A Cisco acaba de anunciar um acordo para adquirir a startup Accompany, que usa Inteligência Artificial para construir banco de dados de pessoas e relacionamentos de empresas. O valor do acordo é de US$270 milhões.

A fundadora e CEO, Amy Chang, comparou o produto com um chefe de equipe digital ou assistente pessoal, dando aos executivos o contexto que eles precisam antes de conversas e reuniões. A Cisco planeja incorporar a tecnologia Accompany em seus produtos de colaboração, por exemplo, introduzindo perfis de empresas e individuais em reuniões da Webex, produto da empresa que oferece reuniões pela web, recursos de vídeo, slides, chat e mais.

A empresa provavelmente não precisou procurar muito pela startup, já que Chang, que anteriormente serviu como chefe de produto para medição e relatórios de anúncios do Google, está no conselho de administração da Cisco desde outubro de 2016. Como parte da transação, ela está se demitindo do conselho, com efeito imediato. Ela assumirá o Grupo de Tecnologia de Colaboração da empresa.

“Amy provou ser uma líder eficaz e inovadora ao longo de seus anos como empreendedora, engenheira e CEO, e eu não poderia estar mais satisfeito de ter a equipe da Accompany na Cisco”, disse o presidente e CEO da Cisco, Chuck Robbins. “Juntos, temos a grande oportunidade de aprimorar ainda mais os recursos de Machine Learning e Inteligência Artificial em nosso portfólio de colaboração e continuar a criar incríveis experiências de colaboração para os clientes.”

De acordo com a Crunchbase, a Accompany levantou cerca de US$ 40 milhões em financiamento de investidores como CRV, Cowboy Ventures, Iconiq Capital e Ignition Partners.

Fonte: TechCrunch