* Por Diego Minone

Qual é a melhor plataforma de pagamento online? Essa é uma pergunta que recebemos diariamente na Pluga e é bastante difícil de responder.

Além da enorme quantidade de plataformas disponíveis no Brasil, como PagSeguro, Moip, Pagar.me, PayPal, MercadoPago e Vindi, cada modelo de negócio deve ser analisado minuciosamente antes do martelo ser batido, afinal de contas, nenhum empreendedor quer contratar os serviços de uma plataforma que traga dores de cabeça.

Mas antes de falar o que é importante analisar, é preciso saber o que é uma plataforma de pagamento online e como ela funciona.

Plataforma de pagamento online: O que é e como funciona?

Estudiosos afirmam que no futuro as plataformas de pagamento online irão dominar o mundo – ou pelo menos extinguir de vez as moedas e notas em papel.

É através da plataforma de pagamento online (talvez você a conheça como intermediadora ou facilitadora de pagamentos) que o gerenciamento das vendas pode ser feito de forma simples e segura em uma empresa na web, além de oferecer uma diversidade de formas de pagamento para os consumidores escolherem.

Para ser bem claro, um intermediador de pagamento tem como papel transmitir dados entre o cliente, a loja virtual e os bancos. Ele é quem fica literalmente no meio, passando informações de um lado para o outro.

Quais são formas de pagamento online existentes?

Uma das maneiras de fazer a sua empresa alavancar nas vendas é oferecer aos clientes diversas formas de pagamento online. Selecionamos as mais populares entre as principais plataformas de pagamento para você.

→ Cartão de Crédito;

→ Boleto Bancário;

→ Débito Automático;

→ Pagamentos Digitais;

→ Transferência bancária;

O que considerar na hora de escolher a plataforma de pagamento online da sua empresa?

Para ajudar a escolher a ideal, é preciso conhecer pelo menos as principais plataformas de pagamento online e compará-las. Você não pode ignorar:

→ Taxas;

→ Antifraude disponível;

→ Facilidade de integração com outras ferramentas;

→ Reconhecimento do público;

→ Disponibilidade de API’s;

→ Tempo entre análise e aprovação das transações;

→ Antecipação de recebíveis.

Todos os itens acima são muito importantes, mas você precisa analisá-los de acordo com o modelo de negócio da sua empresa. Por exemplo, para uma empresa de turismo é muito importante que a plataforma de pagamento tenha um antifraude eficiente, pois a compra de passagens ou milhas com cartões clonados é mais comum. Já para a Pluga, que é uma empresa de tecnologia que conecta ferramentas web, é menos comum ter fraudes, então não chega a ser um fator decisório para escolher a plataforma.

Agora que você já sabe como e o que é preciso analisar para escolher a plataforma de pagamento da sua empresa sem erros, é hora de compará-las. Acesse o infográfico “Como escolher o melhor meio de pagamento digital para o seu negócio” e confira a tabela comparativa com das principais plataformas de pagamento online que atuam no Brasil.


Diego Minone é responsável pelo marketing da Pluga , empresa que conecta as principais ferramentas web do mercado de forma simples e rápida, e tem como objetivo ajudar PMEs a se profissionalizarem e tornarem seus mecanismos de trabalho mais eficazes.