*Por Exame.com

O Instagram anunciou uma das maiores mudanças de estratégia  desde sua criação: os vídeos, antes limitados a um minuto, agora podem ter até uma hora de duração. A novidade é parte da chamada IGTV e funcionará em um aplicativo separado do Instagram.

A empresa busca transformar-se em uma espécie de YouTube para vídeos verticais. Pensado inicialmente para dispositivos móveis, o IGTV terá versões para Android e iPhone.

Kevin Systorm, CEO e cofundador do Instagram, fez o anúncio em uma conferência em vídeo (exibida em uma TV na vertical) em diversos países, incluindo o Brasil, que a empresa diz estar entre seus principais mercados.

Para o cofundador brasileiro da companhia, Mike Krieger, as filmagens na vertical são tendência por causa dos celulares atualmente, mas só o tempo dirá se esse formato se popularizará em outros apps e dispositivos, como TVs.

Como no aplicativo do Instagram, o IGTV terá sugestões de conteúdos para os usuários. Inicialmente, os vídeos publicados no app não poderão ser monetizados pelos criadores.

O rival YouTube oferece suporte principalmente para conteúdos filmados na horizontal. Isso ajuda a empresa do Google a ter apps para TVs e funcionar bem no computador. No celular, é preciso virar a tela em modo paisagem para visualizar o vídeo em tela cheia atualmente, na maioria dos vídeos.

Junto ao anúncio do novo app IGTV, o Instagram também informou que atingiu o marco de um bilhão de usuários ativos mensalmente no mundo todo.

*Por Lucas Agrela para Exame.com.