiente todos os processos internos.

Mas você pode estar se perguntando, quando há a necessidade de realizar uma investigação e buscar por uma ferramenta tecnologia para auxiliar nesse problema? O momento é agora! A prevenção é o melhor caminho, já que a análise empresarial apurada é essencial para a prevenção de possíveis infrações.

Esteja sempre um passo à frente e em dia com as leis. O futuro do seu negócio depende disso!


Eduardo Tardelli é CEO da upLexis, uma empresa de software que desenvolve soluções de busca e estruturação de informações extraídas de grandes volumes de dados (Big Data) extraídos da internet e outras bases de conhecimento, correlacionando estas informações e gerando relatórios gráficos e analíticos para a melhor tomada de decisão.