Coisa do futuro? Não! Está acontecendo agora…

Hoje já é possível assistir a um show da sua banda favorita ou a um jogo de futebol sem sair de casa, mas com a sensação de estar no local do evento. Provar roupas virtualmente, ou acessar todas as informações dos produtos dispostos na prateleira de um supermercado, tudo isso através da tecnologia VR.

A Realidade Virtual é uma tecnologia de interface capaz de enganar os sentidos de um usuário, por meio de um ambiente virtual, criado a partir de um sistema computacional. O ambiente pode ser criado a partir do uso de um óculos que transporta a pessoa tanto para uma experiência imaginária ou real, com imagens, sons, e outras sensações que tenham sido criadas para replicar a experiência do mundo real.

Muitos conhecem essa tecnologia por causa do mundo dos games, alguns shoppings possuem até quiosques com estações de Realidade Virtual, mas hoje já existem diversas aplicações dessa tecnologia no mundo e que estão revolucionando diversos mercados. As pessoas já estão fazendo compras dentro do ambiente virtual, os médicos residentes, por exemplo, já podem treinar cirurgias de forma imersiva para que tenham maior segurança na hora de lidar com a situação real, policiais podem fazer treinamentos em situações de resgate com reféns e alunos podem viajar pelo corpo humano durante uma aula de biologia.

Conversamos com Fernando Godoy, Fundador da Flex Interativa, startup de digital experience, que desenvolve projetos inovadores que unem criatividade e tecnologia através de soluções interativas e imersivas com o uso das realidades virtual, aumentada, mista e de projeção mapeada, no mercado corporativo. Para ele, apesar de estarmos muito no início quando comparado a EUA e Europa, há cases bem interessantes. “Basicamente, qualquer ambiente pode ser reproduzido, de uma plataforma de petróleo ao funcionamento dos órgãos do corpo humano. Já gamificamos alguns processos de treinamento de empresas para ambientes 3D interativos. Para uma empresa transportamos o cliente para debaixo da terra para entender como funciona a absorção dos nutrientes pela planta”.

E para o mercado de arquitetura, decoração, design e construção, a tecnologia promete ajudar a transformar esse setor. Os cliente já podem ser inseridos dentro de um imóvel através da Realidade Virtual e ver todos os detalhes da planta, móveis, área de lazer, etc. Também é possível inserir vídeos explicando os materiais utilizados na obra. A tecnologia também pode ajudar o cliente a escolher o tipo de piso ou cor do apertamento. Dentro de um ambiente você consegue manipular e interagir de maneira única criando uma experiência imersiva com seus clientes.

Veja no vídeo abaixo, o exemplo da Ikea que utiliza a tecnologia para que os clientes tenham noção de como os produtos ficam em sua casa antes de comprá-los.

A Flex Interativa acabou de adquirir uma câmera capaz de fazer escaneamentos 3D de um imóvel inteiro com uma tecnologia muito superior a de um simples vídeo em 360°. Com essa tecnologia é possível não só escanear completamente um ambiente, mas também exportar a planta renderizada como um objeto 3D. Dessa forma é possível jogar o material dentro de uma plataforma de Realidade Aumentada ou Realidade Virtual.

arquitetura

Para imobiliárias, isso é um diferencial expressivo. Imagine capturar as imagens das 5 melhores casas em seu portfólio, exibi-las dentro de um aplicativo e permitir aos interessados que entrem dentro da casa. Imagine proporcionar à eles a sensação de andar pelos cômodos como se estivesse lá na vida real. “Arquitetos e construtoras tem a sua disposição um equipamento ágil para capturar imóveis num curto espaço de tempo, com preço mais acessível e o complemento da VR”, destaca.

Para Fernando, os profissionais precisam estar atentos a estas inovações que são realidades e não meras tendências como muitos ainda acreditam. É preciso avaliar qual é o impacto disso no seu segmento, como tornar um processo mais efetivo e pensar como os seus clientes se beneficiariam de tais tecnologias. “É importante estar sempre aberto para o novo pois muitos paradigmas estão sendo quebrados através destas inovações disruptivas”.

Quer saber mais sobre o assunto? Fernando será um dos palestrantes do INOVARCH, evento dedicado a reunir empreendedores e entusiastas da inovação nos setores da arquitetura, construção e design. Ele irá apresentar e demonstrar alguns exemplos e cases práticos que estão utilizando estas tecnologias e você poderá testar a tecnologia ao vivo em estações de realidade virtual com óculos de última geração. Além disso, você poderá entender mais sobre o universo das startups, modelagem de negócio, conhecer cases reais de inovação e claro, fazer muito networking.

Como apoiador do Inovarch, o Startupi oferece aos leitores um desconto especial de 30% no valor do ingresso. Clique aqui e utilize o código STARTUPI18 para garantir seu ingresso!