Fundada em 2015, a FindUP nasceu com a proposta de economia compartilhada e otimiza a busca por técnicos de informática em todo território brasileiro

Há algumas décadas seria impossível encontrar um profissional de TI qualificado, que prestasse serviços compatíveis com a necessidade do cliente quase em tempo real. Os processos necessários para adequar um especialista compatível com a demanda, levava em média, de três a quatro dias úteis. Nos dias de hoje, é possível encontrar, em até alguns minutos, um motorista ou cabelereiro, prontos para atender o cliente. E porque não seria possível encontrar um profissional de TI? Para solucionar essa questão, Fábio Freire, Gustavo Ferreira e Tiago Lira criaram a FindUP, uma plataforma que tem por finalidade otimizar a prestação de serviços de técnicos de informática, gerando redução de custos e agilidade com qualidade no atendimento.

“Nosso modelo de negócio deu tão certo, que conseguimos reduzir, em média, 30% dos custos fixos nas operações de field service de nossos clientes”, afirma Fábio Freire. Com três anos de atuação no mercado, a startup já possui no portfólio mais de 100 clientes. Dentre eles, importantes players do mercado, como Riachuelo, Pernambucanas, Calvin Klein, Brooksfield, Walmart, SmartFit, MRV Engenharia, Cinemark, L´Occitane.

Como funciona

Disponível na versão web e app (Android e iOS), o cliente compra créditos fornecidos pela FindUP, que possibilitam a contratação de um serviço especializado pelo período mínimo de três horas. Durante este intervalo, o técnico está à disposição para resolver qualquer problema, desde rede wi-fi até hardware. O conceito de geolocalização, introduzido na plataforma, encontra o profissional especializado mais próximo para cumprir o chamado e acompanha todo o atendimento. No final, o usuário classifica o serviço prestado em um ranking de 1 a 5. Técnicos avaliados com nota abaixo de três são criteriosamente analisados e, dependendo do caso, até resultam em remoção da base.

“Testamos e avaliamos o conhecimento dos nossos profissionais. Nosso critério de seleção é rigoroso: checamos desde os antecedentes do indivíduo, até as últimas experiências. Tudo para oferecer um serviço ético e transparente para os nossos clientes. Nossa taxa de retenção entre eles é, inclusive, de 98%. Ou seja, o resultado é significante expressivo dentro do nosso modelo de trabalho”, explica Freire.

Para os técnicos que se cadastram dentro da plataforma, a adesão é vantajosa: o pagamento é feito quinzenalmente e as demandas são recorrentes.